Marques Mentes a Loiraça e quem paga o IMI ...

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Marques Mentes a Loiraça e quem paga o IMI ...

Mensagem por Vitor mango em Dom Out 23, 2016 1:35 am

Sussurrei pros amigos que o "gajo " andava sempre com esculturais loiras sendo ele fraca e baixa figura (isto sucedeu-me no Brasil ...para acalmar os amigos cá do burgo )
- Ph o gajo é gay e a Loira é só para despistar

Pois e kisto tem a ver com o Marques ?...por ser micróbio ?

Nada disso e nem sei sequer se ele tem loiras á mão ...mas com o desejo de ser Comentador na TV ...o que digamos é o desejo de tudo que se encheu de caroço na vida política
Havia um problema com o rótulo que ele trazia na testa

- PPD\PSD e aí ninguém do clube oposto iria sequer lugar a Tv para o gramar ...e é aqui que entra a Loiraça que nem é escultural nem loira ...pois ...ele começa a dizer bem da geringonça e a malhar no Passos Coelho

- O Coelho anda por ai só a dizer mal quando bla bla bla ...e saltam elogios ao Costa e á maquina do Governo ...bla bla bla

Danados os PPD mostram-lhe os tomates para o refogarem a quente

O nosso Homem fica impaciente e no ultima exposição ate a entrevistadora estava com cara e ele o Marques Mendes (clique para apalpar ) gesticulava pulava de ganas a bater na Governação ...e leia também ai em baixo uma cronica do
André Macedo*

Pois falta o IMI

Pois pah ...eu sei que falta ... é que quando a Loiraça serve de cenário ela cobra um pre$$$$o senão a pikena vai para outra esquina...perceberem ou querem também uma loiraça para enfeitar
E agora ?

Agora de braguilha aberta e com o rótulo exposto a sua credibilidade como comentador na TV
FOICE !





Leia-se Credibilidade política do Mentes



Última edição por Vitor mango em Dom Out 23, 2016 2:04 am, editado 6 vez(es)

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106508

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Marques Mentes a Loiraça e quem paga o IMI ...

Mensagem por Vitor mango em Dom Out 23, 2016 1:47 am

As fatwas de Marques Mendes


André Macedo*






Dizem por aí que o ministro da Economia vai ser corrido, deflacionado, vai ser deslocalizado, afastado por António Costa. Deve ser um problema da Economia, poucos lhe sobrevivem muito tempo, tenham ou não currículo para mostrar e algum trabalho feito no entretanto. Álvaro tinha apelido (Santos Pereira), não tinha era partido, não era militante do PSD, e então foi rapidamente chutado para França com a autoconfiança abalada. Felizmente, Paris opera maravilhas em qualquer alma, podia ter-lhe calhado destino pior.
Coube a Manuel Caldeira Cabral ocupar o mesmo lugar no governo seguinte. A acreditar no que diz Marques Mendes - no Marques Mendes que tem chapéu de comentador e outro de conferencista -, já não falta muito para acontecer a exoneração ministerial. Mendes não é o único a lançar a previsão, mas dita pela boca do antigo líder do PSD ganha outro peso. Acresce que entre os vários chapéus que ele acumula no armário, para usar consoante a ocasião e o interlocutor, há um que pertence ao Conselho de Estado, o Olimpo dos conselheiros do Presidente da República.
Deveria esta circunstância política, que também é uma enorme responsabilidade democrática, temperar-lhe um pouco as fatwas que lança? Um observador desinteressado diria que sim, mas Marques Mendes não parece preocupar-se muito. Pelo contrário, tira partido disso. Há ali, no que ele diz, uma sopa de letras com o perigo de acabar num refogado de interesses: algumas fatias de informação, um par de rodelas de opinião bem fininhas e meia colher de manipulação para apimentar.
O assunto pode ser a Galp, amanhã os bancos, o Europeu, o resultado de um jogo de futebol mais polémico - todos os temas populares são um bom acepipe. Ou então, com a maior candura do mundo, Mendes põe a prémio a cabeça de um ministro sem ter de citar qualquer fonte, sem situar a origem da informação, sem essas maçadas todas que teoricamente fazem da informação o que é suposto ela ser: factos pesquisados, verificados e documentados, não apenas ouvidos a meio de um repasto. Mendes tem uma espécie de licença para matar - matar reputações, moer outras, promover algumas pelo caminho.
Faça-se no entanto justiça. Há outros como Marques Mendes, alguns até com menos talento para comunicar e uns poucos ainda a coberto da Carteira Profissional de Jornalista. O nosso conselheiro de Estado é só a fruta da época e quem sabe onde ele chegará..., como ele próprio diria num comentário bem calibrado sobre alguém, deixando nas entrelinhas o veneno da dúvida.
Pois eu não sei nem quero saber quais são os objetivos políticos que Marques Mendes tem, se é que os tem, mas não deixo de notar o equívoco do que ele faz na área onde eu trabalho. Ele não esclarece os assuntos, posiciona os assuntos, fecha-lhes o ângulo de uma maneira muito especial e parcial. Dá a "notícia" e remata com a baliza aberta. Manuel Caldeira Cabral foi exonerado por Marques Mendes numa conferência que aconteceu nesta semana, não foi, portanto, na televisão, mas o estilo e o método são estes, só muda o cenário. A eficácia da mensagem é de elevado nível: muita gente acredita. Talvez isto seja apenas um espelho do país que somos. O jornalismo não fiscaliza o poder e os poderosos, serve de barriga de aluguer e também por causa disso enfraquece-se todos os dias.
Mas o mais interessante disto é que Mendes, acertando algumas vezes - e acertou em cheio na resolução do BES, o que diz muito sobre a irresponsabilidade de alguns dos nossos decisores políticos, línguas de trapo mesmo em assuntos tão delicados -, Mendes, escrevia eu, também falha. Tenho bem consciente que já o vi atirar muitas vezes ao lado, horrivelmente ao lado, revelando-se incapaz de compreender o que aí vinha, mas ainda assim especulando com a assertividade dos eleitos que tudo podem saber com um par de telefonemas certeiros, até sobre geopolítica internacional.
Vivemos os anos dourados da opinião, não da informação. Esta coluna que escrevo é apenas um exemplo - espero que tenham alguma misericórdia ao lê-la -, embora venha embrulhada num jornal que o que tem mais são notícias, entrevistas e reportagens, doseando sensatamente tudo o resto para não perder a identidade e a vocação. A famosa Fox News e a MSNBC, canais de informação americanos, já estão para lá de Bagdade neste assunto. Oferecem metade do seu tempo aos comentários - o que não é o mesmo do que análise, exercício jornalístico qualitativamente diferente para melhor -, deixando para segundo plano a procura intensiva da informação. E o mais ridículo disto tudo é que já está provado que estes pundits, como lhe chamam os americanos, no fundo estes comentadores como Marques Mendes, confundem muitas vezes desejos com factos, fabricam uma narrativa que os impele a ignorar a realidade, não prestam atenção suficiente aos detalhes, não são flexíveis o suficiente para captar as zonas cinzentas, são pouco tolerantes com a complexidade. Têm uma agenda.
Resumindo: eu não acredito que António Costa substitua Manuel Caldeira Cabral.
*) Diretor adjunto da RTP

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106508

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Marques Mentes a Loiraça e quem paga o IMI ...

Mensagem por Vitor mango em Dom Out 23, 2016 8:59 am

Mendes põe a prémio a cabeça de um ministro sem ter de citar qualquer fonte, sem situar a origem da informação, sem essas maçadas todas que teoricamente fazem da informação o que é suposto ela ser: factos pesquisados, verificados e documentados, não apenas ouvidos a meio de um repasto. Mendes tem uma espécie de licença para matar - matar reputações, moer outras, promover algumas pelo caminho.

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106508

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Marques Mentes a Loiraça e quem paga o IMI ...

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:02 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum