Vagueando na Notícia


Participe do fórum, é rápido e fácil

Vagueando na Notícia
Vagueando na Notícia
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

EUA

Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty EUA

Mensagem por Joao Ruiz Ter Mar 30, 2010 10:56 am

Relembrando a primeira mensagem :

Menino de 12 anos pode ser condenado a prisão perpétua

Hoje

EUA - Página 2 Ng1273555

Jordan Brown, um rapaz norte-americano de 12 anos, corre o risco de passar o resto da vida na cadeia. Jordan é acusado de matar a madrasta, grávida de oito meses, e pode tornar-se a criança mais jovem a ser condenada a prisão perpétua - sem direito a liberdade condicional - nos Estados Unidos.

Kenzie Houk, de 26 anos, grávida de oito meses, foi morta, enquanto dormia, com um tiro à queima roupa. Pouco tempo depois, Jordan Brown - o menino de 11 anos que mais tarde a polícia acusou do assassínio da madrasta - entrava no autocarro que o levou à escola como se nada tivesse acontecido.

O crime aconteceu numa pequena casa, no quarto onde o pai de Jordan vivia com a namorada. Agora o rapaz, já com 12 anos, enfrenta a prisão perpétua uma vez que vai ser julgado como adulto. Na casa viviam ainda outras duas crianças de 7 e 4 anos filhas de Kenzie Houk.

Segundo o New York Times, os procuradores vão tentar que Brown seja julgado por homicídio de primeiro grau, o que fará com que o rapaz possa enfrentar uma pena de prisão perpétua caso seja considerado culpado.

Christian Brown criou o filho sozinho, depois de ser abandonado pela mãe. O tiro que tirou a vida de Kenzie Houk, e do bebé que nasceria dentro de duas semanas, obrigou o homem a abandonar o trabalho na construção civil para defender o rapaz.

Questionado sobre a espingarda que deu de presente ao filho, Christian Brown respondeu: “Se a pergunta é se me arrependo de lhe ter comprado uma arma? Não. Recebi a minha primeira arma exactamente quando tinha 11 anos de idade”.

De acordo com a família da vítima, alguns meses antes do crime, Jordan contou aos primos sobre a intenção de matar a madrasta por ciúmes.

Christian nega que o filho tenha cometido o crime ou que tivesse sequer feito ameaças de morte por ciúmes da gravidez da madrasta.

No Estado da Pensilvânia, a lei é uma das mais rigorosas dos Estados Unidos: se uma criança com mais de dez anos comete um homicídio é tratada pela Justiça como se fosse um adulto.

Nos Estados Unidos existem 2,6 mil adolescentes a cumprir prisão perpétua.

In DN

Embarassed Rolling Eyes Sad Twisted Evil


Última edição por João Ruiz em Qui Jun 24, 2010 4:19 pm, editado 1 vez(es)

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo


EUA - Página 2 Empty Obama - Daqui a um ano ONU poderá acolher Palestina

Mensagem por Joao Ruiz Qui Set 23, 2010 8:11 am

.
.
Obama - Daqui a um ano ONU poderá acolher Palestina

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1345400

O presidente norte-americano vai declarar aos seus pares reunidos hoje na ONU que eles poderão acolher daqui a um ano um novo membro - a Palestina - se apoiarem os esforços de paz no Médio Oriente.

O presidente vai colocar todo o seu peso político e diplomático para atingir um equilíbrio e vai apelar aos principais protagonistas da região a aproveitarem a tradição de tolerância do judaísmo, do cristianismo e do islamismo para forjarem um tratado de paz. Isto segundo extratos do discurso de Barack Obama divulgados pela Casa Branca.

"Se fizermos isso, quando regressarmos aqui no próximo ano podemos ter um acordo que nos levará a acolher um novo membro das Nações Unidas: um Estado da Palestina independente, vivendo em paz com Israel", irá dizer o presidente.

O apelo do presidente Obama, feito a partir da tribuna da Assembleia-Geral da ONU, chega num momento crucial das negociações de paz entre palestinianos e israelitas.

Elas foram reiniciadas no princípio deste mês, depois de quase dois anos de impasse, sob a liderança dos Estados Unidos.

No entanto, os palestinianos consideram indispensável à continuação do diálogo o prolongamento de uma moratória sobre a construção nos colonatos na Cisjordânia, que deve expirar no final do mês.

Obama deverá admitir que os que nos dois campos se opõem à paz vão tentar fazer falhar as negociações "com palavras duras e bombas" e notará igualmente que muitas pessoas pensam que a paz é impossível.

"Mas pensem na alternativa. Se não houver acordo os palestinianos nunca conhecerão o orgulho e a dignidade que confere um Estado", dirá.

"Os israelitas nunca conhecerão a certeza e a sensação de segurança que dão vizinhos soberanos e estáveis que se comprometem a viver em conjunto", adiantará.

Obama deverá sublinhar que se a sua iniciativa falhar será preciso esperar uma geração antes de tentar negociar novamente.

In DN

Rolling Eyes [/size][/color]

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty CIA faz ataques aéreos em grande escala no Paquistão

Mensagem por Joao Ruiz Ter Set 28, 2010 8:20 am

.
CIA faz ataques aéreos em grande escala no Paquistão

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1347441

A CIA está a efectuar ataques aéreos, em grande escala, contra zonas do Paquistão, fronteiriças com o Afeganistão, numa tentativa de frustrar eventuais atentados terroristas na Europa, segundo vários meios de comunicação social norte-americanos.

Este mês, a CIA efectuou pelo menos 20 ataques com aviões tele comandados que lançaram mísseis contra alegados alvos terroristas nas "zonas tribais" do noroeste do Paquistão, segundo os jornais New York Times e Wall Street Journal, bem como o canal de televisão CNN.

O aumento de ataques é uma resposta a informações sobre alegadas "conspirações" para perpetrar atentados terroristas no Reino Unido, França ou Alemanha, segundo "funcionários" da CIA contactados pelo Wall Street Journal e outros jornais.

"O objectivo de tudo isto é abortar as conspirações terroristas, que estejam na fase de desenvolvimento, e sejam quais forem os lugares onde pretendem efectuar" os ataques, disse segunda feira à CNN um "funcionário" da CIA que pediu para não ser nomeado.

Por sua vez, o New York Times refere que "os ataques são um reflexo da crescente frustração, tanto no Afeganistão como nos Estados Unidos, face à impressão de que o governo do Paquistão não foi suficientemente agressivo na retirada de militantes das suas bases, nas montanhas ocidentais do país".

As actuais operações da CIA estão centradas na região do Norte do Waziristão, considerado um "refúgio" para al-Qaida e para talibãs.

O governo paquistanês protestou segunda feira formalmente pelos ataques que foram lançados domingo e segunda feira com helicópteros norte-americanos da NATO, a partir do Afeganistão, contra a zona fronteiriça do Paquistão, nos quais morreram mais de 50 pessoas.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Agência antidroga dos EUA instala 'filial' em Lisboa

Mensagem por Joao Ruiz Qua Set 29, 2010 5:31 am

.
Agência antidroga dos EUA instala 'filial' em Lisboa

por VALENTINA MARCELINO
Hoje

EUA - Página 2 Ng1347679

O conselheiro de Obama esteve em Portugal e elogiou a política antidroga nacional.

Gil Kerlikowske, director da Estratégia Antidroga da Casa Branca, anunciou ontem, em Lisboa, que a Drug Enforcement Agency (DEA), a autoridade oficial norte--americana de combate à droga, vai abrir uma delegação na capital portuguesa já a partir do próximo mês de Outubro.

Kerlikowske, que falava na residência oficial do embaixador, num encontro com jornalistas, não quis adiantar detalhes sobre os motivos que levaram a esta decisão, mas reconheceu que a "longa linha costeira" de Portugal e a sua localização geográfica o coloca potencialmente na linha de trânsito traficantes. "Não há muito a fazer ", afirmou.

O conselheiro de Barak Obama explicou ainda que a DEA tem uma "rede internacional de delegações, que incluem vários outros países da Europa", na qual Portugal vai ser incluído. "É muito importante a troca de informação entre as autoridades dos vários países", sublinhou. A DEA tem 87 delegações em países estrangeiros. A ligação de Portugal aos países africanos de língua oficial portuguesa pode também ter sido um dos motivos que levou a esta decisão do departamento de Justiça dos EUA. Kerlikowske admitiu que a "situação na Guiné Bissau está a ser acompanhada com atenção".

Este alto responsável lembrou ainda que o tráfico de droga é executado por "organizações criminosas internacionais, que também estão ligadas ao tráfico de armas e ao tráfico de seres huma- nos". Também "há informação" da "mistura" destes a "grupos terroristas" e ao seu "financiamento".

Gil Kerlikowske encontrou-se, durante a sua visita, com os responsáveis do Instituto de Drogas e Toxicodependência e com a Polícia Judiciária, cujo trabalho, na prevenção, no primeiro caso, e na investigação e repressão, no segundo, considerou "positivo e organizado".

Este responsável destacou que "a relação entre as autoridades policiais americanas e as portuguesas no que diz respeito à investigação são muito sólidas e vêm de há longos anos".

Na sua opinião "as autoridades portuguesas estão a actuar bem" e manifestou-se "bem impressionado" com o que ouviu e "com os resultados que" lhe foram apresentados".

O conselheiro de Obama sublinhou que a estratégia antidroga do Presidente reforça o investimento na prevenção do consumo. "Não queremos encarar este problema como uma 'guerra'", disse Kerlikowske, refutando a possibilidade de os EUA declararem uma espécie de "guerra preventiva" contra os países fornecedores de dro- ga, à semelhança da "guerra preventiva" contra o terrorismo no Afeganistão e Iraque. No seu entender, "o lema 'guerra contra a droga' está ultrapassado" e é "essencialmente na prevenção que está a grande aposta da Casa Branca".

O director da estratégia anti-droga, encontrou "semelhanças" entre a política seguida por Portugal em matéria de prevenção e os objectivos definidos pela equipa de Barak Obama, nomeadamente no que diz respeito "a encarar a questão como sendo um assunto essencialmente de saúde".

Na sua opinião deve ser feito todo um trabalho de informação e prevenção junto dos jovens de forma a evitar que estes venham a consumir drogas. "Há estudos científicos que demons-tram que se se conseguir evitar que um jovem consuma drogas, álcool, ou outras substâncias aditivas até aos 21 anos, é praticamente nula a possibilidade de o começar a fazer a partir daí", assevera.

Esta visita inclui-se também na estratégia da Casa Branca de "es-tabelecer contactos internacionais, tendo em conta que o problema da droga é global, não apenas na questão do tráfico, mas também no consumo e abuso destas substâncias".

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty EUA alertam para perigo terrorista em países da UE

Mensagem por Joao Ruiz Seg Out 04, 2010 6:52 am

.
EUA alertam para perigo terrorista em países da UE

por LUMENA RAPOSO
Hoje

EUA - Página 2 Ng1349417

Advertência feita aos cidadãos americanos dura até Janeiro de 2011.

Os EUA lançaram ontem um alerta aos seus cidadãos que viajem até à Europa para os riscos de potenciais atentados no Velho Continente - um alerta que será válido até "31 de Janeiro de 2011". Horas depois, era a vez do Governo britânico tornar público um alerta idêntico mas referenciando especificamente a França e a Alemanha. Al-Qaeda, talibãs e grupos europeus são os suspeitos de estarem a preparar ataques terroristas.

"Os terroristas poderão usar uma variedade de métodos e armas, atacando interesses públicos e privados", afirma o comunicado do Departamento de Estado, que lembra como no passado os terroristas "atacaram redes de metro e comboio, bem como transportes aéreos e serviços marítimos". No seu documento, a diplomacia americana refere que "os governos europeus já tomaram medidas de prevenção contra eventuais ataques" e adianta que alguns desses governos já referiram publicamente a existência de um "risco mais elevado" de terrorismo.

Theresa May, ministra do Interior britânica, não escamoteou o perigo; antes sublinhou que "tal como temos repetido sem cessar, enfrentamos uma ameaça terrorista grave e real. O nosso nível de alerta continua a ser o de 'grave', ou seja, um atentado é muito provável". É por isso, garantiu a ministra, que Londres mantém uma estreita colaboração com os seus parceiros internacionais "na luta contra o terrorismo e o alerta americano está de acordo com a nossa apreciação da situação".

Recorde-se que o nível de alerta no Reino Unido mantém-se o mesmo desde Janeiro - "grave", ou seja, o 4.º dos cinco graus de estado de alerta que foram tornados públicos em 2006, um ano após os atentados de 7 de Julho de 2005 em Londres que fizeram 52 vítimas mortais.

Reagindo ao alerta dos EUA, Paris considerou que ele está de acordo com as recomendações feitas aos franceses. "A ameaça terrorista em França continua elevada, o nível de alerta continua a ser o mesmo, ou seja, o vermelho", disse Bernard Valero, porta-voz dos Negócios Estrangeiros francês. Em Setembro, Paris foi objecto de vários alertas de bomba , por duas vezes na Torre Eiffel.

O alerta dos EUA, que os governos europeus subscrevem em absoluto, surge menos de uma semana após ter sido revelado que os serviços secretos ocidentais tinham abortado um plano para realizar atentados na Alemanha, França e Reino Unido. O plano, segundo fontes dos serviços secretos paquistaneses, fora inspirado nos atentados perpetrados em 2008 na cidade indiana de Bombaim: ataques simultâneos em locais diferentes por comandos suicidas.

O plano, em cuja elaboração terão participado oito alemães e dois irmãos britânicos, foi neutralizado quando um avião americano não comandado atacou uma base de activistas no Paquistão e matou um dos britânicos, enquanto um dos alemães era preso e interrogado em Bagram (Afeganistão). O grupo tinha o apoio da Al-Qaeda e dos talibãs afegãos e paquistaneses.

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Administração Obama subestimou a maré negra

Mensagem por Joao Ruiz Qui Out 07, 2010 9:25 am

.
Administração Obama subestimou a maré negra

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1350625

A administração do presidente norte-americano Barack Obama subestimou inicialmente a amplitude da maré negra no golfo do México, que enfraqueceu a confiança dos norte-americanos no governo, segundo um relatório apresentado na quarta feira numa comissão de inquérito governamental.

O relatório, redigido por uma equipa de investigadores, não reflecte necessariamente o ponto de vista desta comissão nacional, encarregue por Obama de apresentar até ao fim de Janeiro de 2011 o resultado das suas investigações sobre a pior maré negra da história dos Estados Unidos.

As primeiras estimativas sobre a quantidade do petróleo que foi derramado no oceano, após a explosão, a 20 de Abril, da plataforma Deepwater Horizon, explorada pela BP ao largo do Luisiana, "prejudicaram a confiança do público na reacção do governo face à maré negra", referiu o relatório.

"O governo federal deu a impressão de que não era suficientemente competente para lidar com a maré negra, por isso não foi inteiramente honesto com os norte-americanos relativamente à extensão do problema", prosseguiu o texto.

Pouco depois da explosão da plataforma, os guardas-costeiros estimaram que cerca de 1.000 barris de petróleo estavam a ser derramados todos os dias no oceano.

Os autores do relatório, citando entrevistas com responsáveis governamentais, chegaram à conclusão de que os guardas-costeiros apenas estavam a retransmitir os números fornecidos pela BP.

Em agosto, o secretário para a Energia, Steven Chu, considerou que estavam a ser derramados no Golfo 62.000 barris de petróleo por dia, antes do poço ter sido parcialmente bloqueado em Julho, reduzindo essa quantidade para 53.000.

Um sistema de bombagem permitiu posteriormente, em meados de agosto, recuperar todo o petróleo que estava a sair do poço, que desde o verão ficou definitivamente selado.

Na quarta feira, a Casa Branca reagiu imediatamente à publicação deste relatório, recordando que os responsáveis encarregues pelo governo de gerir a catástrofe avisaram desde o inicio que o fluxo de petróleo se arriscava a ser maior do que o anunciado.

O secretário da administração interna, Ken Salazar, e o almirante na reforma Thad Allen, encarregue da luta contra a maré negra pelo governo, declararam a partir do principio de maio que as avaliações mais alarmistas iam até aos 100.000 barris de produto bruto derramados por dia.

"A reacção do governo federal foi enérgica e imediata", escreveu a Casa Branca num comunicado, insistindo no facto desta "reacção se ter baseado na ciência, mesmo quando isso colocava (o governo) contra a BP ou os responsáveis locais".

In DN

EUA - Página 2 000201DD

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Pacotes suspeitos em aviões de carga tinham explosivos

Mensagem por Joao Ruiz Sab Out 30, 2010 6:34 am

.
Pacotes suspeitos em aviões de carga tinham explosivos

por JOANA DE BELÉM, com a CNN e agências
Hoje

EUA - Página 2 Ng1362339

Provinham do Iémen e tinham como destino locais de culto judaico em Washington. "Uma ameaça credível", diz Obama.

Ao final do dia, a confirmação chegava pela voz de Barack Obama. Os pacotes suspeitos inspeccionados no Dubai e em Londres, provenientes do Iémen e destinados aos Estados Unidos, continham explosivos, afirmou o presidente norte-americano. Citado pela CNN, considerou esta descoberta como "uma ameaça credível" contra os Estados Unidos. As autoridades acreditam que a Al-Qaeda da Península Arábica esteja na origem deste incidente.

"Sabemos que a Al-Qaeda na Península Arábica continua a planear ataques contra o nosso país, os nossos cidadãos, os nossos amigos e aliados", disse Obama num curto briefing sobre os acontecimentos. Ambos os pacotes tinham como destino os Estados Unidos , "especificamente, dois locais de culto judaico em Washington", assinalou o Presidente.

A polícia reforçou ontem o controlo em aeroportos norte-americanos na sequência das informações anónimas que alertaram para a existência de pacotes sus- peitos em dois aviões da companhia de carga norte-americana UPS provenientes do Iémen e do Dubai. Segundo as informações inicialmente veiculadas, inspecções minuciosas feitas nos aeroportos de Chicago, Nova Iorque, Newark (Nova Jérsia) e Filadélfia por brigadas do FBI concluíram não haver explosivos a bordo destes e outros aparelhos, um dos quais chegou a ser escoltado por caças americanos antes de aterrar no aeroporto JFK, em Nova Iorque.

Também infrutífera foi uma inspecção a aviões da UPS no aeroporto de East Midlands, no centro do Reino Unido. O Presidente Barack Obama deu instruções aos serviços de informações para "garantir a segurança do povo norte-americano" perante uma possível ameaça terrorista, a quatro dias das eleições legislativas (ver págs. 32-33).

A BBC divulgou, entretanto, imagens do objecto que gerou alertas dos dois lados do Oceano Atlântico: um cartucho de tinta para impressora, que aparece manchado com pó branco, de onde parecem sair alguns cabos unidos a um dispositivo electrónico. O objecto foi sujeito a análise de detecção de explosivos que deu resultado negativo, segundo a agência Associated Press, mas ontem ao início da noite o presidente dos Estados Unidos confirmava o contrário.

Dirigentes dos serviços norte-americanos de informações avisaram em Setembro que os terroristas pretendiam enviar materiais químicos e biológicos por correio como parte de um ataque contra os Estados Unidos. O boletim de 23 de setembro do Ministério da Segurança Interna, obtido pela Associated Press, adiantava que o governo tinha informação credível sobre o interesse dos terroristas em atacarem os EUA e outros países ocidentais usando o correio.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty A revolta dos eleitores

Mensagem por Joao Ruiz Sab Out 30, 2010 6:41 am

.
A revolta dos eleitores

por LUÍS NAVES
Hoje

EUA - Página 2 Ng1362372

Em 1994, Bill Clinton conseguiu sobreviver à perda da dupla maioria no Congresso. Mas, caso se confirmem as sondagens e os democratas percam a Câmara dos Representantes na próxima terça-feira, a situação de Barack Obama será mais difícil, por causa da irritação em que se encontram os americanos.

Os americanos tencionam punir os políticos de Washington nas eleições intercalares que se realizam nos EUA na terça-feira e que servem para renovar o Congresso e as legislaturas estaduais. Os eleitores estão irritados com a economia, sobretudo aqueles que sentiram na pele o desemprego e as execuções hipotecárias que varreram o país.

A irritação estende-se a um tema que para um europeu parece estranho, mas que faz sentido neste contexto: o défice orçamental é considerado pela opinião pública como um dos grandes problemas dos EUA e os democratas estão a ser culpados pelos "excessivos" gastos federais.

A revolta dos eleitores deverá implicar uma derrota democrata nas eleições intercalares. O partido de Barack Obama vai perder o controlo da Câmara dos Representantes e pode também perder o Senado. Para alguns, este cenário não será diferente daquele que Bill Clinton enfrentou em 1994 e 1995 e que não impediu a sua reeleição, mas há vozes sensatas que lembram o estado da economia: Obama arrisca-se a ser Presidente de um único mandato e a paralisação política pode desencadear uma depressão económica.

Embora a era Bush tenha deixado um défice de 1,4 biliões de dólares (milhões de milhões) e apesar de a Administração Obama ter um plano para reduzir para metade a verba, atingindo em 2012 um défice pouco superior a 800 mil milhões de dólares, a opinião pública continua a culpar Obama e os democratas.

A popularidade do Presidente começou a cair em Fevereiro de 2009, quando Obama assinou o pacote de estímulo económico que terá salvado as finanças globais. Mas Obama foi perdendo o apoio dos independentes e dos pobres. Neste momento, conta com 90% dos afro-americanos e dois terços dos hispânicos, mas este crescente carácter étnico é mais problema do que vantagem.

As medidas que ajudaram as famílias, incluindo o estímulo e a reforma da saúde, foram impopulares, já que beneficiaram sectores que votam pouco na América, aumentando os gastos federais. Este efeito foi agravado pela retórica populista do Tea Party, que está a radicalizar o Partido Republicano. As dúvidas sobre a religião de Obama e a acção durante o derrame de petróleo no Golfo México só reduziram a popularidade do Presidente.

Os democratas pagam pelas execuções de hipotecas, que estão a atingir a classe média. Um milhão de famílias perdeu as suas casas e muitas viram o valor das habitações descer abaixo da hipoteca. Isto impede a mobilidade e afecta comunidades inteiras: a rebelião que se exprime no movimento Tea Party baseia-se parcialmente neste fenómeno.

E a cereja em cima do bolo é o escândalo dos robo-signers (assinaturas-robô), como definiu a imprensa. Pressionados pelos atrasos nos pagamentos, os bancos aceleraram os processos de execução, que em certos estados não precisam do tribunal. Resultado: uma vaga de execuções incompetentes, com muitas famílias a perderem a casa a que tinham direito ou que poderiam sustentar. Os bancos saem pela primeira vez chamuscados, mesmo depois dos escândalos de Wall Street. Surgiu entretanto uma boa notícia para a economia, que no segundo trimestre cresceu a ritmo anualizado de 2%. Mas será tarde para muitos políticos que terça-feira perdem o seu lugar.

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty E agora, Obama?

Mensagem por Joao Ruiz Qui Nov 04, 2010 4:39 am

.
E agora, Obama?

por LUÍS NAVES
Hoje

EUA - Página 2 Ng1365563

A Casa Branca enfrentará nos próximos dois anos um Congresso hostil, sendo forçada a negociar cada passo e a travar iniciativas que visam destruir as reformas já alcançadas. A economia deverá ser o principal campo de batalha: os republicanos que conquistaram a Câmara dos Representantes querem combater o défice e manter as isenções fiscais que Bush obteve em 2003 (criando o défice). Obama defende os estímulos à economia, para criar empregos. E o eleitorado desconfia

O Partido Republicano tenciona desafiar as políticas de Barack Obama na área económica, reivindicando o "mandato popular" das eleições intercalares que deram ao Grand Old Party (GOP) o controlo da Câmara dos Representantes, embora não do Senado. Horas depois do anúncio, o Presidente Obama reconheceu a "frustração dos eleitores" e apelou à "estabilidade".

Ainda não estão contados todos os círculos, mas os republicanos controlam 239 lugares na câmara baixa do Congresso (a maioria é de 218). A oscilação foi de 60, a maior desde 1948. No Senado, os democratas têm maioria, dispensando o veto presidencial. Mas serão os republicanos a ditar a agenda política, hostil a estímulos ao crescimento.

Mal foi conhecida a maré vermelha, os líderes republicanos definiram a prioridade do combate à despesa. O próximo presidente da Câmara dos Representantes, John Boehner, explicou que os americanos tinham enviado uma mensagem clara à Casa Branca: "Mude de rumo." Os republicanos foram sempre hostis aos pacotes de estímulo económico e à reforma da saúde.

Obama, por seu turno, reconheceu que os eleitores estão "frustrados", mas também defendeu as suas decisões: "Estabilizámos a economia e temos criação de emprego no sector privado. Mas os americanos não sentem os efeitos desse progresso." Questionado sobre um eventual ataque à reforma da saúde, Obama admitiu que haveria um "debate duro".

O primeiro confronto entre o novo Congresso e a Casa Branca deverá ser em torno das isenções fiscais decididas em 2003 por George W. Bush, no âmbito de um acordo que expira no final do ano. Os republicanos querem torná-los permanentes, os democratas pretendem mantê-los apenas para a classe média. Em causa, estão dois biliões de dólares (mais de 1,7 biliões de euros) em impostos, até 2020. É um quinto da actual dívida pública.

Mas a questão é mais complexa. Os republicanos contestam despesas governamentais que visam estimular o crescimento e afirmam que a dívida está a levar o país para o inferno. Mas também querem cortar o défice sem mais impostos. Obama diz que herdou o défice (está a reduzi-lo para metade) e concorda com as isenções de Bush, mas apenas nos rendimentos médios.

Para os democratas, o Senado será difícil de manter em 2012, pois nesse ano estarão em jogo 23 lugares democratas e apenas dez republicanos. Assim, mesmo que recupere a câmara e consiga a reeleição (Ronald Reagan e Bill Clinton sofreram pesadas derrotas intercalares e foram reeleitos), Barack Obama pode ter de lidar com um Congresso hostil num eventual segundo mandato.

A maior incógnita dos próximos dois anos estará na evolução do Tea Party, um movimento de protesto cuja mensagem não é clara. Uma sondagem sugeria que 40% dos votantes se identificavam com a plataforma do Tea Party (eram 18% no início do ano), mas, em eleições para senadores, o Tea Party revelou-se um fracasso. Dos seis candidatos apoiados pelas bases, só dois foram eleitos (Marco Rubio e Rand Paul), e estes são políticos aceitáveis para os republicanos moderados.

Os candidatos da franja radical foram derrotados. Christine O'Donnell (Delaware) e Sharron Angle (Nevada). Joe Miller (Alasca), apoiado pela ex-governadora Sarah Palin, derrotou nas primárias republicanas a senadora Lisa Murkowski, mas deverá ser derrotado pela mesma Murkowski, que concorreu ao seu lugar no senado como independente.

Há outros indícios que tornam difícil a leitura destas eleições: a revisão dos distritos não deu vantagens aos democratas; há questões sobre o voto étnico, que emigrou facilmente para os republicanos. E, embora poucos jovens tenham votado, ganharam os candidatos com mais fãs no Facebook. Em 98 eleições estudadas, 69 vitórias foram para os mais populares na rede social, apenas 24 para os que tinham menos fãs do que o adversário.

In DN

Question Exclamation Question Exclamation

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty E agora, Obama?

Mensagem por Joao Ruiz Qui Nov 04, 2010 4:43 am

.
E agora, Obama?

por LUÍS NAVES
Hoje

EUA - Página 2 Ng1365563

A Casa Branca enfrentará nos próximos dois anos um Congresso hostil, sendo forçada a negociar cada passo e a travar iniciativas que visam destruir as reformas já alcançadas. A economia deverá ser o principal campo de batalha: os republicanos que conquistaram a Câmara dos Representantes querem combater o défice e manter as isenções fiscais que Bush obteve em 2003 (criando o défice). Obama defende os estímulos à economia, para criar empregos. E o eleitorado desconfia

O Partido Republicano tenciona desafiar as políticas de Barack Obama na área económica, reivindicando o "mandato popular" das eleições intercalares que deram ao Grand Old Party (GOP) o controlo da Câmara dos Representantes, embora não do Senado. Horas depois do anúncio, o Presidente Obama reconheceu a "frustração dos eleitores" e apelou à "estabilidade".

Ainda não estão contados todos os círculos, mas os republicanos controlam 239 lugares na câmara baixa do Congresso (a maioria é de 218). A oscilação foi de 60, a maior desde 1948. No Senado, os democratas têm maioria, dispensando o veto presidencial. Mas serão os republicanos a ditar a agenda política, hostil a estímulos ao crescimento.

Mal foi conhecida a maré vermelha, os líderes republicanos definiram a prioridade do combate à despesa. O próximo presidente da Câmara dos Representantes, John Boehner, explicou que os americanos tinham enviado uma mensagem clara à Casa Branca: "Mude de rumo." Os republicanos foram sempre hostis aos pacotes de estímulo económico e à reforma da saúde.

Obama, por seu turno, reconheceu que os eleitores estão "frustrados", mas também defendeu as suas decisões: "Estabilizámos a economia e temos criação de emprego no sector privado. Mas os americanos não sentem os efeitos desse progresso." Questionado sobre um eventual ataque à reforma da saúde, Obama admitiu que haveria um "debate duro".

O primeiro confronto entre o novo Congresso e a Casa Branca deverá ser em torno das isenções fiscais decididas em 2003 por George W. Bush, no âmbito de um acordo que expira no final do ano. Os republicanos querem torná-los permanentes, os democratas pretendem mantê-los apenas para a classe média. Em causa, estão dois biliões de dólares (mais de 1,7 biliões de euros) em impostos, até 2020. É um quinto da actual dívida pública.

Mas a questão é mais complexa. Os republicanos contestam despesas governamentais que visam estimular o crescimento e afirmam que a dívida está a levar o país para o inferno. Mas também querem cortar o défice sem mais impostos. Obama diz que herdou o défice (está a reduzi-lo para metade) e concorda com as isenções de Bush, mas apenas nos rendimentos médios.

Para os democratas, o Senado será difícil de manter em 2012, pois nesse ano estarão em jogo 23 lugares democratas e apenas dez republicanos. Assim, mesmo que recupere a câmara e consiga a reeleição (Ronald Reagan e Bill Clinton sofreram pesadas derrotas intercalares e foram reeleitos), Barack Obama pode ter de lidar com um Congresso hostil num eventual segundo mandato.

A maior incógnita dos próximos dois anos estará na evolução do Tea Party, um movimento de protesto cuja mensagem não é clara. Uma sondagem sugeria que 40% dos votantes se identificavam com a plataforma do Tea Party (eram 18% no início do ano), mas, em eleições para senadores, o Tea Party revelou-se um fracasso. Dos seis candidatos apoiados pelas bases, só dois foram eleitos (Marco Rubio e Rand Paul), e estes são políticos aceitáveis para os republicanos moderados.

Os candidatos da franja radical foram derrotados. Christine O'Donnell (Delaware) e Sharron Angle (Nevada). Joe Miller (Alasca), apoiado pela ex-governadora Sarah Palin, derrotou nas primárias republicanas a senadora Lisa Murkowski, mas deverá ser derrotado pela mesma Murkowski, que concorreu ao seu lugar no senado como independente.

Há outros indícios que tornam difícil a leitura destas eleições: a revisão dos distritos não deu vantagens aos democratas; há questões sobre o voto étnico, que emigrou facilmente para os republicanos. E, embora poucos jovens tenham votado, ganharam os candidatos com mais fãs no Facebook. Em 98 eleições estudadas, 69 vitórias foram para os mais populares na rede social, apenas 24 para os que tinham menos fãs do que o adversário.

In DN

Question Exclamation Question Exclamation


Última edição por Joao Ruiz em Sab Nov 20, 2010 10:09 am, editado 1 vez(es)

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Re: EUA

Mensagem por Joao Ruiz Ter Nov 09, 2010 10:03 am

Interessante!

Tantas loas foram aqui tecidas a Obama, no tempo em que até um descabido prémio Nobel recebeu e agora que o homem entrou em desgraça, nem uma voz se ergue em seu favor...

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Hacker que acedeu a mail de Palin sob custódia federal

Mensagem por Joao Ruiz Sab Nov 13, 2010 3:54 pm

.
Hacker que acedeu a mail de Palin sob custódia federal

por lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1374727

O hacker que acedeu ao correio eletrónico da antiga candidata presidencial norte-americana Sarah Palin, durante a campanha eleitoral de 2008, terá de passar um ano e um dia sob custódia federal.

A decisão foi determinada na sexta feira, apesar de o juiz federal que conduziu o julgamento ter recomendado que a pena seja cumprida num centro de reinserção social. O juiz federal Thomas Phillips condenou David Kernell, um antigo estudante da Universidade do Tennessee, a três anos de liberdade condicional e determinou que se submeta a tratamento psicológico, de acordo com a imprensa local, uma vez que os documentos jurídicos indicam que o jovem sofre de depressão desde os 11 anos.

Kernell, que tinha 20 quando descobriu as senhas de segurança do correio eletrónico de Sarah Palin, em 2008, altura em que esta era governadora do Alasca e candidata republicana à vice-presidência dos Estados Unidos.

O jovem pediu desculpa no tribunal de Knoxville (Tenneessee) a Palin e à sua família por ter violado a sua privacidade e disse também que o erro que tinha cometido lhe vai pesar para o resto da vida.

O juiz rejeitou a recomendação do Ministério Público de condenar o jovem a 18 meses de prisão e propôs que cumpra a sua pena num centro de reinserção social. No entanto, a última palavra cabe à agência federal de prisões.

O advogado do pirata informático, Wade Davies, apelou à liberdade condicional, argumentando que o seu cliente usou informação que estava publicamente disponível para aceder à conta pessoal de e-mail de Palin e que se tratou de uma "travessura".

Kernell foi detido em 2008 e em Abril deste ano declarou-se culpado de duas acusações: ter acedido sem autorização a um computador protegido e ter destruído documentos para impedir a investigação federal.

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty A América foi "porto de abrigo" para cérebros nazis

Mensagem por Joao Ruiz Ter Nov 16, 2010 4:02 pm

.
A América foi "porto de abrigo" para cérebros nazis

por LUÍS MANUEL CABRAL
Hoje

Os serviços secretos norte-americanos ofereceram refúgio nos EUA a muitos dirigentes nazis e colaboradores do regime de Hitler, após a II Guerra Mundial.

O New York Times, que teve acesso a um documento com 600 páginas onde se afirma que o governo norte-americano "sabia muito mais do que se pensava sobre a história da colaboração norte-americana com os nazis após a Segunda Guerra Mundial", revela que a CIA usou antigos nazis para missões de espionagem efectuadas durante o pós guerra.

Um dos casos revelados no relatório é o do cientista Arthur Rudolph, que foi levado para os estados Unidos da América em 1945 e participou no programa espacial norte-americano, tendo trabalhado na construção de foguetões e sendo mesmo considerado pela NASA como o pai do Saturno V.

O documento agora revelado pelo New York Times, e que o Departamento norte-americano da Justiça tentou esconder desde 2006, prova que a CIA chegou a debater como deveriam proceder estes nazis caso fossem interrogados sobre o seu passado.

A história não é nova e há muito que se suspeitava que, após a Segunda Guerra Mundial, centenas de cientistas que tinham trabalhado com o regime nazi durante a guerra tinham sido levados para os EUA. Aliás, a caça aos "cérebros" nazis no final da guerra não foi só efectuada pelos norte-americanos, mas também pela ex-União Soviética e restantes países aliados.

A notícia agora revelada pelo New York Times vem dar razão a Jim Marrs, um repórter de investigação norte-americano, que já a tinha denunciado no seu livro "A ascensão do quarto Reich", publicado este ano em Portugal pela Lux-Citania.

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Sarah Palin admite concorrer às presidenciais de 2012

Mensagem por Joao Ruiz Qui Nov 18, 2010 5:47 am

.
Sarah Palin admite concorrer às presidenciais de 2012

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1379082

A ex-governadora do estado norte-americano do Alasca e ex-candidata republicana à vice-presidência, Sarah Palin, admite concorrer à presidência dos EUA em 2012, em entrevista concedida ao New York Times.

Palin assegura que mantém conversações "francas" sobre essa eventualidade com apoiantes e a sua família.

A possibilidade de uma candidatura presidencial desta figura destacada do movimento populista Tea Party é abordada na entrevista que será publicada na revista de domingo do diário nova-iorquino, mas da qual este já divulgou partes no seu site.

A notícia surge no dia em que os eleitores do Alasca reelegeram como senadora a republicana Lisa Murkowski, adversária de Sarah Palin, derrotando o candidato apoiado por esta, Joe Miller (veja artigo relacionado).

In DN

Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Barack Obama no "Caçadores de Mitos"

Mensagem por Joao Ruiz Qua Nov 24, 2010 6:56 am

.
Barack Obama no "Caçadores de Mitos"

por Dn.pt
Ontem

EUA - Página 2 Ng1384969

Quando a notícia surgiu houve quem não acreditasse, mas agora já há imagens do presidente norte-americano com os apresentadores do programa. Ele quer testar a lenda de Arquimedes.

A emissão só vai para o ar na televisão norte-americana a 8 de Dezembro, mas o canal fez questão de divulgar a presença de Barack Obama no programa "Caçadores de Mitos".

Nas imagens promocionais vê-se o presidente a falar com os apresentadores, Jamie Hyneman and Adam Savage, e a desafiá-los a esmiuçar a lenda de Arquimedes, que se crê ter incendiado a frota dos invasores romanos com recurso a espelhos que reflectiram os raios solares.

Veja o vídeo:


In DN

Embarassed Rolling Eyes Laughing

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty O dia de perdoar (alguns) perus

Mensagem por Joao Ruiz Qua Nov 24, 2010 7:00 am

.
O dia de perdoar (alguns) perus

Hoje

EUA - Página 2 Ng1385637

O Dia de Acção de Graças calha sempre na quarta quinta-feira de Novembro (este ano, a 25 de Novembro) e é uma tradição que os americanos dizem remontar a 1621, quando os colonos de Plymouth, no Massachusetts, se reuniram numa ceia de agradecimento a Deus pelos bons frutos da colheita.

Com o passar dos séculos, o "Thanksgiving" tornou-se parte do imaginário popular dos Estados Unidos e uma festa familiar só comparável mesmo ao Natal. O peru é o prato principal do jantar festivo, mas desde 1947 existe a tradição de o Presidente americano perdoar do abate um animal.

O precursor foi Harry Truman, mas nenhum sucessor seu falhou o acto de clemência: no ano passado, com a ajuda das duas filhas, Barack Obama perdoou "Coragem", que em vez de acabar à mesa na Casa Branca teve direito a uma reforma dourada na Disneylândia da Florida.

Este ano, porém, o peru sortudo deverá ir parar a Mount Vernon, monumento nacional que foi a residência de George Washington, o primeiro Presidente dos Estados Unidos. Sempre fica mais perto da Casa Branca, se as filhas de Obama, Malia e Sasha, o quiserem visitar.

In DN

Embarassed Laughing

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty EUA avisam que é um risco publicar documentos secretos

Mensagem por Joao Ruiz Dom Nov 28, 2010 8:54 am

.
EUA avisam que é um risco publicar documentos secretos

Hoje

A administração Obama advertiu o site WikiLeaks que o lançamento iminente de documentos classificados do Departamento de Estado norte-americano vai colocar inúmeras vidas em risco, ameaçar operações de contra-terrorismo e prejudicar as relações dos Estados Unidos com os seus aliados.

Numa posição pública invulgar, reflectindo sérias preocupações do Governo sobre as ramificações do movimento, o Departamento de Estado publicou no sábado uma carta do seu advogado ao fundador WikiLeaks, Julian Assange, dizendo que a publicação dos documentos seria ilegal e exigindo que suspenda a medida.

Na carta, o assessor jurídico do Departamento de Estado Harold Koh, disse que a publicação de cerca de 250 mil telegramas secretos pela WikiLeaks vai colocar em risco a vida de inúmeras pessoas inocentes, operações militares em curso e a cooperação entre os países.

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Palin publica lista de gafes de Obama

Mensagem por Joao Ruiz Seg Nov 29, 2010 6:18 am

.
Palin publica lista de gafes de Obama

Hoje

A ex-candidata à vice-presidência do s EUA, Sarah Palin, publicou na sua página do Facebook uma lista de gafes do Presidente norte-americano Barack Obama para se defender das críticas recebidas por se referir à Coreia do Norte como "aliado".

Palin publica a referência de Obama aos 57 estados americanos e a classificação da Europa como "país", e lamenta esta atitude mediática.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Professor e alunos reféns foram libertados são e salvos

Mensagem por Joao Ruiz Ter Nov 30, 2010 9:16 am

.
Professor e alunos reféns foram libertados são e salvos

por Lusa
Hoje

Um professor e 20 alunos ontem feitos reféns por um outro aluno armado com um revólver numa sala de um liceu do Wisconsin, no norte dos EUA, foram libertados sãos e salvos, disse fonte oficial.

"O incidente foi resolvido", declarou Eric Burmeister, director para as situações de urgência da pequena cidade de Marinette. "Todos os 20 alunos foram libertados sãos e salvos. Estão agora com as suas famílias", acrescentou.

Durante o sequestro, que durou várias horas, a polícia chegou a anunciar que um professor e 23 alunos tinham sido tomados como reféns. Eric Burmeister não confirmou se o sequestrador, um aluno armado com um revólver, foi detido.

In DN

Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Semáforo com gesto obsceno gera polémica

Mensagem por Joao Ruiz Ter Dez 07, 2010 11:39 am

.
Semáforo com gesto obsceno gera polémica

por dn.pt
Hoje

EUA - Página 2 Ng1397131

Os responsáveis locais dizem que a culpa é das temperaturas baixas.

Um sinal para peões está a criar uma enorme polémica em Spokane, no estado de Washington (Estados Unidos), por mostrar o dedo médio em riste. O facto insólito tem sido motivo de várias reportagens de televisão, inclusivamente na CNN.

Os responsáveis locais garantem que não se trata de qualquer brincadeira ou acto de vandalismo, justificando o facto com as baixas temperaturas registadas na cidade que terão afectado o semáforo.

Clique aqui para ver a reportagem da CNN.

http://dn.sapo.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=1729172&seccao=EUA e Am%E9ricas

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty 'Reality show' num bordel é o último grito da televisão

Mensagem por Joao Ruiz Ter Dez 21, 2010 9:31 am

.
'Reality show' num bordel é o último grito da televisão

por IRINA FERNANDES
Hoje

EUA - Página 2 Ng1409485

HBO. Sob o comando de uma 'madame' e a avaliação de um júri, concorrentes "sobrevivem" ao dia-a-dia numa casa de prostitutas. Seduzir e vender o corpo é o passaporte para a vitória.

Fechadas num bordel, com pouca ou muita roupa no corpo, elas estão confinadas a uma só missão: trabalhar como prostitutas. Este é o desafio maior proposto às concorrentes de Cathouse: Catcall [O Rancho das Coelhinhas], um polémico reality show em exibição nos Estados Unidos da América, no canal televisivo HBO.

À frente das câmaras de televisão, sete raparigas dão a cara no formato de teor sexual e, sem preconceitos ou complexos, fazem do próprio corpo o maior "trunfo" para brilhar em jogo.

Captar a atenção de clientes, seduzi-los,brilhar numa table dance e até conseguir ganhar "bom dinheiro" com uma noite a dois num dos quartos são apenas algumas das tarefas propostas às concorrentes do polémico concurso.

Numa lógica de competição idêntica ao reality show Survivor, as concorrentes são submetidas a enfrentar uma espécie de "campo de batalha": ultrapassam provas, cumprem jogos de sedução, entre outros desafios. Têm em mãos - ditam as regras do concurso -, o dever de servir o melhor possível aquela que é a mais velha profissão do mundo.

Instaladas no bordel Moonlight Bunny Ranch - um rancho localizado em Nevada, EUA, a funcionar legalmente e aberto desde 1955 -, algumas das sete jovens vão envolver-se com clientes e ter relações sexuais.

Tudo é possível neste novo Big Brother erótico. Por exemplo, Amy, uma das concorrentes que aceitou participar no concurso do canal HBO, é uma das raparigas que partilha uma experiência sexual com gémeos. "A minha Amy vai estar com dois irmãos que são gémeos e têm 22 anos. Ela vai tirar--lhes a virgindade", adiantou Dennis Hof, proprietário e responsável pela casa de prostitutas, em declarações a uma jornalista norte- -americana, durante uma festa da Playboy.

Jurado em Cathouse: Catcall e um dos rostos que vai avaliar a evolução e a prestação das concorrentes, Dennis Hof assegura que este é um programa de sucesso e com imagens "surpreendentes". "Nesta nova edição, vamos ter muitas raparigas loiras. Adoro as minhas loiras e elas gostam de sexo. Aliás, elas adoram sexo!", sublinhou ainda o responsável.

No papel de "recrutas" e aspirantes a futuras trabalhadoras no bordel, as sete participantes vão enfrentar ainda as ordens de Suzette, a madame do bordel. É a ela que vão, em primeiro lugar, ter de agradar.

Num dos vídeos de promoção do reality show, Suzette surge a encarnar o papel de treinadora de futebol. De apito na boca, apressa as jovens, que aparecem vestidas apenas com uma reduzida T-shirt e uma tanga, a alinharem-se como se estivessem ao serviço de um exército. Empenhada em não chegar atrasada, uma das concorrentes tropeça e cai num dos corredores. Ergue-se de imediato e coloca--se em posição. A recompensa que recebe é ouvir a madame Suzette ridicularizar os seus seios.

Com uma tónica em imagens de teor sexual e apostando em polémicas, o canal televisivo HBO, segundo escreve o jornal gratuito espanhol 20 Minutos, está seguro de que Cathouse: Catcall atrai audiências

In DN

Embarassed Laughing

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Hillary Clinton é a mulher mais admirada nos EUA

Mensagem por Joao Ruiz Ter Dez 28, 2010 6:57 am

.
Hillary Clinton é a mulher mais admirada nos EUA

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1414180

O inquérito anual USA Today-Gallup, hoje divulgado, conclui que a secretária de Estado Hillary Clinton é a mulher mais admirada nos Estados Unidos, pelo nono ano consecutivo.

Hillary Clinton está à frente da antiga governadora do Alasca Sarah Palin e da apresentadora de televisão Oprah Winfrey, tal como no ano passado. No inquérito, é pedido aos inquiridos para dizerem o nome do homem e da mulher, em qualquer parte do mundo, que mais admiram.

O presidente norte-americano, Barack Obama, tem sido o homem mais admirado, de acordo com este inquérito, desde a sua eleição, em 2008. Este ano, logo depois de Obama estão os antigos presidentes dos Estados Unidos George W. Bush e Bill Clinton.

Desde 1992, Hillary Clinton foi a mulher mais admirada em 15 dos anos avaliados.

In DN

EUA - Página 2 Sobstory

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty À política ou ao cinema, Schwarzenegger voltará

Mensagem por Joao Ruiz Ter Jan 04, 2011 9:53 am

.
À política ou ao cinema, Schwarzenegger voltará

por PATRÍCIA VIEGAS
Hoje

EUA - Página 2 Ng1418074

O actor, de 63 anos, deixou ontem o cargo de governador do estado da Califórnia.

No Exterminador Implacável a personagem interpretada por Arnold Schwarzenegger prometia sempre que iria voltar. Na vida real isso também deverá acontecer e, depois de o popular actor ter ontem deixado o cargo de governador do estado da Califórnia, passando testemunho ao veterano democrata Jerry Brown, já se fazem apostas sobre o seu futuro.

Vai escrever as suas memórias e ganhar dinheiro em conferências (como fez Tony Blair)? Tentar conquistar um lugar no Congresso americano ou integrar a Administração de Barack Obama (apesar de há sete anos ter chegado ao poder com apoio dos republicanos)? Voltar como protagonista de uma grande produção de Hollywood (nos últimos tempos fez apenas pequenas aparições em filmes como Os Mercenários)? Tentar mudar a Constituição dos EUA para ser candidato à Casa Branca nas presidenciais de 2012 (o facto de ter origem austríaca impede-o de o fazer actualmente)?

A sua saída de cena não deve ser por isso vista como um adeus, mas sim como um até já. Schwarzenegger, de 63 anos, dirigiu-se pela última vez aos californianos na habitual mensagem de sábado e escreveu na sua página do Twitter: "Agradeço a honra que me deram de ser o vosso governador." Arnie, como também é conhecido o actor que, em 1968, desembarcou nos Estados Unidos com apenas alguns troféus na área do culturismo no currículo, sabe, porém, que o balanço dos seus sete anos no poder é algo mitigado.

Oitava economia do mundo, a Califórnia enfrenta actualmente uma grave crise económica e sérias dificuldades financeiras. 12,4% é a taxa de desemprego do mais populoso estado dos EUA, com 37,2 milhões de habitantes, segundo o último Censo. 25,4 mil milhões de dólares é o défice orçamental estimado da Califórnia. Schwarzenegger admitiu que errou ao deixar continuar a sangria do crédito para assim poupar os contribuintes a mais impostos. "Aquilo foi um erro. Eu devia ter ido noutra direcção para resolver o problema do orçamento e usado o músculo político que tinha no meu primeiro ano no cargo", admitiu numa entrevista recente ao Los Angeles Times - referindo-se ao apoio que deu à iniciativa de pedir mais 15 mil milhões de dólares emprestados para equilibrar o orçamento em Março de 2004.

Tinham passado apenas cinco meses desde que chegara ao poder ao vencer umas eleições provocadas pela cassação do mandato de Gray Davis. Este democrata, que governava o estado da Califórnia desde Janeiro de 1999, foi alvo daquilo a que nos EUA se chama uma recall election - procedimento através do qual os eleitores chamam de volta para reavaliação um político que elegeram e podem removê-lo do poder pela via do voto directo. Isto depois de terem sido conseguidas as assinaturas suficientes para desencadear este processo. Davis foi o primeiro governador a ser alvo deste procedimento na Califórnia e o segundo na história dos EUA (o primeiro foi Lynn Frazier no estado do Dacota do Norte em 1921).

Alguns media referem que o protagonista de O Exterminador pode, por isso, alegar que a situação catastrófica da Califórnia foi a herança que recebeu em 2003. A gozar de uma popularidade de 22% na hora da despedida, Schwarzenegger tem a seu favor a lei de combate às alterações climáticas que fez aprovar, propondo a redução de gases com efeito de estufa em 25% até 2025. Mas nem aí consegue escapar às críticas, pois ele, a mulher Maria Shriver (que pertence à família dos Kennedy) e os quatro filhos nunca se mudaram para Sacramento, o que obrigava o governador a fazer deslocações em jactos privados entre a capital da Califórnia e Los Angeles.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Congressista Gabrielle Giffords atingida num tiroteio

Mensagem por Joao Ruiz Sab Jan 08, 2011 4:40 pm

.
Congressista Gabrielle Giffords atingida num tiroteio

por LusaHoje

(ACTUALIZADA) A congressista democrata norte-americana Gabrielle Giffords, do estado do Arizona, foi este sábado atingida num tiroteio registado em Tucson, num evento público. Seis pessoas morreram e 12 ficaram feridas.

De acordo com o jornal New York Times, a congressista foi alvejada na cabeça por um indivíduo de 22 anos - entretanto detido - que abriu fogo num evento público junto a um supermercado em Tucson, no estado do Arizona.

No tiroteio morreram seis pessoas, entre elas um assistente da congressista, uma criança de nove anos e um juiz federal.

A congressista Gabrielle Giffords, de 40 anos, foi atingida na cabeça e transportada para uma unidade hospitalar em Tucson, onde foi submetida a uma operação cirúrgica. Está em estado crítico, mas os médicos referiram estar optimistas quanto à recuperação, escreve o New York Times na edição online.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou hoje que o ataque foi uma "tragédia inqualificável" e um acto de violência "terrível e insensível que não pode ter lugar numa sociedade livre".

O ataque aconteceu numa ação pública de Gabrielle Giffords em Tucson, a primeira desde que foi reeleita em novembro passado para o seu terceiro mandato.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Congressista atingida em tiroteio

Mensagem por Joao Ruiz Dom Jan 09, 2011 4:42 am

.
Congressista atingida em tiroteio

por SUSANA SALVADOR
Hoje

EUA - Página 2 Ng1422466

Ataque em mercearia de Tucson, onde a democrata estava em acção política, fez seis mortos e 12 feridos.

Gabrielle Giffords falava com um casal numa acção política num supermercado de Tucson quando um homem se aproximou e abriu fogo indiscriminadamente. A congressista democrata do Arizona, de 40 anos, foi atingida por uma bala na cabeça, sendo uma das 18 vítimas. Seis pessoas morreram e as outras encontram-se em estado crítico ou gravemente feridas, incluindo Giffords, que foi operada. Os médicos estavam ontem à noite "optimistas dentro do possível nesta situação quanto a uma recuperação". O atirador foi preso.

Entre os feridos estão vários assessores e colaboradores da congressista. Um dos mortos é o juiz federal do estado do Arizona, segundo a NBC. Giffords participava numa acção política na mercearia Safeway de Tucson quando foi atingida. Ao Centro Médico Universitário desta cidade do Arizona chegaram dez vítimas, tendo uma delas morrido. Segundo os médicos, uma das vítimas mortais é uma criança de nove anos.

O suspeito tem 22 anos e chama-se Jared Lee Loughner, supostamente um veterano de guerra. A ABC News referia que o Jared tinha feito vídeos para o Youtube, onde se manifestava descontente com o Governo. As causas do tiroteio ainda não são conhecidas, mas esta pode ser a primeira vez na história dos EUA que uma mulher congressista é alvo de uma tentativa de assassinato.

Segundo a imprensa local, Giffords foi uma das três democratas que denunciou um caso de vandalismo no seu escritório, depois da aprovação, em Março, da polémica reforma da saúde defendida pelo Presidente. Barack Obama disse ontem que o tiroteio é "uma tragédia indescritível". Em comunicado, indicou que não havia respostas para o caso: "O que sabemos é que um acto de violência tão terrível e sem sentido não tem lugar numa sociedade livre."

Giffords é casada com o astronauta Mark Kelly (que tem dois filhos de outro casamento) e foi eleita pela primeira vez para a Câmara dos Representantes em 2006. Desde então, liderou o Comité para o Espaço e Aeronáutica, além de ter também assento nos comités das Forças Armadas e no da Ciência e Tecnologia. A congressista democrata conquistou em Novembro o seu terceiro mandato, vencendo à justa o republicano Jesse Kelly, apoiado pelo Tea Party.

In DN

Embarassed Rolling Eyes


_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Proposta contra reforma da saúde sem discursos violentos

Mensagem por Joao Ruiz Qua Jan 19, 2011 5:57 am

.
Proposta contra reforma da saúde sem discursos violentospor DN.pt

O Congresso norte-americano voltou ontem aos trabalhos oficiais pela primeira desde que um tiroteio durante um acto público de uma congressista levou à morte de seis pessoas e ferimentos em 14. O debate centrou-se na proposta para rebater a reforma da saúde, mas, ao contrário do que acontecera no passado recente, os discursos violentos e apocalípticos não marcaram presença.

O tiroteio que quase matou a congressista democrata Gabrielle Giffords em Tucson provocou uma reviravolta política nos EUA. Arizona é um dos estados onde as tensões eram mais evidentes e onde já se tinham registado incidentes de teor político. Durante os últimos anos, a política foi marcada por palavras violentas e analogias bélicas.

Os discursos mais acérrimos tiveram como alvo a reforma do sistema de saúde implementada por Obama. Com a vitória do Partido Conservador nas eleições para o Congresso, o Tea Party ameaçou desmantelar a reforma Obama peça por peça. Mas as visões mais apocalípticas que já tinham marcado as palavras da oposição quando a lei de Obama foi aprovada não se repetiram agora que o Congresso debate propostas dos conservadores para alterar a legislação.

Segundo o The Washington Post, o ambiente no Congresso foi de tal forma civilizado que um congressista republicado, o californiano Ken Calvert, chegou a afirmar que a reforma de Obama tem falhas, mas é "bem intencionada".

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Explosão de gás causa um morto e cinco feridos

Mensagem por Joao Ruiz Qua Jan 19, 2011 9:23 am

.
Explosão de gás causa um morto e cinco feridos

por DN.pt
Hoje

EUA - Página 2 Ng1431134

O momento foi captado pelas televisões numa altura em que os bombeiros tentavam reparar uma fuga. Veja aqui o vídeo.

Um explosão de gás em Filadélfia, nos Estados Unidos, causou esta madrugada a morte a uma pessoa e fez cinco feridos.

O momento da explosão foi captado pelas televisões, numa altura em que os bombeiros e empregados da companhia tentavam reparar uma fuga que tinha detectada num bairro residencial da cidade norte-americana.

Os bombeiros, que tinham chegado ao local 15 minutos antes da explosão ,alertados por habitantes que se queixavam do forte cheiro a gás, conseguiram mesmo assim evacuar centenas de pessoas.

Veja aqui o vídeo do momento da explosão:


In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Alegado autor de tiroteio de Tucson declara-se inocente

Mensagem por Joao Ruiz Ter Jan 25, 2011 10:32 am

.
Alegado autor de tiroteio de Tucson declara-se inocente

por DN.pt
Hoje

EUA - Página 2 Ng1435693

O presumível autor do tiroteio de Tucson, no qual seis pessoas foram mortas e 14 ficaram feridas, declarou-se segunda-feira "inocente" no âmbito de três acusações por tentativa de homicídio, anunciou o seu advogado.

Na semana passada, Jared Loughner foi acusado de três crimes por um júri popular, entre os quais o de tentativa de homicídio de uma deputada.

Sentado no banco dos réus, vestido com o uniforme cor de laranja dos prisioneiros, Jared Lee Loughner declarou-se, através do seu advogado, inocente da tentativa de homicídio da deputada Gabrielle Giffords e de dois dos seus colaboradores.

Sentado no banco dos réus, vestido com o uniforme cor de laranja dos prisioneiros, Jared Lee Loughner declarou-se, através do seu advogado, inocente da tentativa de homicídio da deputada Gabrielle Giffords e de dois dos seus colaboradores.

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty 32 anos de prisão por venda de informações militares

Mensagem por Joao Ruiz Ter Jan 25, 2011 10:37 am

.
32 anos de prisão por venda de informações militares

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1435745

Um antigo engenheiro norte-americano, que trabalhou no programa do bombardeiro furtivo B-2, foi condenado a 32 anos de prisão por um tribunal do Havai por ter vendido informações sobre tecnologias militares à China, revelou segunda-feira a imprensa.

Noshir Gowadia, 66 anos, foi declarado culpado, em Agosto, de ter vendido à China informações muito sensíveis sobre a construção de mísseis de cruzeiro.

"Estamos um pouco desiludidos pelo facto (do juiz) não o ter condenado a prisão perpétua", comentou o procurador do ministério público, Ken Sorenson, em declarações à KHON2, após o anúncio do veredicto. Segundo os meios de comunicação social, o filho do engenheiro, que clama a sua inocência, anunciou a intenção de recorrer da decisão. Noshir Gowadia foi detido em Outubro de 2005.

De acordo com a acusação, Noshir Gowadia deslocou-se várias vezes à China, entre 2003 e 2005, para comunicar informações que serviram para a criação do programa chinês de mísseis de cruzeiro.

Engenheiro no Northrop Grumman durante quase vinte anos, entre 1968 e 1986, Gowadia trabalhou no programa do bombardeiro B-2 e continuou posteriormente a trabalhar em programas militares, contratado pelo governo norte-americano.

In DN

Embarassed

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Michelle Obama proíbe filhas de ter Facebook

Mensagem por Joao Ruiz Qua Fev 09, 2011 10:54 am

.
Michelle Obama proíbe filhas de ter Facebook

por DN.pt
Hoje

EUA - Página 2 Ng1448774

(COM VÍDEO). A primeira dama dos Estados Unidos acha que Malia (12 anos) e Sasha (nove) ainda são demasiado pequenas para acederem às redes sociais.

Veja aqui o vídeo da entrevista:


Michelle Obama, primeira dama dos Estados Unidos, revelou num programa da cadeia de televisão norte-americana NBC que não deixa as duas filhas - Malia, de 12 anos, e Sasha, de nove - terem Facebook.

"Não concordo muito com a ideia de crianças pequenas terem Facebook. Não é algo que precisem. Não é necessário", referiu a mulher de Barack Obama no programa "Today Show".

Michelle adiantou ainda que as apertadas regras em relação à utilização da Internet são o lado positivo da forte segurança que rodeia a família presidencial: "Acho que somos sortudos por termos tantas restrições".

Questionada sobre quando daria autorização às filhas para acederem às redes sociais, a primeira dama dos Estados Unidos foi peremptória: "Depende de quando vamos deixar a Casa Branca e dos anos que elas terão".

In DN

Embarassed Rolling Eyes

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Congressista demite-se por fotos em tronco nu

Mensagem por Joao Ruiz Qui Fev 10, 2011 6:49 am

.
Congressista demite-se por fotos em tronco nu

por Lusa
Hoje

EUA - Página 2 Ng1449457

Christopher Lee apresentou quarta-feira a demissão da Câmara dos Representantes depois de terem sido tornadas públicas fotos suas em tronco nu num portal da Internet de contactos para procurar parceiros.

"Lamento o dano causado à minha família, à minha equipa e aos eleitores que me escolheram. Peço profundas e sinceras desculpas a todos eles. Cometi erros graves e prometo trabalhar o mais duro possível para conseguir o perdão deles", afirmou Christopher Lee no comunicado da sua renuncia.

Christopher Lee, casado e com um filho, é membro da Câmara dos Representantes do Estado de Nova Iorque desde 2008 e foi reeleito no escrutínio de 2010.

"Os desafios que enfrenta Nova Iorque e o país são demasiado sérios para que permita que esta distracção continue, pelo que anunciou que me demito do Congresso com efeitos imediatos", acrescentou.

A demissão do congressista republicano, de 39 anos, aconteceu poucas horas depois de uma página na Internet ter publicado as fotografias de Christopher Lee sem camisa e as mensagens colocadas numa popular página de contactos norte-americana.

"Um homem em forma, divertido e com classe. Vivo na área de Capitol Hill. 183 centímetros e 86 quilos. Loiro/olhos azuis", era o texto que acompanhava as fotografias do congressista colocadas na secção de "mulheres procurando homens".

In DN

Laughing

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

EUA - Página 2 Empty Re: EUA

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos