Laurear o Porco

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Laurear o Porco

Mensagem por Vitor mango em Qui Dez 06, 2012 12:00 pm

Laurear o Porco

O Louro é o símbolo da poesia, das artes e do sucesso
e o leitor já deve ter ouvido falar que determinado
professor ou destacado cientista foi “ laureado “ou
alguém obteve o “bacharelato” (derivado de “
baccalaurus “ ou seja, coberto de Louro.
Quer na Grécia quer em Roma, uma coroa de louros era a
máxima distinção a atribuir a vencedores desportivos
ou reis ou grandes conquistadores.
Assim estou a ver o sorriso irónico do leitor, ao ver
que o titulo (laurear o Porco) nada tem de grandioso
Sucede que o petisco é outro. Assisti, na Quinta da
Serrada, á matança do Porco e depois de cumpridas as
formalidades sanitárias legais o porco e atravessado
por um varão de aço e por baixo é feito um brasido que
lentamente vai tostando o animal.
Num balde, o especialista do assado, faz uma mistura
de vários ingredientes, agita e chega finalmente o
segredo do sucesso do grelhado; Uma espécie de
vassoura feita de ramos de Loureiro é metido dentro da
mistura, e regularmente, o porco é batido com o ramo
do Loureiro, conferindo-lhe o tal gosto que o torna
diferente de um vulgar assado.

Para os que vivem na cidade e só se aperceberam das
folhas de louro quando a vizinha do lado lhes vem
pedir uma folha que lhe faltou para mais um tempero, o
amigo repara e, certamente fica admirado de não saber
nada sobre a origem destas folhas
Assim, vamos começar pelo principio e deixar porco a
tostar lentamente enquanto informo que:
- O Loureiro é, afinal uma árvore que pode atingir
perto de 12 metros de altura ou aparecer disfarçada de
um arbusto em jardins pois que se pode podar para lhe
dar as mais diferentes formas
É uma arvore originaria do Mediterrânico que pode
suportar até 5 graus negativos no Inverno e as suas
folhas têem propriedades medicinais porque têem uma
quantidade de elementos que ajudam as digestões
difíceis, espasmos, gastrointestinais, bronquites e em
uso externo para reumatismo, estomatites, faringites
sinusites etc.

Mas deixemos as curas para os especialistas e vamos de
novo abordar o tema porque na Grécia antiga esta
arvore se tornou numa árvore do símbolo do Poder

APOLO e DAFNE

Apolo, era na Grécia antiga, o deus do SOL, e quando
treinava a sua pontaria com arco e flechas douradas,
passou perto Eros, o Deus do amor (os Gregos tinham
Deuses para Tudo). Como Apolo era um bocado fanático
nas suas virtudes de pontaria ao alvo, avisou Eros
para ir dar uma curva porque para ele não havia pai a
mexer em arco e flechas. Eros que era fino e vivaço
foi para o alto de uma colina e disparou uma flecha
virtual ao coração de Apolo, a flecha da paixão.
Por azar passou perto uma bela e provocante ninfa que
fez brotar um amor ardente no nosso flecheiro. Eros
disparou então outra flecha no coração de Dafne,
(virtual como sempre) e cujo efeito
Era o da indiferença.
Levando sopa da Dafne, Apolo não teve outro remédio
senão perseguir Dafne por toda a Grécia sem qualquer
sucesso. Só que a Dafne vendo o desespero do seu
apaixonado pediu á deusa da Justiça para acabar com
aquele suplício o que de imediato foi feito
Dafne foi transformada numa árvore – O LOUREIRO
Dafne em grego significa Loureiro.
Apolo vendo irremediavelmente afastada a sua paixão
sentou-se á sombra do Loureiro e chorou. Quando
acalmou, colheu uns ramos da árvore e entrançou-os e
colocou a coroa na cabeça para ter consigo uma
recordação da sua Dafne
Depois pediu aos deuses para que naquele lugar se
realizassem jogos em honra dos Mortos. Como o lugar se
chamava Olímpia adivinhe-se o que aconteceu e acontece
com tanta actividade ligada ao desporto.
Como o leitor está a ver a história da árvore Loureiro
é duma ternura digna de um romance cor-de-rosa que
comove o coração mais empedernido.
Agora e sempre que a sua vizinha lhe venha pedir umas
folhas de loureiro, o amigo leitor tem já na manga a
possibilidade de a informar que afinal as folhas
deviam ter nome feminino (dafne) e não masculino. Só o
não aconselho a cortar uns raminhos de louro e fazer
uma coroa de louros porque se o fizer alguém vai achar
que o amigo está fora de moda porque isto de modas
variam conforme os lugares e regiões indo desde o
Barrete encarnado (Ribatejo) ao preto da nossa região.


_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 109298

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Laurear o Porco

Mensagem por Vitor mango em Ter Dez 06, 2016 12:33 am

artigo do autor Vitor mango publicado no Diario Leiria

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 109298

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum