Copas e fustes – Só a Natureza sabe da poda

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Copas e fustes – Só a Natureza sabe da poda

Mensagem por Vitor mango em Qua Out 02, 2013 7:52 am

Copas e fustes – Só  a Natureza sabe da poda

Nas arvores de fruto o agricultor procurou elevar a
copa , para poderr debaixo da mesma plantar as suas
couves e restantes vegetais  para o sustento da casa
. Colher os frutos no alto da copa não era problema
com escadas e mão de obra barata . Nos anos 60
aparecem as arvores de rápida frutificação com frutos
muitos mais atraentes e de sabores para todos os
paladares , o que originou que as variedades
tradicionais fossem colocadas de lado .
Aí a revolução deu-se desformando totalmente a arvore
em palmeta , cruzetas e outras modalidades trazidas de
França . Longas fileiras de arvores permitiam os
amanhos rápidos com o tractor e podadores treinados
utilizavam empas , passando da técnica de ratar as
arvores de fruto “ á escovinha “ para milhares de
atilhos tentando forçar a arvore a  esgotar-se em
frutos . Com a mão de obra a encarecer a técnica volta
a mudar com arvores anãs enxertadas em porta enxertos
débeis para tirar a força á arvore e , portanto
provocar a frutificação . Nesta altura entram em cheio
os herbicidas espalhando pelo solo centenas de quilos
de herbicidas , para evitar o aparecimento de ervas
daninhas , e adubos são espalhados em doses massiças
A pergunta é esta . Será que a Natureza percebe alguma
coisa de fruticultura ?
A resposta é que ela percebe muito mais do que se
imagina
Vamos pois plantar uma arvore comprada num viveirista
e vamos deixar a arvore crescer á vontade sem
interferir  na mesma . Vão nascer vários ramos que ao
fim de dois ou três anos formaram já uma copa
arredondada porque a arvore sabe equilibrar bem os
ramos a que tem que dar vigor e outros para ficarem
pendentes e onde ela vai acentuar a frutificação . Ao
fim de 4 a 5 anos a arvore fez uma coisa essencial
Protegeu a base do seu tronco evitando , pelo
ensombramento ,  que apareçam aí ervas daninhas .
Folhas e frutos caiem nesse espaço vital  contribuindo
para dar alimentos á arvore .Os frutos podres e a
presença de cogumelos ( micorrizas ) protegem as
raízes das arvores de maleitas graves e fazem o
saneamento biológico  . Esta arvore em plena produção
faz o autocontrole da produção,  do fuste , da copa
criando ou eliminando ramos a mais .
A duração da arvore será seguramente  5 vezes
superior. A técnica humana ao mexer na arvore apenas
acelerou o começo da frutificação em 2 ou 3 anos mas
esgota a arvore ,reduz-lhe  a sua vida e desequilibra
radicalmente a estrutura química do solo .
Portanto : para aprender fruticultura nada melhor do
que deixar a natureza fazer o que sabe e não armarmos
em sábios

Fuste
Na floresta ,  o caso é já diferente ,  quando
queremos fazer o aproveitamento da madeira . Aí temos
que eliminar todos os ramos  desde as primeiras
idades ,num equilíbrio tal , que a arvore não entre em
colapso visto que sem ramos não há folhas e sem estas
a arvore não cresce
Existem formulas para esta “ poda “ que tem em vista
obter “ tábuas “ sem nós , mas como já vimos quando
falamos aqui de madeira de tensão podemos não ter nós
mas a qualidade do lenho também diminui
O aparecimento de matos  era ,  no passado ,  um
beneficio porque se aproveitavam para as camas dos
animais e daí esse estrume era  devolvido novamente á
terra .
Com a aparecimento de fertilizantes e a
industrialização de vacarias a pratica de rapar os
matos desapareceu e os Fogos acabam , na maioria das
vezes por limpar tudo .
A solução ?
Não é fácil ; contudo florestar exige que quem o
pratique o faça dentro de novas regras sabendo
diversificar a floresta com folhosas  garantindo fácil
acesso aos bombeiros com corta fogos e ( um choupal
nunca arde visto que a quantidade de água no seu
interior o evita ) O leitor sabia disso?

Vamos ao meio termo

As arvores da cidade que a maioria dos “ técnicos
camarários teima em ratar completamente os rebentos do
ano , com funcionários munidos de serrotes e tradições
de dezenas de anos que eles praticam a mando “de
alguém “ que achou que uma arvore careca fica muito
mais bonita , está completamente errado .
Confesso que tendo estudado tudo o que é arvore ,
NUNCA percebi a razão desta “ arte “ citadina “
salvaguardando contudo algumas praticas profilácticas
São podas dispendiosas,  ineficientes e sem qualquer
apoio técnico valido . Uma arvore mutilada fica com
milhares de feridas abertas por onde entram toda a
casta de parasitas que reduzem  a vida da  arvore a
uma mera dúzia de anos.
Felizmente começam a aparecer já empresas dinâmicas e
jovens especializadas nesta nova actividade criando
arvores para a cidade e sabendo exactamente onde como
e quando devemos coloca-las .Tudo isto me faz lembrar
aquela historia do REI vai NU . Haverá um dia em que
alguém trave esta ofensa aos conhecimentos da natureza
!
Aguardemos pelo “milagre” – mas não dos porcos
poluentes desses estamos fartos




_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 108832

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Copas e fustes – Só a Natureza sabe da poda

Mensagem por Vitor mango em Dom Out 02, 2016 12:45 am

amem

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 108832

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum