JUMENTO DO DIA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

JUMENTO DO DIA

Mensagem por Viriato em Seg Mar 28, 2011 3:04 am

JUMENTO DO DIA

Pedro Passos Coelho

É preciso ter muita lata e ainda ajuda ser irresponsável e aldrabão, então Passos Coelho parafraseou Cavaco Silva dizendo que "há um limite para exigir sacrifícios aos portugueses" e agora vai à Reuters dizer que votou contra o PEC porque queria um PEC ainda mais duro?
Lá que Pedro Passos Coelho seja burro já todos percebemos e o problema é dele, mas querer fazer dos portugueses parvos já é de mais. Fez xixi nas calças depois de ter levado o puxão de orelhas da senhora Merkel e ter sido ridicularizado na Europa e mudou o discurso, agora o durão é ele.


«"Votámos contra o pacote de austeridade, não porque foi longe demais, mas porque não vai suficientemente longe para obter resultados na dívida pública", esclareceu o presidente do PSD, refutando a ideia de que foi o chumbo do PEC no Parlamento, que desencadeou a crise política, o causador das elevadas taxas de juro. "O que aconteceu é que os mercados não acreditam que o Governo tem credibilidade e legitimidade suficientes para cumprir as suas metas", sustentou Passos Coelho. Sublinhando que o seu partido está "totalmente empenhado" em atingir as metas orçamentais acordadas com Bruxelas, Passos Coelho não põe de parte a possibilidade de o Governo de José Sócrates, demissionário, solicitar ajuda externa, numa situação de emergência, mesmo quando formalmente passar a estar em gestão. "Temos de evitar uma situação como essa", salvaguardou.» [JN]
avatar
Viriato

Pontos : 16657

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: JUMENTO DO DIA

Mensagem por Viriato em Qua Mar 30, 2011 10:43 am

Ângelo Correia

Neste país onde se tornou moda andar à rasca não admira que Ângelo Correia se afirme agora também como um político rasca, que escreve de forma rasca, se dirige aos adversários de forma rasca, que inventou um líder do PSD rasca e que pense de forma rasca. Pensa de uma forma tão rasca que se esquece de que mesmo que venha a ganhar as eleições o PSD corre um sério risco de ter que ter um PS a fazer o mesmo que o partido do seu empregado fez ao governo do eng.º Pinto de Sousa, mais conhecido por José Sócrates, como esta este senhor se refere ao primeiro-ministro.

Esperemos que o engenheiro que um dis pensou comprar a GALP em nome dos americanos da Carlyle e com o dinheiro da CGD não venha a ter de engolir os artigos que escreve, mesmo que isso o faça sentir-se à rasca.

«Por tudo isto, a relação política e pessoal que o engº Pinto de Sousa criou, desenvolveu e estabeleceu com a oposição à sua direita não é de molde a permitir acordos futuros.» [CM]
avatar
Viriato

Pontos : 16657

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: JUMENTO DO DIA

Mensagem por Viriato em Qua Mar 30, 2011 10:45 am

"UM HOMEM INVULGAR"


Quando reparei num cartaz nas lojas do El Corte Ingles anunciando o novo livro de Felícia Cabrita, a jornalista especializada em conseguir ter acesso a tudo o que está sob segredo de justiça sem quaisquer consequências, ia tendo uma coisa. Então não é que o tal "homem invulgar" não é nem mais nem menos do que o Pedro Passos Coelho, precisamente aquele que Mendes Bota apresentou como um igual a todos nós por viver na rasca Massamá.


E quando reparei que o livro ia ser apresentado por Mário Crespo resistir a ter outra coisa e poupei uma consulta ao cardiologista. Quase aposto que quando ligar a SIC vai aparecer a Manuela Moura Guedes a entrevistar a conduzir um debate entre o Carrilho e Medina Carreira sobre as invulgaridades de Passos Coelho.


Mas depois de ler as notícias percebi porque razão o homem é mesmo invulgar, quem diz em Portugal e em bom português que é contra o PEC porque tal como disse Cavaco há limites para a austeridade e depois diz num inglês razoável à Reuters precisamente o contrário que "We voted down the austerity package not because it went too far but because it didn't go far enough to deliver results on public debt", este homem, o homem que não nasceu em berços dourados, que vive em Massamá, não é mesmo um homem vulgar.


Ainda por cima tem a mania dos livros ou está com receio de ter uma carreira política tão curta que promove todas as iniciativas editoriais ainda antes das legislativas, não vá o diabo tecê-las, já escreveu (pelo menos o nome está na capa) um e agora é a louraça do Sol que lhe escreve outro.
avatar
Viriato

Pontos : 16657

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: JUMENTO DO DIA

Mensagem por Viriato em Qua Abr 06, 2011 8:07 am

Bagão Félix, conselheiro de Cavaco

Desde que foi convidado para conselheiro de Estado Bagão Félix tem andado numa tal exitação que não sai das primeiras páginas dos jornais, tem gostado tanto do protagonismo que decidiu chamar a si o papel de julgador de Sócrates, o que não é nada de novo, quando chegou a ministro do Trabalho o ministério começou a vasculhar os arquivos em busca de acusações a Ferro Rodrigues, mais tarde destacou-se como um dos homens mais activos no Processo Casa Pia.

Desta vez meteu-se decidiu confundir o Conselho de Estado com uma roda de amigos e veio acusar Sócrates de ser mentiroso, coisa que, convenhamos, neste país já não surpreende ninguém, não há idiota que não lhe chame isso e da fama não se vai livrar. Mas de entre todos os conselheiros de Estado porque razão só Bagão veio a público chamar mentiroso a Sócrates?

A resposta é simples, porque não está à altura do cargo e o facto é que Almeida Santos já o desmentiu e nenhum dos seus amigos do Conselho de Estado veio em sua defesa. Enfim, Cavaco anda mesmo bem aconselhado.

Resta-nos esperar que Bagão Félix venha esclarecer que no momento em que imaginava que estava a ser discutido a ajuda intercalar tinha ido fazer xixi.

«Bagão Félix disse esta terça-feira à Antena 1 que José Sócrates mentiu ontem na entrevista que deu à RTP ao negar que um pedido de empréstimo intercalar tenha sido assunto de conversa no Conselho de Estado.



«Não vou revelar o que se passou no Conselho de Estado, mas ouvi ontem o primeiro-ministro a dizer que esta questão não tinha sido abordada no Conselho de Estado..., acho que o senhor primeiro-ministro ou é surdo - o que não é - ou estava distraído - o que não estava - ou é mentiroso», disse aos microfones da Antena 1. «Na ética política não vale tudo. E lamento dizer isto do primeiro-ministro do meu país».» [Portugal Diário]
avatar
Viriato

Pontos : 16657

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: JUMENTO DO DIA

Mensagem por Viriato em Sab Abr 16, 2011 4:17 am

Pedro Passos Coelho


Passos Coelho era detestado em Belém e acarinhado por Ângelo Correia, outro proscrito do cavaquismo. Hoje é apoiado em Belém e acarinhado por Eduardo Catroga, um braço direito de Cavaco Silva. o que se passou no período em que ocorreu esta transformação? O país foi atirado deliberadamente para uma crise política que o forçou a ajoelhar-se perante o FMI e os novos tigres da União Europeia, Cavaco assobiou para o ar mostrando que a magistratura activa deu lugar à magistratura do canário mudo e Passos Coelho ficou a saber que a mentira tem perna curta.


Ficamos a pensar que falhado o golpe de Estado das escutas a Belém alguém foi decidiu ser mais afoito não hesitando colocar o país em risco, obrigando os portugueses a engolir uma dose dupla de austeridade só para se finalmente se ver livre de Sócrates. Pensar que tudo isto foi estratégia de Passos Coelho é ilusão, o líder do PSD pode ser palerma mas não é canalha, pode ser mentiroso mas não domina a arte da conspiração, pode não ter ideias próprias e por isso mesmo toda esta manobra é demais para a sua escassa inteligência estratégica.

Mas então qual é o papel de Passos Coelho? Há várias expressões portuguesas que o caracterizam, marioneta, pau-mandado, peão de brega, etc.. Temos, portanto, um candidato a primeiro-ministro de Portugal com menos capacidade de decisão e que está mais condicionado pelas ordens de Cavaco Silva do que o jardineiro do Palácio de Belém.[center]
avatar
Viriato

Pontos : 16657

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: JUMENTO DO DIA

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum