Mundial 2014

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mundial 2014

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Jul 30, 2011 5:15 pm

.
Rússia é principal adversário em grupo acessível

Ontem


Além dos russos, Portugal tem ainda como adversários no grupo F de qualificação as selecções de Israel, Irlanda do Norte, Azerbaijão e Luxemburgo

O sorteio das eliminatórias para o Mundial2010 de futebol colocou hoje Rússia, Israel, Irlanda do Norte, Azerbeijão e Luxemburgo no caminho da selecção portuguesa, que ficou inserida no grupo F de qualificação.

O sorteio realizado no Rio de Janeiro, e em que estiveram presentes o selecionador de Portugal, Paulo Bento, e o presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Gilberto Madail, ditou o reencontro com a Rússia, equipa que esteve no caminho de Portugal rumo ao Mundial2006.

Os jogos da fase de apuramento para o Campeonato do Mundo têm início a 07 setembro de 2012 e terminam a 15 de outubro de 2013.

O primeiro classificado de cada um dos nove grupos apura-se directamente para a competição, enquanto os oito melhores segundos classificados terão de disputar, posteriormente, um "playoff", para decidir os últimos quatro apurados.

O Mundial2014 tem início a 12 de Junho de 2014 e termina a 13 de julho.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Éder e Neto sabem quinta-feira se jogam com o Panam

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Ago 15, 2012 8:32 am

.
Éder e Neto sabem quinta-feira se jogam com o Panamá

por Octávio Lousada Oliveira com Lusa
06 Agosto 2012


Paulo Bento revela lista de convocados para o jogo particular com o Panamá no dia 15; avançado do Sp. Braga e defesa do Siena podem ser as grandes novidades entre os eleitos.

A partida, agendada para o próximo dia 15, às 21.00, será a primeira da época 2012/13, após as meias-finais do Euro 2012, no estádio do Algarve. Esta será a primeira oportunidade para Paulo Bento testar novas opções para a equipa nacional.

Beto, Quim, Nuno André Coelho, Custódio, Hugo Viana, Rúben Micael, Hélder Barbosa e Éder, todos do Sporting de Braga, estão entre os pré-convocados, tal como o defesa-lateral Nelson, do Bétis, e Luís Neto, central que recentemente se transferiu do Nacional para o Siena de Itália.

A seguir ao anúncio do técnico, será a vez do selecionador nacional de sub-21, Rui Jorge, dar a conhecer os convocados para o jogo de preparação frente à Macedónia, que terá lugar um dia antes, a partir das 18.00, no estádio Municipal de Ponte de Sor.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento mantém o "núcleo duro" do Euro 2012

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Ago 15, 2012 8:37 am

.
Paulo Bento mantém o "núcleo duro" do Euro 2012

por João Ruela
09 Agosto 2012


Selecionador nacional convocou 23 jogadores para o particular contra o Panamá. Há apenas uma alteração em relação ao Euro 2012: sai Quaresma e entra Carlos Martins.

A lista de convocados de Paulo Bento para o jogo participar que irá opor a seleção portuguesa à congénere do Panamá não deu lugar a grandes surpresas. O regresso de Carlos Martins à seleção nacional é a nota de maior destaque numa lista que mantém o "núcleo duro" do Euro 2012.

O selecionador nacional promoveu apenas uma alteração relativamente à equipa que esteva presente no Europeu: a saída de Ricardo Quaresma para o regresso esperado de Carlos Martins, após o médio do Benfica ter falhado o Euro 2012 por lesão.

Nélson (Bétis), Luís Neto (Siena, Itália), Quim, Nuno André Coelho, Hélder Barbosa e Éder (todos do Sporting de Braga) estavam pré-convocados por Paulo Bento, mas o selecionador optou por não dar oportunidades a nenhuma "cara nova", de modo a começar a trabalhar já com o grupo que tentará qualificar Portugal para o Mundial 2014, que se disputará no Brasil.

Portugal defrontará o Panamá dia 15 de agosto, no estádio do Algarve, naquele que será o último ensaio antes da estreia na fase de qualificação para o Mundial, que a seleção nacional iniciará no Luxemburgo, a 7 de setembro.

Lista de convocados:

Guarda-redes: Beto, Eduardo, Rui Patrício;

Defesas: Bruno Alves, Fábio Coentrão, Miguel Lopes, João Pereira, Pepe, Ricardo Costa, Rolando;

Médios: Carlos Martins, Custódio, Hugo Viana, João Moutinho, Miguel Veloso, Raul Meireles, Rúben Micael.

Avançados: Cristiano Ronaldo, Hugo Almeida, Hélder Postiga, Nani, Nélson Oliveira e Silvestre Varela.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Árbitro espanhol dirige Portugal-Panamá

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Ago 15, 2012 8:44 am

.
Árbitro espanhol dirige Portugal-Panamá

por Octávio Lousada Oliveira com Lusa
13 Agosto 2012

César Muñiz Fernández vai apitar o jogo de caráter particular que vai opor a equipa das quinas à seleção da América Central, que visa preparar o apuramento para o Mundial 2014, que vai ter lugar no Rio de Janeiro.

O juiz espanhol (de origem belga) tem 42 anos e arbitra no principal escalão do futebol do país vizinho desde 2000. Em 2007, tornou-se internacional, tendo como partida mais polémica do seu currículo o Real Madrid-Barcelona, de 16 de abril de 2011, a contar para a liga espanhola. O encontro terminou com um empate (1-1), com os golos a serem apontados por Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, ambos de grande penalidade.

Portugal e a congénere panamiana, 54.ª do ranking mundial da FIFA, vão defrontar-se pela primeira vez na história a partir da 21.00 horas de quarta-feira, no Estadio Algarve, em Faro.

A equipa das quinas disputará depois um lugar na fase final do torneio brasileiro com Rússia, Irlanda do Norte, Israel, Azerbaijão e Luxemburgo, começando por visitar o grão-ducado no próximo dia 7 de setembro.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento: "Não estamos aqui para prejudicar ninguém"

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Ago 15, 2012 8:50 am

.
Paulo Bento: "Não estamos aqui para prejudicar ninguém"

por Octávio Lousada Oliveira
Ontem


O selecionador não abriu o jogo sobre o onze que vai apresentar frente ao Panamá e disse ainda que os treinadores dos clubes sabem que podem contar com o "bom-senso" da equipa técnica da seleção na gestão dos seus jogadores.

Paulo Bento contrariou esta terça-feira a ideia de que o encontro frente a Panamá possa ser levado menos a sério pelos jogadores portugueses e reiterou a sua "confiança no espírito competitivo" dos 23 eleitos para o jogo de preparação para a qualificação para o Mundial 2014.

"Se nos reconheceram não só o desempenho mas também o empenho no Euro 2012, não faz sentido perder todo esse trabalho na qualificação para o Mundial 2014", realçou o técnico de 43 anos.

Sem querer desvendar o onze que vai utilizar diante da congénere da América Central, o técnico luso evitou também falar da cedência de Nelson Oliveira ao Deportivo da Corunha: "A política e a filosofia dos clubes é para ser respeitada e a equipa técnica da seleção nacional não tem de se imiscuir. Quanto ao jogo, ainda vamos decidir a estrutura que apresentaremos mas o Nelson é uma possibilidade, dentro de um modelo a que ele também já está habituado."

O calendário internacional, definido pela FIFA, continua a suscitar muitas críticas por parte dos treinadores dos principais clubes mundiais e, uma vez mais, Paulo Bento não quis entrar em polémicas, remetendo a questão para a entidade que tutela o futebol mundial.

"Não houve pedido de nenhum clube para que dispensássemos atletas. Entendo a questão das datas mas é algo que tem de ser resolvido em sede própria. Para além, da nossa seleção e do Panamá, há mais 45 jogos internacionais. Agora, já todos entenderam que não estamos aqui para prejudicar quem quer que seja. Estamos aqui para potenciar uma forma de jogar. Queremos competitividade mas já perceberam que há bom-senso deste lado. O bem-estar dos jogadores é o mais importante no futebol", respondeu Bento, a finalizar a conferência de imprensa.

À margem da partida de quarta-feira, o selecionador elogiou Cristiano Ronaldo, recordando os "dez anos de rendimento extraordinário, em representação de três grandes clubes".

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento: UEFA e FIFA "pensam mais na publicidade"

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Ago 15, 2012 8:56 am

.
Paulo Bento: UEFA e FIFA "pensam mais na publicidade"por Sarah Saint-Maxent com LusaOntem


O selecionador português de futebol lamentou esta terça-feira estar impedido de utilizar todos os jogadores no particular com o Panamá, considerando que a UEFA e a FIFA não dão a importância necessária à parte desportiva.

"Parecem-me de todo de bom senso que numa data como esta, num momento da temporada como este, após uma grande competição internacional, haja a possibilidade de fazer 11 substituições", observou Paulo Bento durante a conferência de imprensa de antevisão do jogo de quarta-feira, no Estádio Algarve.

Para Paulo Bento, "o problema é que na UEFA e na FIFA pensam mais na publicidade e no marketing e menos na parte desportiva", pedindo que as posições dos treinadores e jogadores sejam tidas em consideração pelas instâncias internacionais.

"Está em causa a gestão e o bem-estar dos jogadores", advertiu o selecionador português, na véspera do encontro com o Panamá, com início às 21.00 de quarta-feira, e que serve de preparação para a fase de qualificação para o Mundial de 2014, no Brasil.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

"Como bem, sou de digestão fácil e não tenho azia"

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Ago 15, 2012 9:21 am

.
"Como bem, sou de digestão fácil e não tenho azia"

por João Ruela
09 Agosto 2012


Selecionador nacional mostrou-se indiferente às críticas de que foi alvo durante o Euro 2012 e reconhece que poderá ser contestado pelos treinadores dos clubes dos 23 jogadores que convocou.

Questionado sobre se já teria digerido as críticas de que foi alvo durante o Euro 2012, Paulo Bento respondeu com ironia. "Como bem, sou de digestão fácil e não tenho problemas de azia", atirou o selecionador nacional, na conferência de imprensa de antevisão ao jogo particular com o Panamá, para o qual Paulo Bento chamou 23 atletas.

Tendo em conta que a seleção nacional irá "roubar" jogadores aos clubes a poucos dias do início do campeonato, Paulo Bento compreende que os treinadores que ficarão provivados dos jogadores portugueses possam ficar descontentes. Mas pede compreensão mútua.

"Eu entendo, ainda para mais com jogadores que se apresentam mais tarde, quando estão no início da preparação e têm de a interromper. Mas cho que os treinadores dos clubes também entendem a nossa posição, porque são estes jogos que nos permitem preparar para as grandes competições. Estas questões têm de ser resolvidas em sede própria", frisou.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Portugal à procura da segunda vitória

Mensagem por Joao Ruiz em Ter Set 11, 2012 8:16 am

.
Portugal à procura da segunda vitória

por Lusa, publicado por Sarah Saint-Maxent
Hoje


A seleção portuguesa de futebol recebe esta terça-feira o Azerbaijão, no segundo jogo do grupo F europeu de qualificação para o Mundial de 2014, quatro dias depois de se ter estreado com uma vitória tangencial no Luxemburgo, por 2-1.

Com a totalidade dos jogadores disponíveis, o selecionador Paulo Bento deverá apresentar um 'onze' muito semelhante ao que alinhou no Luxemburgo, frente ao qual a equipa lusa esteve a perder por 1-0, mas deu a volta ao resultado com golos dos avançados Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga.

Portugal procura isolar-se na liderança do agrupamento, na expectativa de aproveitar um eventual deslize em Israel da seleção russa, vencedora por 2-0 na receção à Irlanda do Norte, que joga em casa com o Luxemburgo no mesmo dia.

Depois de ter falhado a esperada goleada perante a formação luxemburguesa, a equipa das 'quinas' volta a deparar-se com a possibilidade de obter um resultado volumoso no confronto com a seleção do grupo em pior posição no 'ranking' da FIFA, 103 lugares atrás de Portugal, que ocupa o quarto posto.

A seleção portuguesa marcou 10 golos e não sofreu nenhum nos dois únicos encontros em que recebeu o conjunto azeri, impondo-se por 7-0 e 3-0, nos apuramentos para o Europeu de 2000 e de 2008, apesar de no Azerbaijão não ter sido tão dominadora, averbando um empate 1-1 e um triunfo por 2-0.

Frente à frágil representação azeri, Portugal tem também uma oportunidade de ouro de entrar na fase de apuramento com duas vitórias, o que aconteceu nas campanhas para os Mundiais de 1966, 1986 e 2006 e que foi sempre sinónimo de qualificação para a competição.

O estádio municipal de Braga, onde Portugal nunca ganhou (derrota por 2-1 com a Itália e empate 0-0 com a Albânia), vai ser o palco do jogo com o Azerbaijão, com início às 20.15 horas e que será dirigido pelo árbitro polaco Szymon Marciniak.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento: "Se calhar não consegui passar a mensagem"

Mensagem por Joao Ruiz em Ter Set 11, 2012 8:21 am

.
Paulo Bento: "Se calhar não consegui passar a mensagem"

por Sarah Saint-Maxent
Ontem


O selecionador português fez, esta segunda-feira, a antevisão do encontro com o Azerbaijão, de qualificação para a fase final do Mundial 2014, no Brasil.

Para Paulo Bento, a pobre exibição no jogo com o Luxemburgo não se deveu a "atitude ou querer", mas antes a "questões culturais", algo que deverá ser retificado para o jogo com o Azerbaijão, na terça-feira.

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo contra os azeris, o selecionador admitiu que talvez o problema tenha sido na transmissão da mensagem aos jogadores: "Possivelmente não consegui passar a mensagem da melhor maneira", afirmou, lembrando que é necessário manter a atenção em encontros com adversários mais 'modestos'.

"Se calhar a mensagem não foi tão consistente e tão boa como devia ter sido. Tentamos inverter essa situação neste intervalo de tempo entre os dois jogos", garantiu Paulo Bento.

Para o jogo com o Azerbaijão, o técnico português garante que não vai 'mexer' muito nos habituais titulares e na estrutura tática.

"Jogaremos da forma habitual, dentro do sistema tático que normalmente usamos", disse o técnico, justificando a opção por uma questão de "identidade" e "estabilidade", esperando apenas que a equipa "dê um clique" relativamente à passividade demonstrada nos primeiros 15 minutos no Luxemburgo.

O selecionador reconheceu a importância de chegar com seis pontos conquistados ao jogo da terceira jornada, na Rússia, que considerou a principal adversária na luta pela vitória no grupo, mas rejeitou que isso exerça uma "pressão exacerbada" para o confronto com o Azerbaijão.

"Perder pontos frente a equipas às quais devemos ganhar é que nos pode colocar numa posição mais delicada. Somos favoritos e devemos assumi-lo, mas temos de ter capacidade de o demonstrar e pôr em prática", advertiu.

A seleção segue esta segunda-feira para Braga, onde na terça-feira defronta o Azerbaijão, pelas 20.15, no estádio AXA.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Três golos e seis bolas ao ferro do Azerbaijão

Mensagem por Joao Ruiz em Qui Set 13, 2012 9:40 am

.
Três golos e seis bolas ao ferro do Azerbaijãopor Lusa, publicado por Sarah Saint-Maxent11 setembro 2012


Postiga e Bruno Alves marcaram os golos já na segunda parte.

- Final do jogo em Braga. Portugal vence e soma três pontos, igualando a Rússia na liderança do Grupo F com seis pontos. O jogo fica marcado também com a falta de sorte da seleção nacional, que atirou a bola por cinco vezes ao poste.

- Bruno Alves faz o 3-0 a dois minutos do fim. Moutinho marca o canto e o central salta e cabeceia para dentro da baliza.

- Éder estreia-se na seleção nacional, entrando para o lugar de Postiga aos 87'.

- Postiga faz o 2-0 aos 86'. Cruzamento de Raúl Meireles, Ronaldo passa de cabeça para Postiga e este atira de pé direito sem oposição na pequena área.

- Grande remate de João Pereira, fora da área, mas mais uma vez o guarda-redes azeri faz defesa espetacular, aos 85'.

- E a sexta bola ao poste aparece. Ronaldo tem uma excelente iniciativa, foge pela esquerda, já dentro da área cruza para Coentrão, este chuta já no chão e o guarda-redes desvia a bola para o...poste

- Golo de Varela, aos 64'. O extremo entrara poucos segundos antes, ganhou uma bola no meio-campo e acabou por marcar já dentro da área após um remate de Ronaldo que acabou por 'cair' nos seus pés. Sem hesitar rematou e marcou.

- E mais uma, aos 59'. Fábio Coentrão rouba uma bola na esquerda, cruza para Postiga, este deixa para Ronaldo à entrada da área que atira forte à barra.

- Impressionante, mais uma bola ao poste, a quarta neste jogo, agora foi a vez de Cristiano Ronaldo, aos 50'

- Logo no primeiro minuto da segunda parte o guarda-redes do Azerbaijão volta a brilhar, evitando o golo de Bruno Alves, de cabeça, no seguimento de um canto.

- RECOMEÇOU A PARTIDA

- Portugal chega ao intervalo empatado sem golos com o Azerbaijão. A turma das quinas, contudo, tem esmagado por completo o adversário e só tem pecado (e de que forma) na hora de finalizar.

- Novo falhanço escandaloso. Raúl Meireles surge sozinho na cara do guarda-redes e em vez de chutar tenta passar a bola para Postiga, mas um adversário curtou o cruzamento.

- Outra ao poste. Postiga tem extraordinária intervenção, ultrapassando três adversários e já dentro da área atira ao poste.

- Agora é Cristiano Ronaldo muito perto do golo. Bruno Alves cabeceia e o capitão deixa-se antecipar já na pequena área por um adversário quando só tinha de encostar a bola para dentro da baliza.

- Postiga falha escandalosamente aos 37'. Na sequência de um livre o avançado cabeceia sozinha na pequena área mas a bola saiu ao lado do poste.

- Mais uma bola à barra. Moutinho, quase no seguimento da defesa de Agayev, atira à barra do Azerbaijão.

- Agayev salva o Azerbaijão, aos 22', com brilhante defesa a remate de João Moutinho.

- Postiga atira à barra aos 18', após excelente jogada de combinação entre João Pereira e Ronaldo, que depois assiste o avançado no centro da área. Este chuta de primeiro e a bola vai à barra.

- O Azerbaijão aos 15' também assusta na sequência de um pontapé de canto.

- Boa ocasião de golo para Portugal aos 6 minutos. Bruno Alves cruza já dentro da área e Cristiano Ronaldo cabeceia com perigo, mas ao lado.

Começou o jogo em Braga.

JÁ HÁ EQUIPAS

Portugal - Rui Patrício; João Pereira, Bruno Alves, Pepe, Fábio Coentrão; Miguel Veloso, João Moutinho, Raúl Meireles; Nani, Cristiano Ronaldo e Postiga

Azerbaijão: Agayev; Gokdemir, Shukurov, Allahverdiyev, Ozkara, Sadigov, Abishov, Huseynov, Medvedev, Amirguliyev e Levin

Com a totalidade dos jogadores disponíveis, o selecionador Paulo Bento deverá apresentar um 'onze' muito semelhante ao que alinhou no Luxemburgo, frente ao qual a equipa lusa esteve a perder por 1-0, mas deu a volta ao resultado com golos dos avançados Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga.

Portugal procura isolar-se na liderança do agrupamento, na expectativa de aproveitar um eventual deslize em Israel da seleção russa, vencedora por 2-0 na receção à Irlanda do Norte, que joga em casa com o Luxemburgo no mesmo dia.

Depois de ter falhado a esperada goleada perante a formação luxemburguesa, a equipa das 'quinas' volta a deparar-se com a possibilidade de obter um resultado volumoso no confronto com a seleção do grupo em pior posição no 'ranking' da FIFA, 103 lugares atrás de Portugal, que ocupa o quarto posto.

A seleção portuguesa marcou 10 golos e não sofreu nenhum nos dois únicos encontros em que recebeu o conjunto azeri, impondo-se por 7-0 e 3-0, nos apuramentos para o Europeu de 2000 e de 2008, apesar de no Azerbaijão não ter sido tão dominadora, averbando um empate 1-1 e um triunfo por 2-0.

Frente à frágil representação azeri, Portugal tem também uma oportunidade de ouro de entrar na fase de apuramento com duas vitórias, o que aconteceu nas campanhas para os Mundiais de 1966, 1986 e 2006 e que foi sempre sinónimo de qualificação para a competição.

O estádio municipal de Braga, onde Portugal nunca ganhou (derrota por 2-1 com a Itália e empate 0-0 com a Albânia), vai ser o palco do jogo com o Azerbaijão, com início às 20.15 horas e que será dirigido pelo árbitro polaco Szymon Marciniak.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mundial 2014

Mensagem por QaaQenymin em Sab Out 13, 2012 1:01 am

Portugal perde (0-1) na Rússia com golo madrugador


A Selecção Nacional saiu derrotada na 3.ª jornada do grupo F de apuramento para o Mundial-2014.
Um golo de Kerzhakov, aos seis minutos, bastou para a Rússia triunfar perante Portugal e isolar-se no comando do grupo de qualificação.

Resultados e marcadores dos jogos de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2014. Classificações dos diferentes grupos de apuramento da zona europeia.

Grupo A

Resultados:

Sérvia – Bélgica, 0-3
(Benteke 34; De Bruyne 68; Mirallas 90+1)

Macedónia – Croácia, 1-2
(Demiri 16) (Corluka 33; Rakitik 60)

País de Gales – Escócia, 2-1
(Gareth Bale 81 g.p., 89) (Morrison 27)

Classificação:
1. Bélgica 7 pontos/ 3 jogos
2. Croácia 7/ 3
3. Sérvia 4/ 3
4. País de Gales 3/ 3
5. Escócia 2/ 3
6. Macedónia 1/ 3

Grupo B

Resultados:

Arménia – Itália, 1-3
(Mkhitaryan 27) (Pirlo 11 g.p.; De Rossi 64; Osvaldo 82)

Rep. Checa – Malta, 1-3
(Selassie 34; Pekhart 53; Rezek 67) (Briffa 38)

Bulgária – Dinamarca, 1-1
(Rangelov, 7) (Bendtner 40)

Classificação:
1. Itália 7 pontos/ 3 jogos
2. Rep. Checa 4/ 2
3. Bulgária 4/ 2
4. Arménia 3/ 3
5. Dinamarca 1/ 1
6. Malta 0/ 3

Grupo C

Resultado:

Ilhas Faroé, 1 – Suécia, 2
Baldvisson (57); Kacaniklik (65), Ibrahimovic (75)

Cazaquistão, 0 – Áustria, 0

Rep. Irlanda, 1 – Alemanha, 6
Keogh (90+2); Réus (32, 40), Ozil (55), Klose (58) e Kroos (61, 83)

Classificação:
1. Alemanha 9 pontos/ 3 jogos
2. Suécia 6/ 2
3. Rep. Irlanda 3/ 2
4. Áustria 1/ 2
5. Kasaquistão 1/ 3
6. Ilhas Féroé 0/ 2

Grupo D

Resultados:

Turquia – Roménia, 0-1
(Grozav 45+1)

Estónia – Hungria, 0-1
(Hajnal 47)

Holanda – Andorra, 3-0
(Van der Vaart 7, Huntelaar 15, Schaken 50)

Classificação:
1. Holanda 9 pontos/ 3 jogos
2. Roménia 9/ 3
3. Hungria 6/ 3
4. Turquia 3/ 3
5. Estónia 0/ 3
6. Andorra 0/ 3

Grupo E

Resultados:

Suíça, 1 – Noruega, 1
(Gravranovic 79) (Hangeland 81)

Albânia, 1 – Islândia, 2
(Çani 29) (Bjarnason 19; Sigurdson 81)

Eslovénia, 2 – Chipre, 1
(Matavz 38, 62) (Aloneftis 83)

Classificação:
1. Suiça 7/ 3
2. Islandia 6/ 3
3. Noruega 4/ 3
4. Albania 3/ 3
5. Eslovénia 3/ 3
6. Chipre 3/ 3

Grupo F

Resultados:

Rússia – Portugal, 0-1
(Kerzhakov 6)

Luxemburgo – Israel, 0-6
(Radi 4; Ben Basat 12; Hemed 27; Melikson 60; Hemed 73, 90)

Classificação:
1. Rússia 9 pontos/ 3 jogos
2. Portugal 6/ 3
3. Israel 4/ 3
4. Irlanda do Norte 1/ 2
5. Azerbaijão 1/ 2
6. Luxemburgo 1/ 2

Grupo G

Resultados:

Grécia – Bósnia, 0-0

Eslováquia – Letónia, 2-1
(Hamsik 6 g.p.; Sapara 9) (Verpakovskis 84 g.p.)

Liechtenstein – Lituânia, 0-2
(Cesnauskis 51, 75)

Classificação:
1. Bósnia 7 pontos/ 3 jogos
2. Grécia 7/ 3
3. Eslováquia 7/ 3
4. Lituânia 4/ 3
5. Letónia 0/ 3
6. Liechtenstein 0/ 3

Grupo H

Resultados:

Inglaterra, 5 – São Marino, 0
(Rooney 35, 70; Welbeck 38, 72; Oxlade-Chamberlain 77)

Moldávia, 0 – Ucrânia, 0

Classificação:
1. Ingleterra 7/ 3
2. Montenegro 4/ 2
3. Polonia 4/ 2
4. Ucrânia 2/ 2
5. Moldavia 1/ 3
6. São Marino 0/ 2

Grupo I

Resultados:

Bielorrússia, 0 – Espanha, 4
(Alba 12; Pedro 21, 69, 72)

Finlândia, 1 – Geórgia, 1
(Hamalainen 63) (Kashia 56)

Classificação:
1. Espanha 6 pontos/ 2 jogos
2. Franca 6/ 2 jogos
3. Geórgia 4/3
4. Finlandia 1/ 2
5. Bielorrússia 0/ 3

_________________

"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

avatar
QaaQenymin

Pontos : 2190

Voltar ao Topo Ir em baixo

"Ronaldo não interessa para nada, não é perigoso"

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Out 13, 2012 10:07 am

.
"Ronaldo não interessa para nada, não é perigoso"

por João Ruela
Hoje


O experiente médio da seleção russa diz não sentir qualquer tipo de satisfação pessoal por ter derrotado Cristiano Ronaldo em Moscovo.

Roman Shirokov respira confiança depois de a Rússia ter derrotado Portugal em Moscovo, por 1-0, e ter ganho uma vantagem de três pontos na fase qualificação para o Mundial 2014.

O médio do Zenit desvalorizou o duelo ganho contra Cristiano Ronaldo, afirmando que não tem o menor interesse no capitão da seleção portuguesa.

"Não sinto qualquer satisfação pessoal. Perigoso? Não, vocês é que fazem Cristiano Ronaldo perigoso. Ele não me interessa para nada, a única coisa que me interessa é o futebol da minha equipa", atirou o futebolista de 31 anos.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Messi e Falcao brilham na América do Sul

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Out 13, 2012 10:17 am

.
Messi e Falcao brilham na América do Sul

por João Ruela
Hoje



As estrelas de Argentina e Colômbia conduziram as respetivas seleções a importantes triunfos rumo ao Mundial 2014. Rojo, Garay, Maxi Pereira e James Rodríguez estiveram em cena.

Radamel Falcao e Lionel Messi estiveram em destaque na oitava jornada da fase de qualificação sul-americana para o Mundial 2014, ao "bisarem" nas vitórias de Colômbia e Argentina sobre Paraguai, por 2-0, e Uruguai, por 3-0, respetivamente.

O goleador colombiano assinou dois belíssimos golos através de lances individuais e mantém a Colômbia no segundo lugar da fase de qualificação, com 16 pontos, em igualdade com o Equador e a um ponto da líder Argentina. James Rodríguez, do FC Porto, foi titular e cumpriu uma boa exibição, enquanto Jackson Martínez, o melhor marcador da Liga portuguesa, não saiu do banco de suplentes.

A Argentina, com Rojo (saiu lesionado, mas sem aparente gravidade) e Garay a titulares, proporcionou uma noite "negra" a Maxi Pereira e companhia, muito por causa de um inspiradíssimo Lionel Messi, que abriu e fechou a vitória da seleção alviceleste, com um golo de Kun Agüero pelo meio. O Uruguai mantém o quarto e último lugar de apuramento direto para o Mundial 2014.




In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sem razões para festejar na noite centenária de Ronaldo

Mensagem por Joao Ruiz em Qua Out 17, 2012 3:23 am

.
Sem razões para festejar na noite centenária de Ronaldo

por João Ruela
Ontem


Hélder Postiga evitou a derrota da seleção portuguesa com um golo a dez minutos dos 80'. Em noite centenária, Ronaldo acompanhou Portugal numa exibição indigna da terceira melhor seleção do mundo.

Todos esperavam que fosse uma noite de festa e do "centenário" Cristiano Ronaldo, mas a seleção portuguesa presentou os cerca de 50 mil adeptos presentes, nesta terça-feira, no Estádio do Dragão com uma má exibição e com um humilhante empate a um golo frente à Irlanda do Norte. O empate caseiro, que ainda assim foi tirado a ferros, deixa Portugal em má posição na fase de qualificação para o Mundial 2014, depois de uma exibição que não conseguiu, em momento algum, justificar o terceiro lugar que Portugal ocupa no ranking FIFA.

Portugal despede-se de 2012 no terceiro lugar do grupo F de qualificação, com sete pontos, em igualdade pontual com Israel mas já a cinco da líder invicta Rússia. O cenário não é, de todo, animador para a equipas das quinas, que já não depende de si própria para se apurar, diretamente, para o Mundial. O indesejável "play-off", que poderá ditar França ou Espanha como adversário, é agora uma realidade mais próxima dos pupilos de Paulo Bento, que revelaram muitas dificuldades frente à 117.ª classificada do ranking FIFA.

Cristiano Ronaldo, que cumpriu a centésima internacionalização ao serviço da seleção nacional, foi o rosto de uma exibição muito pobre, onde Portugal voltou a ter muita bola (72%), mas poucas vezes mostrou saber, uma vez mais, o que fazer com ela. A Irlanda do Norte, que nunca escondeu que jogaria para o empate no Dragão, foi mais eficaz nos objetivos propostos para a partida e soube aproveitar o minuto 30 no Dragão, altura em que se abriu mais uma autoestrada na defesa portuguesa. McGinn, em frente a Rui Patrício, gelou a noite chuvosa no Dragão, inaugurando o marcador para os norte-irlandeses.

O resultado pode ter chocado muita gente, mas o historial dizia que a Irlanda do Norte seria, efetivamente, um adversário difícil: em dez jogos, só por uma vez Portugal conseguiu fazer mais que um golo frente à seleção britânica (1-2 em 1996). Mas a verdade é que Ronaldo, Nani e Postiga, sobretudo na primeira parte, pouco conseguiram produzir para contrariar esta tendência. Tanto que o guarda-redes Roy Carroll, que esperava uma noite de muito trabalho no Dragão, só foi chamado a intervir com alguma dificuldade na segunda parte. A faixa que os adeptos prepararam para homenagear Ronaldo - "o melhor jogador do mundo", podia ler-se - também não encontrou justificação no relvado, apesar de CR7 ter sido, ainda assim, um dos "menos maus" da seleção portuguesa - o que não chega para ser um elogio.

Rúben Micael, Varela e Éder foram os jogadores que Paulo Bento (entre alterações muito discutíveis e outras algo tarde na partida) lançou no segundo tempo, na tentativa de dar a volta ao jogo. Os dois últimos estiveram na origem do golo do empate português, conseguido por Hélder Postiga, mas o efeito anímico provocado pelo golo não foi suficiente para lançar Portugal para a reviravolta. Portugal ainda não revelou, de todo, argumentos para ir longe no Mundial 2014, mas neste momento a maior preocupação será saber se Paulo Bento, bem como os jogadores, conseguirão corrigir esta delicada situação em março de 2013, altura em que será imperativo vencer Israel e Azerbaijão.

Filme do jogo:

90+5' Final do jogo! A Irlanda do Norte consegue empatar a um golo no Dragão e Portugal fica em má posição na fase de qualificação para o Mundial 2014.

90+3' Bola para a Irlanda do Norte na entrada para os últimos minutos de jogo...

90+1' Quase o golo de Portugal! Bom cruzamento de Silvestre Varela, mas Evans conseguiu evitar que Éder desviasse a bola para a baliza, com um corte que quase valeu autogolo.

90' Cinco minutos de compensação, é o tempo que resta para a seleção portuguesa tentar evitar um empate que não deixaria de ser humilhante.

89' Remate de longe de Nani, a passar um pouco por cima do alvo.

88' Remate forte de Silvestre Varela, à malha lateral da baliza norte-irlandesa.

85' Michael O'Neil, selecionador da Irlanda do Norte, está a guardar as três substituições para os últimos minutos, onde tentará, certamente, perder algum tempo.

83' Cartão amarelo para Hughes e pontapé livre para Portugal.

80' Cartão amarelo para Pepe, o primeiro em toda a partida.

79' GOLO DE PORTUGAL! POSTIGA! Cruzamento largo de Bruno Alves para a grande área, onde Éder conseguiu assistir Hélder Postiga, após um remate falhado por Nani. Coube a Postiga, com um remate à meia volta, empatar o jogo e lançar Portugal para uma possível reviravolta.

79' Novo remate de Postiga, para mais uma intervenção de Roy Carroll.

76' Remate de longe de Postiga, para Roy Carroll encaixar.

73' Substituição em Portugal. Saiu João Pereira e entrou Éder. Portugal fica com três defesas.

72' Paulo Bento chama, finalmente, Éder.

71' Cristiano Ronaldo, após passe longo de Pepe, rematou contra um defesa norte-irlandês, após receção difícil.

68' Éder, Nélson Oliveira e Custódio aquecem na seleção portuguesa. Paulo Bento não dá sinais de substituição iminente.

65' Remate de Hélder Postiga, para as "nuvens". O avançado português tem, agora, a companhia de Ronaldo no eixo do ataque.

63' Remate de longe de Rúben Amorim, para defesa de Roy Carroll.

62' Nani ganha a linha de fundo e cruza para a zona de finalização, mas nem Postiga nem Ronaldo estavam posicionados para rematar.

61' Substituição em Portugal. Saiu Rúben Micael e entrou Silvestre Varela.

58' Carroll tira o golo a Ronaldo! Na primeira grande ocasião de golo para Portugal na partida, Nani descobriu Ronaldo na grande área, mas o desvio do capitão da seleção portuguesa encontrou o guarda-redes norte-irlandês.

54' Um golo é tudo o que falta para a seleção portuguesa recuperar os indispensáveis índices anímicos. Para já, a exibição continua a não convencer.

51' Ouvem-se, a espaços, alguns cânticos de apoio à seleção portuguesa, que tem 40 minutos para cumprir a sua "obrigação" e evitar uma humilhação que poderá custar a presença no Mundial 2014.

49' Éder, Nélson Oliveira, Pizzi e Silvestre Varela são as opções atacantes possíveis para Paulo Bento, que preferiu lançar primeiro Rúben Amorim. Postiga e Nani andam "perdidos" no ataque.

48' Remate de Rúben Micael, ao lado do alvo.

47' Paulo Bento "passou" Miguel Veloso para a posição de lateral esquerdo, mantendo João Moutinho e Rúben Micael no meio-campo, agora com Rúben Amorim.

46' Início da segunda parte! Bola para a Irlanda do Norte.

- Substituição em Portugal. Saiu Miguel Lopes e entrou Rúben Amorim, que joga com o número 10.

45+1' Intervalo no Dragão! Portugal perde ao intervalo com a Irlanda do Norte, depois de uma primeira parte que revelou uma equipa cuja exibição é indigna do terceiro lugar do 'ranking' de melhores seleções do mundo. E, pior que isso, mostrou uma equipa sem categoria para estar num Mundial. Mas, pior ainda, mostrou uma equipa que não se conseguiu superiorizar à Irlanda do Norte. Nada que não possa ser mudado na segunda parte, ainda que parece isso seja necessária uma grande melhoria em termos técnicos, táticos e anímicos. Para já, Paulo Bento coloca a aquecer... Rúben Amorim.

45' A Irlanda do Norte preocupa-se, apenas, em "pontapear" as bolas para o ataque, tentando mantê-la o mais longe possível da grande área. Portugal soma dois terços de posse de bola, mas poucas vezes tem mostrado saber o que fazer com ela.

43' Os adeptos não puxam pela equipa e a equipa não puxa pelos adeptos. Primeira parte do pior que se viu em jogos da seleção portuguesa nos últimos anos.

39' Ronaldo está a ter mais bola no flanco direito, mas não há "presença" na grande área portuguesa. Não será uma surpresa se Paulo Bento lançar Éder ou Nélson Oliveira ao intervalo, até porque Postiga está a passar ao lado do jogo.

36' Remate de 'trivela' de João Pereira, ao lado do alvo.

36' Bola na barra da baliza da Irlanda do Norte! Cathcart, após cruzamento de João Pereira, desviou a bola para a barra da sua baliza, dando início a um "filme" visto recentemente em jogos da seleção portuguesa.

35' E se até agora a Irlanda do Norte ia atacando a grande área portuguesa, agora é expectável que "estacione o autocarro" à frente da baliza de Carroll. Os jogadores já tentam, naturalmente, perder tanto tempo quanto possível.

33' Nada sai bem à seleção portuguesa. Roy Carroll, guarda-redes norte-irlandês, tem sido pouco mais que um espectador atento, uma vez que Portugal não está a conseguir criar lances de perigo.

30' GOLO DA IRLANDA DO NORTE! MCGINN! A defesa portuguesa volta a estar mal posicionada, à imagem do que sucedeu em Moscovo, e desta vez foi McGinn a aproveitar para se isolar e bater Rui Patrício. Tudo fácil para a Irlanda do Norte e resta saber se este golo poderá funcionar como "despertador" para acordar a seleção portuguesa.

28' Cabeceamento de Nani, após cruzamento de João Pereira, para a primeira intervenção de Roy Carroll na partida.

24' O guarda-redes Roy Carroll ainda não teve que sujar as luvas no Dragão. Não está a ser um jogo bem conseguido por parte da seleção portugues.

21' Os adeptos não corresponderam ao apelo lançado nas redes sociais e não cantaram "Grândola Vila Morena". Neste momento, o que se ouve são os adeptos da Irlanda do Norte e assobios para os árbitros da partida...

20' Cabeceamento de Pepe, após canto batido por Moutinho, desenquadrado com o alvo.

18' Cruzamento perigoso de Hughes, que Rui Patrício impediu de seguir para a baliza.

17' Bom posicionamento tático por parte da Irlanda do Norte, que não tem permitido muitos ataques perigosos à seleção portuguesa.

13' Três pontapés de canto para a Irlanda do Norte, ainda nenhum para Portugal. Os britânicos apostam, claramente, nos lances de bola parada para tentarem chegar ao golo.

11' Os ânimos vão arrefecendo nesta noite fria no Dragão. Só quando a bola chega aos pés de Ronaldo, no último terço do terreno, é que os adeptos se fazem ouvir.

8' Portugal não começa o jogo da melhor maneira. Pouca organização na construção de jogo, vários passes errados e pressão pouco eficiente sobre o adversário.

6' Remate de longe de Cristiano Ronaldo, ao lado do alvo.

5' A Irlanda do Norte vai-se aproximando da grande área portuguesa, tentando aproveitar os lances de bola parada para criar perigo.

2' Miguel Lopes perto do golo! Remate de longe do lateral português, que não sofreu o desvio de Postiga mas que acabou por passar a rasar o poste esquerdo da baliza da Irlanda do Norte.

1' Muitos aplausos para Cristiano Ronaldo na primeira vez que o capitão da seleção portuguesa tocou na bola.

1' Thorsten Kinhöfer (Alemanha) apita para o início do jogo! Bola para Portugal.

20.50 A chuva vai acompanhar a primeira parte no Dragão, que começará com mais de cinco minutos de atraso.

20.48 Tempo para a homenagem a João Moutinho e Cristiano Ronaldo, que recebem as placas alusivas às 50 e 100 internacionalizações, respetivamente. Os adeptos no Dragão preparam uma faixa onde dão os parabéns "ao melhor jogador do mundo". Luís Figo entregou a placa a Ronaldo.

20.44 O portuense Rui Reininho, vocalista dos GNR, sobe ao relvado para cantar A Portuguesa com os adeptos.

20.43 Tempo para se entoarem os hinos no Dragão.

20.41 As equipas sobem ao relvado, confirmando-se a presença de cerca de 50 mil espectadores no Estádio do Dragão.

19.59 Rússia (1-0 frente ao Azerbaijão) e Israel (3-0 ao Luxemburgo) venceram os respetivos jogos esta tarde e ocupam o primeiro e segundo lugares do grupo F, respetivamente. Portugal estará "obrigado" a vencer a Irlanda do Norte para se manter na luta e com boas perspetivas de apuramento.

19.31 Foi lançado um apelo nas redes sociais aos 50 mil adeptos que estarão presentes no Estádio do Dragão, para "que, aos 20 minutos e 12 segundos de jogo (20:12=2012, o corrente ano), entoem a uma só voz o Grândola Vila Morena", em protesto contra as medidas de austeridade que o governo tem acumulado sobre os portugueses.

19.23 Confirma-se a titularidade de Miguel Lopes no lado esquerdo da defesa, enquanto Rúben Micael permanece no meio-campo e Hélder Postiga no eixo do ataque. Portugal vai jogar com Rui Patrício; João Pereira, Bruno Alves, Pepe, Miguel Lopes; Miguel Veloso, João Moutinho, Rúben Micael; Cristiano Ronaldo, Nani e Hélder Postiga.

19.00 É esperada casa cheia esta noite, ainda que o ambiente permaneça tranquilo nas imediações do Estádio do Dragão, a cerca de uma hora e 45 minutos do início da partida.

18.29 Clubes 'espiam' no Dragão. Há 12 clubes estrangeiros que destacaram olheiros para observarem potenciais reforços esta noite. Manchester United, Liverpool, Chelsea, Sevilha, Queens Park Rangers, Deportivo da Corunha, Celtic, Atalanta, Real Sociedad, Omonia, Ipswich Town e Omonia fazem-se representar no Dragão. João Moutinho e Nélson Oliveira são os nomes que mais atenções têm despertado na imprensa estrangeira, sobretudo em Inglaterra.

PORTUGAL: Rui Patrício; João Pereira, Bruno Alves, Pepe, Miguel Lopes; Miguel Veloso, João Moutinho, Rúben Micael; Cristiano Ronaldo, Nani e Hélder Postiga.

IRLANDA DO NORTE: Carroll; Baird, Hughes, Evans, McGivern; Cathcart, Norwood, Davis, Evans; McGinn; Lafferty.

Qualquer outro resultado que não a vitória deixará a seleção portuguesa, que defronta esta terça-feira (20.45) a Irlanda do Norte, em má posição na luta por um lugar no Mundial 2014. Depois da derrota tangencial na Rússia, Portugal recebe a formação britânica no Estádio do Dragão, estando "obrigado" a vencer para se manter perto da Rússia e, também, com esperanças intactas em chegar ao primeiro lugar do grupo F, de modo a evitar um indesejável "play-off" que poderá colocar Espanha ou França no caminho.

Rúben Micael, que apesar do grande início de temporada ao serviço do Sporting de Braga protagonizou o erro que deu o golo à seleção da Rússia (ainda que Paulo Bento tenha assumido a responsabilidade), voltará a ser titular, garantida dada pelo selecionador nacional, enquanto Miguel Lopes deverá ocupar a vaga do lesionado Fábio Coentrão no lado esquerdo da defesa. A figura na antevisão ao encontro, porém, é inevitavelmente Cristiano Ronaldo, que poderá faturar pela primeira vez frente a uma seleção britânica.

O capitão da seleção nacional cumprirá, também, a centésima internacionalização quando pisar o relvado do Dragão, precisamente o palco onde se estreou a marcar pela equipa das quinas, na jornada inaugural do Euro 2004 (derrota por 1-2 com a Grécia). Desde então, já lá vão 37 golos ao serviço de Portugal, que colocam Ronaldo a quatro golos de Eusébio e a dez do recordista Pauleta. Números que, tal como Paulo Bento referiu na antevisão à partida, acabarão por ser batidos por Ronaldo, assim como recorde de internacionalizações, que pertence a Luís Figo (127 jogos, 32 golos). E os 50 mil adeptos que vão encher as bancadas do Dragão esperarão, certamente, que o camisola 7 se aproxime o mais possível do registo das duas lendas do futebol português esta noite.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mundial 2014

Mensagem por QaaQenymin em Qua Out 17, 2012 5:52 am



Resultados e classificações

Grupo A

Macedónia 1-0 Sérvia
Bélgica 2-0 Escócia

1 Bélgica 10
2 Croácia 10
3 Sérvia 4
4 Macedónia 4
5 País de Gales 3
6 Escócia 2

Próximos jogos
Croácia 22/03 Sérvia
Macedónia 22/03 Bélgica

Grupo B

República Checa 0-0 Bulgária
Itália 3-1 Dinamarca

1 Itália 10
2 Bulgária 6
3 República Checa 5
4 Arménia 3
5 Dinamarca 2
6 Malta 0

Próximos jogos
Bulgária 22/03 Malta
República Checa 22/03 Dinamarca

Grupo C

Áustria 4-0 Cazaquistão
Alemanha 4-4 Suécia

1 Alemanha 10
2 Suécia 7
3 República da Irlanda 6
4 Áustria 4
5 Cazaquistão1
6 Ilhas Faroé 0

Próximos jogos
Cazaquistão 22/03 Alemanha
Áustria 22/03 Ilhas Faroé

Grupo D

Roménia 1-4 Holanda
Hungria 3-1 Turquia

1 Holanda 12
2 Hungria 9
3 Roménia 9
4 Turquia 3
5 Estónia 3
6 Andorra 0

Próximos jogos
Andorra 22/03 Turquia
Holanda 22/03 Estónia

Grupo E

Islândia 0-2 Suíça
Albânia 1-0 Eslovénia

1 Suíça 10
2 Noruega 7
3 Albânia 6
4 Islândia 6
5 Eslovénia 3
6 Chipre 3

Próximos jogos
Noruega 22/03 Albânia
Eslovénia 22/03 Islândia

Grupo F

Israel 3-0 Luxemburgo
Portugal 1-1 Irlanda do Norte

1 Rússia 12
2 Israel 7
3 Portugal 7
4 Irlanda do Norte 2
5 Azerbaijão 1
6 Luxemburgo 1

Próximos jogos
Irlanda do Norte 14/11 Azerbaijão
Luxemburgo 22/03 Azerbaijão
Israel 22/03 Portugal

Grupo G

Letónia 2-0 Liechtenstein
Bósnia e Herzegovina 3-0 Lituânia
Eslováquia 0-1 Grécia

1 Bósnia e Herzegovina 10
2 Grécia 10
3 Eslováquia 7
4 Lituânia 4
5 Letónia 3
6 Liechtenstein 0

Próximos jogos
Bósnia e Herzegovina 22/03 Grécia
Liechtenstein 22/03 Letónia
Eslováquia 22/03 Lituânia

Grupo H

Ucrânia 0-1 Montenegro
São Marino 0-2 Moldávia
Polónia Adiado Inglaterra

1 Inglaterra 7
2 Montenegro 7
3 Polónia 4
4 Moldávia 4
5 Ucrânia 2
6 São Marino 0

Próximos jogos
Montenegro 14/11 São Marino
São Marino 22/03 Inglaterra
Moldávia 22/03 Montenegro
Polónia 22/03 Ucrânia

Grupo I

Bielorrússia 2-0 Geórgia
Espanha 1-1 França

1 Espanha 7
2 França 7
3 Geórgia 4
4 Bielorrússia 3
5 Finlândia 1

Próximos jogos
Espanha 22/03 Finlândia
França 22/03 Geórgia

_________________

"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

avatar
QaaQenymin

Pontos : 2190

Voltar ao Topo Ir em baixo

Scolari anunciado como selecionador de futebol do Brasil

Mensagem por Joao Ruiz em Qui Nov 29, 2012 9:34 am

.
Scolari anunciado como selecionador de futebol do Brasil

por Lusa, publicado por Luís Manuel Cabral
Hoje


O técnico Luiz Felipe Scolari é o novo selecionador de futebol do Brasil, anunciou hoje a CBF, confirmando o regresso do treinador que levou os "canarinhos" ao seu último título mundial.

O ex-selecionador de Portugal vai substituir Mano Menezes e tem a tarefa de conduzir a seleção até ao Mundial de 2014, de que o Brasil é anfitrião, enquanto Carlos Alberto Parreira, técnico campeão do Mundo em 1994, foi apresentado como coordenador da seleção.

Scolari regressa à equipa nacional 10 anos depois de levar o Brasil à conquista do seu quinto título mundial, no campeonato organizado em 2002 entre Japão e Coreia do Sul.

O técnico, de 64 anos, estava livre depois de ter sido despedido do Palmeiras em setembro, devido a maus resultados, tendo sido apontado como hipótese para treinar o Sporting.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Portugal empata em Israel sem futebol digno de Mundial

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Mar 23, 2013 12:15 pm

,
Portugal empata em Israel sem futebol digno de Mundial

por João Ruela
Ontem


Fotografia © Reuters

Portugal escapou à derrota graças a um golo de Fábio Coentrão, no período de compensação, mas somou o quinto jogo sem ganhar e não disfarçou as muitas fragilidades na seleção treinada por Paulo Bento.

Foi mau, mas poderia ter sido muito pior. Portugal empatou a três golos em Israel, nesta sexta-feira, e mantém-se na luta por um lugar no "play-off" de apuramento para o Mundial 2014. O calendário e os números dizem que a seleção mantém boas possibilidades de ir ao Campeonato do Mundo no Brasil, mas o futebol praticado pelos pupilos de Paulo Bento, os muitos erros defensivos e alguma falta de empenho (que ainda apareceu a tempo de evitar a derrota, no período de compensação) quase ditaram a derrota.

Desta vez, porém, Portugal até encontrou a solução para os problemas dos últimos jogos da fase de qualificação: adiantar-se no marcador na primeira parte, coisa que ainda não tinha feito. Bruno Alves, aos dois minutos, cabeceou de forma fulminante para o fundo das redes, após pontapé de canto de Miguel Veloso, e Portugal partiu para quinze minutos de controlo, parecendo ter tudo bem encaminhado para um triunfo tranquilo. Mas tudo mudou no momento em que Israel começou a descobrir os "buracos" na defesa portuguesa.

Tomer Hemed, aos 24 minutos, foi o primeiro a aproveitar o espaço cedido pela defesa de Portugal e fez o empate, com um remate à meia volta. A seleção nacional "acusou" o golo sofrido e acabou por cumprir uma primeira parte pobre, dividida entre jogadores a passo (incompreensível a ação de Cristiano Ronaldo depois de perder uma bola em 'zona proibida') e outros que se arrastavam (João Moutinho não pareceu estar nas melhores condições, mas fez os 90 minutos, e Varela passou ao lado do jogo).

Pelo meio, a "sina" da falta de pontaria de Hélder Postiga, que atirou ao poste aos 33 minutos. E repetiu-se, aqui, a história de há 32 anos: estava 1-1 no marcador quando Portugal, por Carlos Manuel, na fase de qualificação para o Mundial 1982, atirou ao poste, precisamente no estádio Ramat Gan, antes de Israel ficar em vantagem (goleou 4-1). Desta vez, foi Ben Basat, o melhor em campo, quem aproveitou a "passadeira" estendida na defesa de Portugal para fuzilar a baliza à guarda de Rui Patrício, que acabou o jogo sem ter feito, note-se, uma única defesa digna de registo.

Com Vieirinha em estreia para os últimos 30 minutos, Portugal sofreu aquilo que parecia ser o "golpe final" aos 70 minutos, com um golo de Gershon, que ganhou nas alturas a... Bruno Alves (ele que costuma "limpar" tudo no jogo aéreo e também viu Rui Patrício falhar na saída), mas Postiga, na conclusão de um raro bom lance de Ronaldo (a exibição não valeu os bilhetes de 500 euros que alguns israelitas pagaram para ver CR7), fez o empate (25.º golo na seleção A, que premeia o esforço do avançado, mas a falta de pontaria é preocupante). Quando tudo parecia perdido, Coentrão desviou para o fundo das redes uma bola que Hugo Almeida atirou à trave, quando Portugal já jogava em 3x3x4.

Filme do jogo:

90+4' Final do jogo!

90+2' GOLO DE PORTUGAL! FÁBIO COENTRÃO FAZ O 3-3! Portugal acaba por escapar à derrota no período de compensação, graças a uma recarga certeira de Coentrão, após Hugo Almeida ter cabeceado à trave. Valeu o erro do guarda-redes Aouate.

90' Quatro minutos de compensação...

88' Coentrão atira à trave! O lateral mergulhou para cabecear ao segundo poste, mas a bola acabou por tocar na parte superior da trave.

84' Uma derrota não deixa Portugal fora do "play-off" de apuramento para o Mundial - pelo contrário, a seleção depende de si própria para superar Israel -, mas já nada disfarça as muitas fragilidades da seleção de Paulo Bento.

81' Substituição em Israel. Saiu Ben Hasat e entrou Benayoun. Só agora é que Israel lança a sua "estrela" mais mediática.

79' Postiga quase marcava! O avançado ganhou espaço para o remate, mas atirou para defesa de Aouate. As 'trapalhadas' e oportunidades desperdiçadas pelo avançado tornam-no num "mal amado", mas poucos deixam a "pele em campo" como Postiga.

78' Ronaldo solta-se bem da marcação, mas depois faltou entendimento com Carlos Martins.

76' Hélder Postiga tentou o remate em vólei, mas atirou ao lado do alvo.

74' Substituição em Portugal. Saiu Bruno Alves e entrou Hugo Almeida. Paulo Bento, enfim, corre algum risco.

72' GOLO DE PORTUGAL! HÉLDER POSTIGA FAZ O 3-2! Vieirinha lança Cristiano Ronaldo e o extremo deixa para trás dois jogadores antes de servir Postiga, que só teve que empurrar para o fundo das redes. É o 25.º golo pela seleção A.

72' Cartão amarelo para Cristiano Ronaldo, por pontapear a bola com o jogo parado.

70' GOLO DE ISRAEL! RAMI GERSHON FAZ O 3-1! Bruno Alves fica "parado" enquanto vê Gershon ganhar nas alturas e cabecear para o fundo das redes, com Rui Patrício "perdido" pelo caminho. Três golos com culpa para a defesa de Portugal.

68' Remate de Carlos Martins, para defesa de Aouate. Há muito que Portugal não oferecia trabalho ao guarda-redes: é a primeira vez na segunda parte.

66' Cartão amarelo para Carlos Martins, por protestos.

64' Substituição em Israel. Saiu Tomer Hemed e entrou Eliran Atar.

62' Que perdida de Carlos Martins! Bom cruzamento de Raúl Meireles, para o segundo poste, mas Carlos Martins atirou por cima, num lance onde "só" tinha de encostar.

60' Substituição em Portugal. Saiu Miguel Veloso e entrou Carlos Martins.

60' Substituição em Portugal. Saiu Silvestre Varela e entrou Vieirinha, que se estreia na seleção.

60' Cabeceamento de Hélder Postiga, após cruzamento de João Pereira, por cima do alvo.

59' Remate de Raúl Meireles, muito por cima do alvo.

58' Cartão amarelo para Melikson e Fábio Coentrão, após uma "picardia" entre os jogadores.

57' Remate forte de Miguel Veloso, a passar perto do alvo.

56' Postiga volta a desperdiçar. Ronaldo coloca Postiga em zona de finalização, mas Shiren Yeyni desarmou o avançado à tangente.

54' Que perdida de Israel! Ben Basat recebeu a bola à vontade na grande área e "encheu" o pé, mas atirou ao lado do alvo.

53' Israel recua no terreno e ocupa uma postura mais defensiva. Se na primeira parte Portugal já tinha revelado dificuldades em encontrar/explorar os espaços, agora mais difícil ficará.

49' Mais um bom corte de Ben-Haim, que evitou que Postiga pudesse cabecear.

46' Início da segunda parte! Bola para Portugal.

45+1' Intervalo no Ramat Gan. Israel está a vencer Portugal por 2-1, graças aos golos de Hemed (24') e Ben Basat (39'), depois de Bruno Alves ter colocado a seleção nacional na frente (2').

45' Excelente corte de Ben-Haim, que desarmou Postiga quando o avançado, isolado, iria rematar.

45' Ronaldo chega tarde. Postiga "amorteceu" para Ronaldo finalizar, mas o guarda-redes Aouate antecipou-se ao lance.

43' Cartão amarelo para Hemed, por falta sobre Cristiano Ronaldo. É a oitava falta sofrida pelo português.

41' Cristiano Ronaldo perdeu a bola em "zona proibida" e, depois, em vez de recuperar a posição, começou a andar a passo. Um lance que diz tudo sobre o jogo de CR7 e da seleção portuguesa.

39' GOLO DE ISRAEL! BEN BASAT FAZ 2-1! Fábio Coentrão fez um mau passe, Varela não ganhou a bola "dividida" e Ben Basat, após escapar aos centrais, "fuzilou" a baliza de Rui Patrício, que já sofreu dois golos sem ter feito uma única defesa. E sem culpas.

36' Cristiano Ronaldo tentou finalizar na grande área, após um excelente passe de Miguel Veloso, mas não acertou na bola.

34' Silvestre Varela está a passar ao lado do jogo e será um dos candidatos a uma primeira substituição. Alternativas é o que não falta no banco: Pizzi, Vieirinha e Danny. O próprio João Moutinho não parece estar nas melhores condições.

32' Que perdida de Hélder Postiga! Um excelente passe de Raúl Meireles colocou Hélder Postiga na "cara" do golo; o avançado ultrapassou o guarda-redes, atrapalhou-se mas ainda conseguiu rematar... ao poste.

30' Portugal evidencia as lacunas dos últimos jogos: falta de entrosamento entre os setores, pouca capacidade de reação à perda de bola e dificuldades em acelerar o jogo a partir da construção de jogo por parte dos seus médios. Ronaldo não chega para tudo.

26' Raúl Meireles tentou rececionar na grande área, mas deixou a bola sair pela linha de fundo.

24' GOLO DE ISRAEL! TOMER HEMED FAZ O 1-1! O avançado israelita, aproveitando todo o espaço cedido pela defesa da seleção portuguesa, rematou à meia volta e bateu Rui Patrício.

23' Excelente corte de Ben-Haim, a evitar que Ronaldo pudesse finalizar o pontapé de canto batido por Veloso. O central israelita ainda tentou simular uma falta, queixando-se de ter sido atingido no rosto, mas Ronaldo nem lhe tocou.

22' Miguel Veloso bateu o pontapé livre, mas a bola foi devolvida pela barreira.

20' Os israelitas estão divididos: enquanto alguns assobiam Ronaldo quando o português recebe a bola, outros não hesitam em aplaudi-lo.

18' Miguel Veloso tentou o remate de longe, mas errou redondamente o alvo.

16' Bom cruzamento de Silvestre Varela, mas Ben-Haim evitou que Hélder Postiga pudesse cabecear à baliza.

14' Cruzamento largo de João Pereira, após recuperação de bola de Meireles e passe de Varela, mas o lateral não conseguiu servir Postiga.

12' Remate de Ben Basat, a escapar à marcação na sequência de um pontapé livre, ao lado do alvo. Foi o primeiro "aviso" de Israel.

8' Portugal assume o controlo do jogo em Israel, diante de um adversário que ainda não "saiu" do seu meio-campo.

5' Fábio Coentrão tentou o remate na grande área, mas saiu fraco e para defesa de Aouate.

4' João Pereira entra na grande área e consegue o cruzamento, mas Hélder Postiga, primeiro, e Cristiano Ronaldo, na sequência do lance, não conseguiram atirar à baliza.

2' GOLO DE PORTUGAL! BRUNO ALVES FAZ O 0-1! Pontapé de canto batido por Miguel Veloso para o "coração" da grande área, onde Bruno Alves respondeu com uma cabeçada fulminante, que colocou Portugal em vantagem.

1' Stéphane Lannoy apita para o início do jogo! Bola para Israel.

ISRAEL: Aouate; Shpungin, Ben-Haim, Tibi, Gershon; Natcho, Sharan Yeni, Kayal; Meliksson, Basat e Tomer Hemed. Suplentes: Harush, Dani Amos, Dekel Keinan, Avi Reikan, Alberman, Eran Zahavi, Benayoung, Maharan Radi, Lior Rafaelov, Shechter e Eliran Atar.

PORTUGAL: Rui Patrício; João Pereira, Pepe, Bruno Alves, Fábio Coentrão; Miguel Veloso, Raúl Meireles, João Moutinho; Silvestre Varela, Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga. Suplentes: Eduardo, Beto, Sereno, Luís Neto, Sílvio, Custódio, Paulo Machado, Carlos Martins, Danny, Vieirinha, Pizzi e Hugo Almeida.

A seleção nacional terá pela frente, a partir das 12.45, um importante desafio nas contas para o apuramento para o Mundial 2014. Sem vencer há quatro jogos e sem convencer há ainda mais, Portugal tentará encontrar o caminho das vitórias em Israel, onde vai jogar pela segunda vez na sua história, e procurará um resultado melhor do que há 32 anos: foi goleado por 4-1, na fase de qualificação para o Mundial 1982, derrota que deixou Portugal arredado da competição.

O encontro desta tarde, a contar para a quinta jornada do grupo F, não tem caráter decisivo, mas a sua importância é inegável: Portugal está empatado com Israel e uma vitória poderá deixar a equipa das quinas bem posicionada na luta pelo "play-off", uma vez que a Rússia lidera com cinco pontos de vantagem e, mesmo que perca em Portugal, manterá boas perspetivas de conquistar o primeiro lugar.

Portugal não vence desde que bateu o Azerbaijão, por 3-0, em setembro, enquanto desde então Israel foi mostrando que será um adversário difícil e que Paulo Bento tem razão ao considerar que a goleada sofrida na receção à Rússia (0-4) foi "um resultado enganador": Israel goleou no Luxemburgo por 0-6, onde Portugal venceu à tangente, por 1-2. Uma derrota deixaria Portugal colado à calculadora, uma vez que o segundo lugar não dará entrada direta no "play-off": é preciso ser um dos oito melhores segundos classificados.

In DN





_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

As contas para o apuramento de Portugal

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Mar 23, 2013 12:49 pm

.
As contas para o apuramento de Portugal


por João Ruela
Ontem


Fotografia © Reuters

Seleção portuguesa depende de si própria para se apurar, mas é cada vez mais provável que o tenha que fazer via "play-off". Mas falta lá chegar...

Os números e o calendário dizem que Portugal mantém de pé boas possibilidades de se apurar para o Mundial 2014, mas a margem de erro é cada vez mais reduzida. Se antes do empate (3-3) em Israel Paulo Bento já tinha afirmado que era tempo de pensar, apenas, no "play-off", depois do jogo em Telavive o segundo lugar do grupo F é cada vez mais o único lugar em que Portugal poderá pensar.

A Rússia, que venceu em Israel por 0-4, poderá ficar já com sete pontos de vantagem sobre Israel e Portugal (ambos têm oito), caso vença na Irlanda do Norte, nesta sexta-feira, em jogo da quinta jornada da fase de qualificação. Depois, ficarão a faltar outros cinco jogos, com Portugal a depender de si próprio para seguir em frente.

As contas são simples, sem pensar na Rússia: Portugal tem que fazer melhor que Israel nas próximas cinco jornadas, a não ser que a Irlanda do Norte consiga - o que seria surpreendente - vencer a Rússia e entrar na luta pelo "play-off". A seleção nacional ainda vai receber Israel (e tem vantagem no confronto direto, depois de ter empatado 3-3 em Telavive) e, além disso, os israelitas ainda terão que ir à Rússia.

Portugal terá pela frente jogos em Azerbaijão (26 de março), receção à Rússia (7 de junho), na Irlanda do Norte (6 de setembro) e duas receções a Israel (11 de outubro) e Luxemburgo (15 de outubro). É preciso, neste jogos, amealhar o maior número de pontos possível... e de golos.

Seria bom que Portugal começasse a fazer mais golos (e a sofrer menos), uma vez que a diferença de golos é baixa (+3), inclusive em comparação com Israel (+5): o segundo lugar não dá, diretamente, acesso ao "play-off". Só os oito melhores segundos classificados (em nove grupos) terão acesso ao "play-off", sendo que os resultados contra o último classificado de cada grupo (à exceção do grupo I, que tem Espanha e França e menos uma equipa) não contarão para as contas de apuramento. Pontos e golos, é tudo aquilo de que Portugal precisa, já na terça-feira, porque neste momento é um dos piores segundos classificados.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento: "Problema não é a atitude, é a mentalidade"

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Mar 23, 2013 12:54 pm

.
Paulo Bento: "Problema não é a atitude, é a mentalidade"

por João Ruela
Ontem


Paulo Bento considera que "há coisas que não se podem mudar" e que uma delas é "a mentalidade" portuguesa. Selecionador volta a afirmar que Portugal merecia a vitória.

O quinto jogo consecutivo sem ganhar não é um motivo de preocupação para Paulo Bento, que considera que "cada jogo é um jogo". Depois do amargo empate a três golos em Israel, o selecionador nacional considerou que a vantagem madrugadora de Portugal acabou por se tornar num problema.

"O golo cedo deveria ter sido uma recompensa, pelo esforço, para a equipa, mas foi penalizador. Ficámos a ganhar e baixámos a intensidade quando deveríamos ter circulado a bola com mais intensidade. Além disso, houve um défice em termos de agressividade na defesa, que nos levou a sofrer o primeiro e terceiro golos", justificou Paulo Bento, na zona de entrevistas rápidas.

O selecionador nacional, porém, considera que o que Portugal fez foi mais do que suficiente para justificar a vitória. "Mesmo sem fazer uma exibição positiva, brilhante, fizemos outra vez - e digo outra vez porque já o tínhamos feito nos últimos jogos - o suficiente para ganhar. Fizemos poucos golos para tantas oportunidades. Mas isto é algo que é nosso, a falta de eficácia, com tantas oportunidades de golo. É algo português? É algo nosso, a mentalidade, algo que não podemos mudar. O adversário rematou três vezes e fez três golos", lamentou.

A equipa das quinas começará a preparar a deslocação ao Azerbaijão, jogo marcado para as 17.00 (hora em Lisboa) de terça-feira. Paulo Bento quer "recuperar a equipa do ponto de vista físico" e espera que a seleção "não cometa os mesmos erros", pois "a reviravolta de Israel teve muito da responsabilidade" de Portugal. "Não se trata de uma questão de atitude, mas sim de mentalidade. Se é algo português? É um problema de mentalidade, são coisas que não podemos mudar", reforçou.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cristiano Ronaldo falha o Azerbaijão-Portugal

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Mar 23, 2013 12:59 pm

.
Cristiano Ronaldo falha o Azerbaijão-Portugal

por João Ruela
Ontem


Fotografia © Reuters

O extremo português vai cumprir um jogo de suspensão devido a uma "infantilidade": pontapeou a bola quando o jogo parado e viu o cartão amarelo.

Cristiano Ronaldo vai falhar o Azerbaijão-Portugal, marcado para terça-feira (17.00), depois de ter visto o segundo cartão amarelo na fase de qualificação para o Mundial 2014.

Decorria o minuto 71 quando Ronaldo, com o jogo parado, decidiu pontapear a bola, gesto que lhe valeu o cartão amarelo e, automaticamente, um jogo de suspensão.

Apesar de não poder jogar em Baku, Cristiano Ronaldo acompanhará a seleção nacional na visita ao Azerbaijão. CR7 representa a segunda baixa de peso para Paulo Bento, uma vez que Nani também não será opção para o jogo referente à sexta jornada do grupo F.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

A seleção nacional já está no Azerbaijão, mas a dupla do Real Madrid ficou no hotel a cumprir um plano de recuperação.

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Mar 23, 2013 1:04 pm

.
Ronaldo e Fábio Coentrão não se treinaram em Baku

por João Ruela
Hoje


A seleção nacional já está no Azerbaijão, mas a dupla do Real Madrid ficou no hotel a cumprir um plano de recuperação.

Cristiano Ronaldo e Fábio Coentrão não se treinaram em Baku, neste sábado, onde a seleção nacional já está a preparar o confronto frente ao Azerbaijão, marcado para terça-feira e a contar para a sexta jornada do grupo F de apuramento para o Mundial 2014.

O capitão das quinas, que cumprirá um jogo de suspensão, tem uma mialgia no adutor direito, enquanto Coentrão, autor do golo que valeu o empate (3-3) em Israel, tem um traumatismo na perna direita e no pé esquerdo.

A dupla do Real Madrid ficou no hotel, a cumprir um plano de recuperação, e não integrou o treino deste sábado.

In DN

Embarassed Twisted Evil

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mundial 2014

Mensagem por QaaQenymin em Sab Mar 23, 2013 2:20 pm

É sempre o mesmo fado com a calculadora debaixo do braço.

_________________

"O mal de muita gente não é a falta de ideias, mas um excesso de confiança nas poucas que tem"

avatar
QaaQenymin

Pontos : 2190

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postiga mantém Portugal na rota do Brasil

Mensagem por Joao Ruiz em Dom Jun 09, 2013 11:32 am

.
Postiga mantém Portugal na rota do Brasil

por João Ruela
07 junho 2013


Portugal vence a Rússia por 1-0, golo de Postiga, e mantém-se na luta por um lugar no Mundial 2014. Triunfo tangencial e sofrido coloca seleção nacional provisoriamente na liderança do grupo F.

Portugal conquistou um triunfo que poderá marcar um "ponto de viragem" na fase de qualificação para o Mundial 2014. A seleção nacional bateu a Rússia por 1-0, golo de Hélder Postiga, e melhorou as perspetivas na luta pelo apuramento para o "play-off", isto porque apesar da subida à liderança do grupo F (com 14 pontos, mais dois do que a Rússia) a seleção nacional não depende de si própria para se apurar, visto que o conjunto de Leste tem dois jogos a menos.

No Estádio da Luz, perante a líder invicta, Portugal voltou a suar e a sofrer na disputa pelos três pontos, mas pela primeira vez num ano conseguiu somar o segundo jogo consecutivo sem sofrer golos. Nada que tenha, porém, disfarçado uma exibição novamente distante de "encher o olho", na qual se notou uma "falta de pernas" ilustrativa de final de época. Os serviços mínimos, porém, foram cumpridos e chegaram para ditar a primeira derrota de Capello enquanto selecionador da Rússia.

Curiosamente, Capello estava no banco adversário, mas foi Portugal a jogar, muitas vezes, à italiana: mais preocupado em defender e controlar a vantagem tangencial do que em tentar "matar" o jogo, sobretudo na segunda parte, Portugal acabou por passar por várias sustos, o último dos quais travado por Rui Patrício, que "salvou" o triunfo português, que começou a ser construído aos nove minutos. Hélder Postiga continua de "pé quente" na fase de qualificação e já soma cinco golos.

O avançado português, que aproveitou uma assistência de Miguel Veloso para faturar, já é o sexto melhor marcador da história da seleção nacional, tendo chegado aos 26 golos, tantos quanto Rui Costa. Em termos de produção ofensiva, porém, não se viu muitos mais para além de dois remates cruzados de Cristiano Ronaldo, ambos defendidos por Akinfeev, pela primeira vez batido nesta fase de qualificação para o Mundial 2014.

A Federação Portuguesa de Futebol mantém, assim, boas perspetivas em garantir o encaixe de 10 milhões de euros de prémios FIFA, pela qualificação para o Mundial, ainda que Portugal possa "apanhar" no "play-off" adversários de peso. Contas para fazer posteriormente, uma vez que Portugal só voltará a disputar a fase de qualificação a 6 de setembro, na Irlanda do Norte. Segunda-feira haverá um particular diante da Croácia, um dos possíveis adversários no "play-off".

Filme do jogo:

90+4' Final do jogo! Portugal vence a Rússia por 1-0, golo de Hélder Postiga. Todas as reações já a seguir.

90+3' Remate forte de Ronaldo, mas desenquadrado com o alvo.

90+2' Substituição em Portugal. Saiu Vieirinha e entrou Custódio.

90' Três minutos de compensação...

88' Cartão amarelo para Luís Neto, o primeiro da partida, por travar um ataque da Rússia.

88' Grande defesa de Akinfeev! Excelente intervenção do guarda-redes, após remate cruzado de Cristiano Ronaldo.

86' Portugal joga como se não houvesse baliza adversária: limita-se a tentar conservar a posse de bola e a jogar com o relógio, sem procurar "matar" o jogo em contra-ataque.

84' Rui Patrício evita o golo! Defesa providencial do guarda-redes, que deteve o remate de Shirokov, solto de marcação na grande área.

82' Portugal conserva a posse de bola, à procura de manter a vantagem tangencial.

79' Remate em arco de Nani, a passar um pouco ao lado do alvo.

78' Bystrov coloca a bola no fundo das redes, mas estava em posição irregular. Já não é o primeiro aviso...

77' Remate forte de João Moutinho, a passar um pouco por cima do alvo.

74' Choque arrepiante entre Rúben Amorim e Shirokov. Os dois futebolistas saem para receber assistência médica.

73' Substituição em Portugal. Saiu Raúl Meireles e entrou Rúben Amorim.

71' Portugal não "matou" o jogo e, agora, enfrenta a incerteza no resultado como consequência. Um filme já visto e revisto nos últimos jogos.

69' Bystrov quase marcava! Perante a passividade de Coentrão, o atacante russo fez um pontapé de bicicleta na grande área e falhou o alvo por muito pouco.

67' Substituição na Rússia. Saiu Kerzhakov e entrou Smolov. Capello esgotou as substituições.

66' Substituição em Portugal. Saiu Hélder Postiga e entrou Nani. Cristiano Ronaldo passa para o eixo do ataque.

65' Remate de Cristiano Ronaldo, para defesa de Akinfeev.

63' Luís Neto recebe assistência médica, ele que tem estado irrepreensível no eixo defensivo.

61' Cabeceamento de Berezutski, para Rui Patrício defender, perante a proximidade de dois adversários.

60' Patrício evita o golo. Kerzhakov ganhou espaço para o remate na grande área, mas o guarda-redes português conseguiu defender.

59' Cruzamento largo de Miguel Veloso, mas ninguém conseguiu chegar a tempo do desvio na grande área.

57' Cruzamento de Vieirinha, após passe de Ronaldo, direto para as mãos de Akinfeev.

54' Vieirinha lança Postiga na grande área, mas o atacante português perdeu no "ombro a ombro" com Ignashevich.

52' Nani e Hugo Almeida aquecem na equipa de Portugal, que ainda tem três substituições para fazer. A Rússia só tem uma.

50' Portugal mais resguardado no meio-campo e a "oferecer" mais espaço para a Rússia iniciar a construção de jogo.

48' Akinfeev nega o golo a Ronaldo. Jogada de entendimento entre Postiga, Miguel Veloso e Cristiano Ronaldo, mas o remate do extremo português foi defendido por Akinfeev.

47' Remate rasteiro de Cristiano Ronaldo, novamente ao lado do alvo.

46' Início da segunda parte! Bola para a Rússia.

45+1' Intervalo na Luz.

45' Tentativa de remate de Miguel Veloso, após lance individual de Cristiano Ronaldo, mas a bola bateu num defesa. Durante a primeira parte houve apenas um remate enquadrado com a baliza. E deu golo.

42' Portugal perdeu o controlo do jogo e joga com maior passividade, sem criar ocasiões para "matar" o jogo. Um filme já muitas vezes visto na fase de qualificação e que já custou pontos.

40' Remate em esforço de Shirokov, desenquadrado com o alvo. A Rússia atravessa a melhor fase da partida.

39' Coentrão corta a bola com o braço, na grande área, mas no entender do árbitro não houve motivo para penálti.

37' Remate de longe de Cristiano Ronaldo, novamente ao lado do alvo.

35' Rússia perto do golo. Rui Patrício, chamado a intervir, afastou a bola da grande área, mas esta sobrou para Glushakov; o russo rematou, mas a bola saiu ligeiramente ao lado do alvo, parecendo ter havido um desvio providencial de Luís Neto.

33' Rússia a aproximar-se com maior perigo da grande área de Portugal nos últimos minutos, mas Rui Patrício ainda não foi forçado a fazer nenhuma defesa.

31' Segunda substituição na Rússia. Saiu Anyukov, lateral direito, também lesionado, e entrou Kozlov.

29' Que perdida de Ronaldo! Vieirinha ganhou a linha de fundo e cruzou para a grande área, mas Ronaldo, de primeira, atirou para a bancada. Postiga parecia reunir melhores condições para rematar.

27' Pressão alta e muita agressividade sobre a bola por parte de Portugal, mas pouca eficiência na hora de rematar à baliza: apenas um remate enquadrado com o alvo, precisamente o golo de Postiga.

25' Vieirinha tentou isolar Cristiano Ronaldo, mas o passe saiu com muita força e Akinfeev antecipou-se ao lance.

23' Pontapé forte de Cristiano Ronaldo, mas bateu num opositor e saiu pela linha lateral.

21' Substituição na Rússia. Saiu Fayzulin, aparentemente lesionado, e entrou Glushakov, médio.

19' Capello já preparada uma substituição: vai entrar Glushakov.

17' Portugal vai trocando a bola no meio-campo da Rússia e, até ver, controlando o jogo por completo. Rui Patrício ainda não teve que usar as luvas.

15' Tentativa de remate acrobático de Hélder Postiga, a falhar o alvo.

14' Cruzamento perigoso de Vieirinha, à procura de Postiga, mas Ignashevich limpou o lance.

12' Diagonal de Vieirinha e remate rasteiro, mas a bola saiu ao lado do alvo.

9' GOLO DE PORTUGAL! HÉLDER POSTIGA FAZ O 1-0! Na sequência de um pontapé livre de Miguel Veloso, Postiga apareceu ao segundo poste e desviou para o fundo das redes. É o 26.º golo do ponta-de-lança pela seleção, ele que iguala Rui Costa na lista de melhores marcadores de sempre, no 6.º lugar.

8' Primeiro remate da Rússia, por Fayzulin, ao lado do alvo.

7' Remate de longe de João Moutinho, para a bancada.

6' Ronaldo tentou isolar Postiga, mas os atacantes desentenderam-se a bola sobrou para Akinfeev.

5' Luís Neto arranca aplausos na Luz, depois de um corte providencial perante Kerzhakov.

3' Portugal entra ao ataque na Luz, com duas investidas de Fábio Coentrão pelo lado esquerdo. Cristiano Ronaldo tentou o primeiro remate, mas saiu fraco e ao lado do alvo.

1' Damir Skomina apita para o início do jogo! Bola para Portugal.

PORTUGAL: Rui Patrício; João Pereira, Bruno Alves, Luís Neto, Fábio Coentrão; Miguel Veloso, Raúl Meireles, João Moutinho; Vieirinha, Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga. Suplentes: Eduardo, Beto, Sílvio, Sereno, Ricardo Costa, Custódio, Rúben Micael, Rúben Amorim, Silvestre Varela, Danny, Nani e Hugo Almeida.

RÚSSIA: Akinfeev; Anyukov, Ignashevich, Berezoutski, Kombarov; Shirokov, Denisov, Zhirkov; Bystrov, Fayzulin e Kerzhakov. Suplentes: Gabulov, Ryzhikov, Nababkin, Alexey Berezutskiy, Glushakov, Smolov, Dzagoev, Granat, Ryazantsev, Samedov, Tarasov e Kozlov.

A seleção portuguesa de futebol recebe esta sexta-feira a congénere da Rússia, em jogo do grupo F europeu de qualificação para o Mundial de 2014, de grande importância para manter a "equipa das quinas" na corrida à fase final e também para os cofres da FPF, já que a presença no Brasil deverá garantir uma verba de cerca de dez milhões de euros, de acordo com a subida de prémios prevista pela FIFA para a fase final do próximo Mundial, como pode ler na edição impressa ou e-paper do DN nesta sexta-feira.

Portugal ocupa o terceiro lugar, em igualdade com Israel, ambos com menos um ponto do que a Rússia, que ainda tem menos dois encontros disputados, o que pressiona a seleção nacional a vencer o embate desta sexta-feira no Estádio da Luz, em Lisboa, com início às 20:45 horas e arbitragem do esloveno Damir Skomina. O jogo não é, matematicamente, decisivo, pois Portugal continuará a depender de si próprio para superar Israel, mas é importante lembrar que só os oito melhores (em nove grupos) segundos classificados terão lugar no "play-off".

A Rússia perdeu os três jogos que disputou em solo português, um dos quais na fase final do Euro 2004, por 2-0, e o último a saldar-se mesmo por uma goleada histórica (7-1), mas a seleção orientada pelo treinador italiano Fabio Capello conta por vitórias as quatro partidas disputadas no grupo F e ainda não sofreu qualquer golo.

Portugal, que ganhou apenas três dos seis jogos que disputou na fase de qualificação para o Mundial de 2014, cuja fase final se vai realizar no Brasil, não se pode dar ao luxo de desperdiçar muitos mais, pois mesmo a vice-liderança está ameaçada pelo desempenho de Israel e o pior segundo classificado, recorde-se, não terá sequer acesso ao "play-off" de apuramento.

http://www.dn.pt/desporto/seleccao/interior.aspx?content_id=3262170

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento "satisfeito" com "resultado justo"

Mensagem por Joao Ruiz em Dom Jun 09, 2013 11:40 am

.
Paulo Bento "satisfeito" com "resultado justo"

por João Ruela
07 junho 2013


Selecionador nacional não rotula a vitória (1-0) sobre a Rússia como "decisiva" e afirma que o próximo jogo, frente à Irlanda do Norte, não terá menor importância.

O triunfo tangencial de Portugal frente à Rússia, por 1-0, chegou para satisfazer Paulo Bento, essencialmente por o objetivo da conquista dos três pontos ter sido alcançado.

"Fizemos um bom jogo e no cômputo geral jogámos bem. Tivemos períodos em que estivemos muito bem, jogámos bem em equipa. Pelo que fizemos o resultado é justo e permite-nos continuar a lutar pelo nosso objetivo. Tivemos boa atitude e uma postura que têm sido apanágio desta equipa. Em Israel [empate 3-3] o problema foi como gerimos certas situações de jogo. É algo que tem feito parte da história do futebol português", avaliou o selecionador de Portugal, que sobe provisoriamente à liderança do grupo F, com 14 pontos, mais do que a Rússia (mas com menos dois jogos disputados).

Paulo Bento, porém, alertou para o facto de Portugal continuar a necessitar de somar pontos para, pelo menos, chegar ao "play-off" de acesso ao Mundial. "Era importante ganhar à Rússia como será importante ganhar à Irlanda [do Norte]. Não tenho costume de estar a caracterizar os jogos como decisivos ou importantes. São três pontos pelos quais lutámos. Conseguimos com boa qualidade de jogo e com apoio de muita gente a quem quero agradecer", frisou, a propósito dos mais de 40 mil portugueses que estiveram no Estádio da Luz.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paulo Bento promete "alterações em todos os setores"

Mensagem por Joao Ruiz em Dom Jun 09, 2013 11:54 am

.
Paulo Bento promete "alterações em todos os setores"

por Agência Lusa, publicado por Susana Salvador
Hoje


Fotografia © Jorge Amaral/Global Imagens

O selecionador português de futebol, Paulo Bento, afirmou hoje que vai fazer "alterações em todos os setores" no "onze" que vai enfrentar segunda-feira a Croácia, num particular marcado para Genebra, na Suíça.

"Faremos algumas alterações, com todos os setores incluídos. Em todos, faremos alterações", afirmou o técnico luso, na conferência de antevisão do último embate da formação das "quinas" em 2012/2013.

De acordo com Paulo Bento, trata-se de um "questão de gestão", face ao "momento da época" e ao "período de recuperação", tendo em conta o embate de sexta-feira com a Rússia, que Portugal bateu por 1-0, na Luz, na qualificação para o Mundial2014.

"Tem a ver com o desgaste, a fase da época em que estamos e também com a forma como os jogadores acabaram o embate de sexta-feira. Esperaremos mais algumas horas para decidir", prosseguiu o selecionador nacional.

Mesmo não apresentando o "onze" habitual, Paulo Bento prometeu que Portugal vai "tentar competir da melhor forma possível, independentemente de o jogo ser de caráter particular".

"Todos os jogos servem para tirar ilações e observar o comportamento dos jogadores. Esperamos fazer um bom jogo, também para nos irmos preparando - sendo que temos mais um jogo em agosto - para chegar nas melhores condições ao jogo com a Irlanda (do Norte, a 06 de setembro)", disse.

No treino de hoje, Cristiano Ronaldo, Nani e Fábio Coentrão estiveram ausentes, por "gestão de esforço" e por apresentarem "algumas queixas", mas não estão excluídos do jogo, sendo que "o ponta de lança será Hugo Almeida".

Paulo Bento falou também do embate com a Rússia, elogiando os jogadores: "Já o disse, e voltou a referir, que em termos de atitude e compromisso não tenho nada a apontar aos jogadores, muito pelo contrário".

"Fizemos um jogo com qualidade, sendo que quando tivemos de sofrer, soubemos sofrer. Raramente nos desequilibrámos, com exceção para uma jogada do Shirokov. Nos últimos oito minutos primeira parte, estivemos menos coordenados, mas o intervalo fez-nos bem e entrámos melhor na segunda parte", recordou.

Quanto ao central Neto, que se estreou como titular, na ausência do castigado Pepe, e Vieirinha, titular no lugar habitualmente ocupado por Nani, o técnico português afirmou que "quanto mais opções" tiver, "melhor poderá ser o trabalho".

"Foram dois jogadores que tiveram um rendimento muito bom no jogo de sexta-feira. Vieirinha já tinha jogado em Israel e no Azerbaijão e, quanto ao Neto, não podemos esquecer o trajeto e compromisso do Pepe. Queremos ter cada vez mais soluções e, em alguns casos, pode despertar alguém que possa pensar ter um estatuto que não tem", afirmou.

Em relação ao adversário de segunda-feira, Paulo Bento explicou que a Croácia "joga com dois jogadores na frente, num 4-4-2 clássico, tem jogadores no corredor central e na frente fortes no jogo aéreo e laterais que dão profundidade ao jogo ofensivo e cruzam com frequência".

"Para este jogo, não sabemos, no entanto, se vão manter o 'onze' habitual ou se vão testar outro sistema e outras situações", disse, acrescentando: "Interessa-nos fundamentalmente a nossa forma de jogar e sabermo-nos adaptar ao adversário".

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ronaldo, Nani e Coentrão "poupados" por Bento

Mensagem por Joao Ruiz em Dom Jun 09, 2013 12:03 pm

.
Ronaldo, Nani e Coentrão "poupados" por Bento

por João Ruela
Hoje


Miguel Veloso e Danny, dispensados do particular com a Croácia, não integraram os trabalhos da seleção nacional antes do voo para Genebra.

Fábio Coentrão, Nani e Cristiano Ronaldo não participaram no treino deste domingo da seleção nacional, no Estádio Nacional, antes do voo para Genebra, marcado para as 16.30 (Lisboa).

Os três futebolistas fizeram trabalho de gestão de esforço no hotel, mas ao que tudo indica poderão ser utilizados no particular de segunda-feira, frente à Croácia, jogo do qual Miguel Veloso e Danny foram dispensados.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Irlanda do Norte-Portugal, 2-4

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Set 07, 2013 8:35 am

.
Irlanda do Norte-Portugal, 2-4

por João Ruela
Ontem


Ronaldo, o 'rei' de Belfast ocupa trono de Eusébio
Fotografia © Reuters

Primeiro "hat-trick" de Cristiano Ronaldo por Portugal resolveu um jogo que parecia perdido. CR7 superou Eusébio e mantém a seleção nacional na rota do Mundial 2014.

Seleção Nacional - Época 2012/2013
Irlanda do Norte-Portugal

Legenda

Portugal, Golo, Bruno Alves, 20', 0-1

Três razões para Portugal continuar a acreditar que marcará presença no Mundial 2014: Ronaldo, Ronaldo e Ronaldo. O capitão da seleção nacional resolveu um jogo que parecia perdido e, com o primeiro "hat-trick" ao serviço da equipa das quinas, Cristiano Ronaldo deu a vitória a Portugal na Irlanda do Norte, por 4-2, mantendo a equipa lusa na luta por um lugar no Brasil.

Em Belfast, frente à seleção à qual Eusébio fez o seu 41.º e último golo por Portugal, Cristiano Ronaldo superou o registo do Pantera Negra e está a apenas quatro golos de igualar Pauleta no estatuto de melhor marcador da história da seleção nacional, mas durante largos minutos a derradeira partida internacional disputada no Windsor Park sugeriu que CR7 dificilmente iria ao Brasil para tentar bater o recorde.

Pressionado pela vitória da Rússia ante o Luxemburgo, Portugal até se adiantou no marcador aos 21 minutos, com um golo também histórico para Bruno Alves: já é o central com mais golos da história da seleção, com nove tiros certeiros, quatro deles já nesta fase de qualificação, superando Fernando Couto. A Irlanda do Norte, porém, chegou ao empate aos 36 minutos, por Gareth McAuley, antes de o "caldo entornar".

Postiga, num dos muitos desentendimentos com McAuley, encostou a cabeça ao jogador norte-irlandês e o árbitro holandês Danny Makkelie, com uma exibição que sugere que talvez seria boa ideia dedicar-se apenas à profissão de polícia, entendeu que houve agressão e expulsou o avançado. O filme piorou aos 52 minutos: Jamie Ward, em fora de jogo, aproveitou para fazer o 2-1 para a Irlanda do Norte, na sequência de um canto.

Apareceu, então, Cristiano Ronaldo: Moutinho, que já tinha assistido Bruno Alves, ofereceu o "bis" a CR7, aos 68 minutos, já depois de a Irlanda do Norte também ter visto Brunt ser expulso. Aos 77', nova cabeçada de Ronaldo, após centro de Coentrão, e vantagem para Portugal. Já contra nove unidades, Cristiano Ronaldo fechou as contas com um livre direto (86'), que mantém Portugal na expetativa de um "deslize" da Rússia, para se apurar diretamente para o Brasil, mas com boas hipóteses de, pelo menos, chegar ao "play-off".

Filme do jogo:

90+4' Final do jogo! E Cristiano Ronaldo, como manda a tradição, leva para casa a bola de jogo, depois de ter feito o "hat-trick" que derrubou a Irlanda do Norte e que mantém Portugal na corrida ao Brasil.

90+4' Rúben Amorim quase marcava! Assistido por Nani, Rúben Amorim viu Carroll evitar o golo com a ponta do pé.

90' Quatro minutos de compensação...

90' Substituição em Portugal. Saiu Cristiano Ronaldo, debaixo de uma onda de aplausos, e entrou Rúben Amorim.

89' Remate de Nélson Oliveira, sem perigo para Roy Carroll.

87' Portugal toma conta do jogo e tem os três pontos na mão, fruto de dois golos de vantagem e da superioridade numérica.

84' GOLO DE PORTUGAL! CRISTIANO RONALDO FAZ O 2-4! Já ninguém grita por Messi em Belfast: pontapé livre fortíssimo de CR7, que sofreu um desvio na barreira e acabou por fundo das redes. Primeiro "hat-trick" de Cristiano Ronaldo por Portugal.

82' Cartão amarelo para Norwood, por travar Fábio Coentrão.

80' Mais um cartão vermelho para a Irlanda do Norte! Lafferty entrou com tudo sobre João Pereira e vê o vermelho direto, deixando a Irlanda do Norte reduzida a nove unidades!

77' GOLO DE PORTUGAL! CRISTIANO RONALDO FAZ O 2-3! O capitão da seleção nacional acaba de bater o registo goleador de Eusébio ao serviço de Portugal, graças a mais um cabeceamento fulminante, desta vez após cruzamento largo de Fábio Coentrão.

76' Substituição na Irlanda do Norte. Saiu Ferguson e entrou Baird.

74' Roy Carroll não consegue segurar o remate de Nani, mas Nélson Oliveira não conseguiu chegar ao ressalto.

71' Substituição na Irlanda do Norte. Saiu Ward e entrou Corry Evans.

68' GOLO DE PORTUGAL! CRISTIANO RONALDO FAZ O 2-2! CR7 iguala os 41 golos de Eusébio ao serviço de Portugal, com uma cabeçada fulminante, após canto de João Moutinho.

67' Substituição na Irlanda do Norte. Saiu McGinn e entrou Lafferty.

66' Miguel Veloso atirou à trave! Remate forte do médio português, para uma defesa difícil de Carroll, com a bola a subir e a bater caprichosamente na parte superior da trave.

65' Substituição em Portugal. Saiu Vieirinha e entrou Nélson Oliveira.

62' Cartão amarelo para Roy Carroll, guarda-redes norte-irlandês. Vai entrar Nélson Oliveira...

60' Cartão vermelho para a Irlanda do Norte! Chris Brunt entrou com tudo sobre João Pereira e viu o segundo cartão amarelo. Igualdade numérica em campo...

57' Defesa segura de Rui Patrício, após remate forte de Chris Brunt.

54' Substituição em Portugal. Saiu Raúl Meireles e entrou Nani.

52' GOLO DA IRLANDA DO NORTE! JAMIE WARD FAZ O 2-1! Segundo pontapé de canto, segundo golo para a Irlanda do Norte. Johnny Evans ganhou a bola na frente de Rolando e tocou para Jamie Ward, que em posição de fora de jogo colocou a fora no fundo das redes.

49' Remate de longe de McAuley, a passar um pouco por cima do alvo.

48' Chove cada vez mais em Belfast. Rúben Amorim e Nani fazem exercícios de aquecimento.

46' Início da segunda parte! Bola para Portugal.

45' Intervalo em Belfast, com 1-1 no marcador.

43' Cartão amarelo para Cristiano Ronaldo, por protestos.

43' Cartão vermelho para Hélder Postiga! O avançado português encostou a cabeça a McAuley, gesto entendido como agressão pelo árbitro da partida.

43' Remate de Coentrão, na grande área, para Carroll defender.

42' Roy Carroll evita o golo! Cristiano Ronaldo tocou para Postiga, que poderia ter assistido Meireles, isolado, mas o avançado atirou para uma excelente defesa do guarda-redes adversário.

41' Remate de longe de Postiga, a sair muito mal.

39' Cartão amarelo para Brunt, por derrubar Cristiano Ronaldo.

36' GOLO DA IRLANDA DO NORTE! MCCAULEY FAZ O 1-1! O central fugiu à marcação de João Pereira e, depois, surgiu entre Bruno Alves e Hélder Postiga, para desviar de cabeça para o fundo das redes, na sequência de um canto. Gerir resultados não é, de todo, uma especialidade de Portugal.

35' Pepe cede pontapé de canto, perante a proximidade de Paterson.

32' Cartão amarelo para Steven Davis, por protestos.

30' Raúl Meireles falha por muito pouco o remate já na pequena área. Valeu o corte à tangente de McAuley

28' A Irlanda do Norte não voltou a aproximar-se da grande área de Portugal desde que Bruno Alves inaugurou o marcador. A seleção nacional não se tem dado bem na gestão de vantagens tangenciais...

25' Roy Carrol evita o segundo golo de Portugal, com uma defesa a dois tempos, após remate de Vieirinha.

23' Bruno Alves acaba de se tornar no central com mais golos na história da seleção nacional: nove golos, superando Fernando Couto.

21' GOLO DE PORTUGAL! BRUNO ALVES FAZ O 0-1! O central-goleador da seleção nacional marca pela quarta vez na fase de qualificação; ao pontapé de canto de João Moutinho Bruno Alves respondeu com um remate colocado, de primeira, que entrou junto ao poste.

19' Cruzamento perigoso de Vieirinha, após triangulação pelo lado direito do ataque, mas Norwood evitou que a bola chegasse a Postiga.

16' Cabeceamento de Bruno Alves, após pontapé livre de João Moutinho, a passar um pouco ao lado do alvo.

13' Portugal com dificuldade em encontrar espaço para jogar no meio-campo adversário, frente a uma Irlanda do Norte coesa e agressiva à saída do seu meio-campo.

10' Pontapé de canto para a Irlanda do Norte, ao qual se seguiu uma série de ressaltos na grande área, mas Bruno Alves limpou o lance.

9' Boa antecipação de Pepe, a evitar o remate de Jamie Ward na grande área.

7' Cartão amarelo para Pepe, o primeiro na partida, aparentemente por protestos.

5' Grita-se "Messi!" nas bancadas. Cristiano Ronaldo sorri face às habituais provocações.

3' Raúl Meireles teve espaço para o remate à entrada da grande área, mas atirou fraco e contra um defesa.

1' Os adeptos norte-irlandeses festejam efusivamente a primeira perda de bola de Cristiano Ronaldo.

1' O holandês Danny Makkelie apita para o início do jogo! Bola para a Irlanda do Norte.

IRLANDA DO NORTE: Roy Carroll; Hodson, McAuley, Johnny Evans, Shane Ferguson; Steven Davis, Norwood; McGinn, Jamie Ward, Chris Brunt; Paterson. Outros convocados: McGovern, Alex Bruce, McArdle, McKeown, Baird, O'Connor, Corry Evans, Grigg, Maggenis, McKay e Kyle Lafffery.

PORTUGAL: Rui Patrício; João Pereira, Pepe, Bruno Alves, Fábio Coentrão; Miguel Veloso, Raúl Meireles, João Moutinho; Vieirinha, Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga. Outros convocados: Eduardo, Anthony Lopes, Ricardo Costa, Luís Neto, Antunes, André Martins, Rúben Amorim, Adrien Silva, Josué, Nani, Licá e Nélson Oliveira.

A seleção de Portugal enfrenta nesta sexta-feira (19.45) o antepenúltimo desafio do grupo F da fase de qualificação para o Mundial 2014. A equipa das quinas vai defrontar a Irlanda do Norte, em Belfast, sabendo que continua a não depender de si própria para se apurar diretamente para o Brasil, mas a precisar de um triunfo para continuar em boa posição na luta por um lugar no "play-off".

A Irlanda do Norte, que bateu a até então líder Rússia na última jornada, não tem perspetivas de apuramento, mas a 109.º classificada da hierarquia da FIFA já causou dissabores a Portugal na fase de qualificação, ao empatar (1-1) no Dragão em outubro. A seleção lusa, 7.ª no "ranking" da FIFA, continua a depender de um deslize da Rússia (vai defrontar o Luxemburgo) para lutar pelo primeiro posto, mas que de nada valerá se não vencer no Windsor Park.

Cristiano Ronaldo é figura de cartaz incontornável nesta partida, uma vez que poderá igualar o recorde de golos de Eusébio pela seleção (41). Curiosamente, o "pantera negra" fez, no Reino Unido, o seu último golo por Portugal. CR7 conta com 40 remates certeiros e poderá, uma vez mais, aproximar-se do recordista, Pauleta (47). E as expetativas em torno de CR7 são, legitimamente, altas, não tivesse CR7 um valor de mercado (100 milhões de euros) que daria para pagar duas vezes e meia o "onze" norte-irlandês.

http://www.dn.pt/desporto/seleccao/interior.aspx?content_id=3406792&page=-1

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ronaldo: "Bater recorde de Eusébio não era objetivo"

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Set 07, 2013 8:52 am

.
Ronaldo: "Bater recorde de Eusébio não era objetivo"


por João Ruela
Ontem


Ronaldo: "Bater recorde de Eusébio não era objetivo"
Fotografia © Reuters

Só falta superar Pauleta para Cristiano Ronaldo se tornar no melhor marcador da história de Portugal, mas CR7 assume que isso não é um objetivo, mas sim algo que acontecerá com naturalidade.

O primeiro "hat-trick" de Cristiano Ronaldo pela seleção nacional permitiu a Portugal derrotar a Irlanda do Norte, por 4-2, e manter-se na luta por um lugar no Mundial 2014. CR7 já leva 43 golos na seleção A, tendo superado Eusébio (41), e já só falta alcançar o registo de Pauleta (47). Algo que, crê Cristiano Ronaldo, acontecerá com naturalidade.

"Foi a primeira vez que marquei três golos pela seleção e para mim é algo histórico. No meu clube já o fiz muitas vezes, mas aqui nunca tinha acontecido. Sinto-me feliz, foi especial. Bati o recorde mas esse não era o meu objetivo. É um orgulho igualar e depois ultrapassar Eusébio mas não um objetivo, pois é o percurso natural, ia acontecer mais cedo ou mais tarde", disse CR7.

O capitão da seleção nacional exaltou a "união" da equipa em Belfast, sobretudo depois de Hélder Postiga ter sido expulso e de Portugal ter ficado em desvantagem numérica e no marcador. "Passámos por muitas dificuldades na primeira parte. Fomos um pouco prejudicados. A expulsão foi exagerada, o Hélder só encostou a cabeça. Valeu pelo compromisso dos jogadores. O mister disse para acreditarmos, para jogarmos juntos, que tudo podia acontecer. A equipa uniu-se, mostrou que é uma grande equipa", aplaudiu.

Cristiano Ronaldo não estava nas melhores condições físicas, mas ainda assim acabou por ser, uma vez mais, decisivo. "Aquilo que aconteceu comigo esta semana foi complicado. Não consegui treinar normalmente com os meus colegas e fiz uma ressonância que mostrou que não estava a 100 por cento. Mas esforcei-me ao máximo e não me arrependo. Fi-lo de livre vontade para ajudar o meu país e a minha seleção. Para as pessoas que me acompanharam esta semana, os médicos e os fisioterapeutas, vai o meu agradecimento. Não estava nas melhores condições mas dei sempre o máximo", vincou.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cristiano Ronaldo dedica vitória ao pai

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Set 07, 2013 9:09 am

.
Cristiano Ronaldo dedica vitória ao pai

por Nuno Fernandes
Hoje


Cristiano Ronaldo dedica vitória ao paiFotografia © Reuters

Dinis Aveiro morreu precisamente há oito anos, curiosamente num dia em que o jogador estava também ao serviço da seleção nacional, na Rússia.

Cristiano Ronaldo marcou sexta-feira à noite, diante da Irlanda do Norte (4-2), o seu primeiro hat trick ao serviço da seleção nacional (superou o número de golos de Eusébio na equipa das quinas) e no final do jogo deixou uma dedicatória especial na sua conta no Twitter.

"Foi um resutado importante para Portugal numa data especial para mim. Gostava de dedicar esta vitória ao meu pai que nos deixou há oito anos", escreveu o jogador em inglês.

Dinis Aveiro, pai do jogador do Real Madrid, morreu a 6 de setembro de 2005, curiosamente num dia em que Ronaldo estava ao serviço da seleção nacional na Rússia. Apesar de abalado com a notícia, Ronaldo decidiu jogar no dia seguinte em Moscovo diante da seleção russa, jogo que terminou empatado a zero com uma grande exibição de CR7.

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Seleção já está em Boston sem Cristiano Ronaldo

Mensagem por Joao Ruiz em Sab Set 07, 2013 9:49 am

.
Seleção já está em Boston sem Cristiano Ronaldo

por João Ruela, com Lusa
Hoje


Seleção já está em Boston sem Cristiano Ronaldo
Fotografia © Reuters

Cristiano Ronaldo foi dispensado do particular com o Brasil, por lesão. Jogadores vão cumprir um treino aberto ao público neste sábado.

A seleção portuguesa de futebol já está em Boston e nesta tarde de sábado fará um treino à tarde aberto ao público, ao contrário do que estava previsto, informou a Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

O primeiro apronto de preparação para o jogo particular com o Brasil, na terça-feira, está marcado para as 17:00 (22:00 em Lisboa), no campo de treinos do Estádio Gillette, em Foxboro, nos arredores da cidade norte-americana de Boston, no estado do Massachusetts.

O treino, sem a presença de Cristiano Ronaldo, dispensado, deveria ser aberto apenas à Comunicação Social nos primeiros 15 minutos, mas os responsáveis da seleção optaram por abrir toda a sessão e permitir a presença de adeptos, nomeadamente da comunidade portuguesa residente na região de Boston.[img]

A seleção de Paulo Bento partiu de Belfast rumo a Boston, depois da vitória por 4-2 sobre a Irlanda do Norte, em jogo do Grupo F europeu de qualificação para o Mundial de 2014, no qual Cristiano Ronaldo apontou três golos, tornando-se o segundo melhor marcador da equipa nacional, com 43 golos, superando por dois o registo de Eusébio.

O extremo do Real Madrid já não viajou para os Estados Unidos, sendo dispensado devido a problemas físicos. O jogador esteve a recuperar de uma lesão durante toda a semana e, após o encontro na Irlanda do Norte, o departamento médico da considerou que o capitão não estava em condições de jogar.

In DN

In DN


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
avatar
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mundial 2014

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum