As ameixas da Nespereira minha publicaçao no Diario de Leiria

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

As ameixas da Nespereira minha publicaçao no Diario de Leiria

Mensagem por Vitor mango em Dom Abr 28, 2013 1:31 am

O amigo sorriu quando viu o titulo só que não lhe

aconteceu o mesmo que a mim  no Brasil onde ás

nêsperas  chamam ameixas . Por mais que coçasse na

cabeça e pensasse que o meu interlocutor estivesse na

galhofa , tive de aceitar e confirmar mais tarde ,

que funcionava mesmo assim – nêsperas ,  no Brasil são

ameixas . Só não perguntei se o inverso funcionava..

Aliás o primeiro a trocar os nomes ás coisas foi o

Cristóvão de Colombo que ,  quando viu nativos de pele

vermelha ,  julgou ter descoberto a Índia e toca de

batizar o lugar de ÍNDIA e de Indianos a esta malta

enfeitada de  penas na cabeça .

Mas há mais , os brasileiros chamam pinheiro á

araucária e aos pinheiros chamam pinus e sobre isto ,

não me perguntem porquê ,  porque também não sei .

Depois no Natal o calor é de rachar e vão festejar o

nascimento do menino Jesus para as praias enquanto a

Europa geme de frio .

Na parte que me diz respeito fui encarregado de

introduzir industrialmente o CHOUPO no sul do Brasil ,

onde só havia  alguns e raros exemplares e o nome que

lhes  davam eram Alamos que é o nome espanhol para

esta árvore . Aí , calma meus amigos .Lá os convenci

chamaram o nome luso aos choupos e a coisa pegou .

NESPEREIRA

Vamos também ser verdadeiros .

Esta arvore vinda da China e viajada até ao Japão ,

nada tem a ver com o clima de Portugal onde só

conseguiu  viver em zonas onde as geadas eram menos

violentas . Se repararem estão agora  em flor , o que

é um contra-senso .

Como sabem animais e plantas reproduzem-se na

primavera e para que as flores vinguem e ,

aproveitando a Primavera e Verão tenham os frutos

prontos no Outono e quando chegar o Inverno deixarem

as folhas ( as que deixam ) para suportarem o rigor do

Inverno tal como nós o fazemos e os nórdicos ainda

melhor fechando portas e janelas com o briol




As outras arvores deslocadas são a Laranjeira , o

Limoeiro e arvores da mesma família que vieram também

do oriente .

Quanto á nespereira a sua reprodução é difícil e só se

faz facilmente por semente , mas  enxertada é a  única

forma de garantir a qualidade dos frutos ( a variedade

)

Sucede  que a reprodução por semente pode dar origem a

frutos intragáveis amargos e ácidos ,

O método  de enxertia é obtido através de marmeleiro

que como sabem  se reproduz facilmente por estaca .

Assim conseguimos criar pomares industriais

Arvores fora do seu meio próprio , têem tendência a

apanharem uma invasão  de pragas e doenças e , é por

isso que é necessário pulverizar as nespereiras com

Sulfato de cobre ou outro fungicida onde se abusa da

cal , que no fundo , serve de casaco para os rigores

do frio .

No entanto as doenças e pragas da Nespereira não são

de monta por varias razões entre as quais a dureza das

folhas e os pelos que as protegem dos insectos

Esta arvore tem sido pouco explorada geneticamente ,

existindo apenas poucas variedades comerciais dignas

de registo o que não acontece com a tradicional

fruticultura em que todos os anos aparecem variedades

novas de maçãs pêssegos Uvas e pêras

Já agora informo que os botânicos e os técnicos se

guiam pelos nomes latinos ,  para evitar que alguém se

divirta a trocar os nomes ás árvores . No caso da

nespereira registe aí o nome latino !

Eriobotrya japonica ( Thumb.)  Lindl , seguindo-se

depois o cultivar ( vulgarmente chamamos a variedade )

. O Primeiro nome escreve-se em letra grande e o

segundo em pequena mas tudo em Latim e segue-se o nome

do botânico que estudou e registou esta árvore

Comercialmente a nêspera é um excelente fruto  mas tem

graves problemas de conservação e transporte . Na

altura em que aparece nos mercados ,  tem pouca

concorrência em frutos frescos ( não conservados em

frio ou gaz. )

As árvores enxertadas são caras visto que a sua

enxertia em marmeleiro é difícil mas possível e por

razões que não se conhecem bem , dado que são duas

espécies diferentes

Se enxertada em marmeleiro teremos também um  problema

com o pH da terra ou adubações com calcário de que o

marmeleiro não gosta . O outro problema é se o terreno

é encharcado na primavera .

Quanto ás podas , quanto menos mexer melhor porque

esta arvore sabe melhor do que o mais experiente

podador , o como e quando deve arredondar a copa e

deixar cair os ramos para tapar e proteger o tronco da

concorrência das ervas espontâneas

Quanto ás variedades as mais conhecidas são a Tanaka e

Argelino mas a grande maioria são filhas de pai

incógnito o que se a natureza estiver bem disposta lhe

poderá dar saborosíssimos frutos




Outra coisa a nespereira autofecunda-se ,  não precisa

de polinizadoras apesar de haver estudos de que isso é

sempre benéfico



_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 108125

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: As ameixas da Nespereira minha publicaçao no Diario de Leiria

Mensagem por Vitor mango em Qua Mar 30, 2016 1:49 am

and

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 108125

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum