in Haaretz Palestinos: o reconhecimento da ONU seria promover a paz com Israel

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

in Haaretz Palestinos: o reconhecimento da ONU seria promover a paz com Israel

Mensagem por Vitor mango em Ter Out 16, 2012 11:45 am

Palestinos: o reconhecimento da ONU seria promover a paz com Israel
Abbas envia carta a Obama, dizendo que ele está pronto para retomar as negociações de Israel se sua oferta ONU bem-sucedida; EUA enviado a ONU diz que segunda-feira que lance estado palestino prejudica processo de paz.
Por Haaretz e Reuters | Oct.16, 2012 | 06:03


As potências mundiais em breve apoiar a nossa causa, diz autoridade palestina topo
Por Amira Hass | Oct.16, 2012 | 18:03 | 2
As eleições israelenses perto, os palestinos não sinto nada além de desespero
Por Barak Ravid | Oct.16, 2012 | 06:03 | 3

Os palestinos rechaçou na terça-feira críticas dos EUA a sua candidatura para o status atualizado nas Nações Unidas, dizendo que a medida vai melhorar as perspectivas de um acordo de paz com Israel, não danificá-los.?

O presidente palestino, Mahmoud Abbas, enviou uma carta ao presidente dos EUA, Barack Obama na terça-feira, dizendo que ele está pronto para retomar as negociações com Israel se ele conseguir obter o reconhecimento da ONU para os palestinos.

Tendo falhado no ano passado para conquistar o reconhecimento de statehoodat completo do organismo mundial, o presidente palestino Mahmoud Abbas agora busca uma promoção menos ambicioso para "Estado não-membro", que provavelmente será aprovado por um voto na Assembleia Geral da ONU.

De acordo com a Palestina News Network, conselheiro político de Abbas, Nimr Hammad, disse que Abbas, em sua carta a Obama, reafirmou que os palestinos estão comprometidos com uma solução de dois Estados. Ele também insistiu que sua decisão de obter o reconhecimento da ONU não foi "uma decisão unilateral".

"Este passo não pretende isolar Israel, mas para obter um reconhecimento internacional que facilita as negociações", disse Hammad. "Estamos prontos para retomar as negociações depois de obter o reconhecimento internacional."

Na segunda-feira, o embaixador dos EUA nas Nações Unidas, Susan Rice, disse que a proposta palestina para atualizar seu status da ONU para um país soberano colocaria em risco o processo de paz com Israel e torná-lo difícil de obter os dois lados para voltar para as negociações sobre um solução de dois Estados.

Tendo falhado no ano passado para ganhar o reconhecimento de um Estado pleno na ONU, o presidente palestino, Mahmoud Abbas, disse no mês passado que iria buscar uma atualização de status menos ambicioso no organismo mundial para torná-lo um "Estado não-membro" como o Vaticano.

O presidente da 193 membros da Assembléia Geral da ONU, Vuk Jeremic, disse que o problema provavelmente vai ser debatido em meados de novembro, após a eleição dos EUA.

Washington argumenta um Estado palestino só pode ser criado por meio de negociações diretas.

"Ações unilaterais, incluindo iniciativas para concessão palestinos estatuto de observador não-membro estado nas Nações Unidas, só comprometer o processo de paz e complicar os esforços para devolver as partes para negociações diretas", disse Rice ao Conselho de Segurança durante um debate sobre o Médio situação do Oriente.

Não houve negociações diretas palestino com Israel sobre a paz desde 2010, quando os palestinos se recusou a retomar as negociações a menos que o governo israelense suspendeu a construção de assentamentos na Cisjordânia e em Jerusalém Oriental.

"Qualquer esforço para usar fóruns internacionais para antecipar questões do estatuto final, que só podem ser resolvidas diretamente pelas partes, nem melhorar a vida cotidiana dos palestinos, nem fomentar a confiança essencial para avançar em direção a uma solução de dois Estados", disse Rice.

Os palestinos 'status atual da ONU é uma "entidade observadora". Se Abbas vitórias, que mudaria para "Estado observador".

Sendo registrado como um estado e não uma entidade que significaria os palestinos poderiam se juntar órgãos como o Tribunal Penal Internacional e as queixas de arquivos contra Israel por sua contínua ocupação de terras que tomou na guerra de 1967.

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106491

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: in Haaretz Palestinos: o reconhecimento da ONU seria promover a paz com Israel

Mensagem por Vitor mango em Ter Out 16, 2012 11:47 am

Abbas faz aquilo que os americanos quiserem ...só que a pax sempre se fez com o inimigo e nao com bonecos

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106491

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum