Quando a raiz nao é quadrada e o Pacheco Pereira cheira a area

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Quando a raiz nao é quadrada e o Pacheco Pereira cheira a area

Mensagem por Vitor mango em Qua Mar 11, 2015 2:40 am

Metido no mundo da ciência agrícola esgravatei na terra á procura da verdade tal como o grego andava de holofote á procura da mesma (dita)

Na minha fúria de chegar á verdade escavava escavava encontrava uma raiz e seguia-lhe o rastro ...pouco a pouco via que ela chegava a um tronco e depois subia subia havia muitas folhas e registava o encontro

...espécie ... clone varietal ... 
Estado ...parece que não resistiu e morreu em pé 
Chegado aqui registava que nunca devíamos ir á raiz dos problemas porque dava bota 
Olhando para a árvore e não para a floresta podemos avaliar o estado da mesma sem olharmos o orçamento de estado ou entrar na toca do Coelho ( que dantes se calçavam com um cavaco e um cão )

Quando uma árvore esta debilitada a ponta da mesma amua as folhas perdem o brilho amarelecem e não mais nos resta que  chamar o FMI 
No laboratório de patologia florestal que criei em Curitiba dizia á minha aluna

-Quando criamos um novo clone não interessa que ele seja resistente a uma doença mas.... que saiba conviver com ela

Um pais é o mesmo não interessa que o défice seja grande mas que o povo consiga conviver com ele

Chau...tenho que ir pagar o IMI recebi hoje a convocação


_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106477

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum