Gazprom oferece-se para resgatar Chipre

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Gazprom oferece-se para resgatar Chipre

Mensagem por Vitor mango em Ter Mar 19, 2013 1:57 am

Gazprom oferece-se para resgatar Chipre


Face à decisão de confisco tomada
pelo Eurogrupo, a gigante russa propôs à presidência cipriota uma
alternativa a troco dos direitos de exploração das reservas de gás
natural na zona económica exclusiva da ilha.






Jorge Nascimento Rodrigues
10:56 Segunda feira, 18 de março de 2013















Getty














34
1565


2










45











TEXTO
A
A



Imprimir
Enviar











A Gazprom, o gigante russo do sector
energético mundial, propôs a Nicos Anastasiades, Presidente cipriota, um
plano de resgate, assumindo a reestruturação do sector bancário local,
em troca dos direitos de exploração das reservas de gás natural offshore na zona económica exclusiva de Chipre.

A proposta foi apresentada ontem à noite, segundo a
Sigma TV, depois da indignação generalizada em Chipre com a decisão da
reunião do Eurogrupo (grupo dos 17 ministros das Finanças da zona euro)
que terminou na madrugada de sábado e do próprio Presidente cipriota e
do porta-voz do governo terem declarado que o país foi encostado à
parede sobretudo pelo ministro das Finanças alemão Wolfgang Schaueble,
pela diretora-geral do Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde,
e pelo Banco Central Europeu.

A par da atividade bancária, sendo uma plataforma
financeira no Mediterrâneo Oriental, da localização estratégica dos seus
portos e do turismo, Chipre dispõe de reservas de gás natural na zona
económica exclusiva.

Recorde-se que o "Chipre possui metade das potenciais
reservas de gás natural da bacia do Levante
(Chipre-Israel-Líbano-Egito). Segundo a

US Geological Survey , do total de 120 triliões de pés cúbicos (tcf)
daquela fonte energética existente no mediterrâneo oriental, cerca de
60 tcf localizam-se no off-shore cipriota", refere Ruben Eiras no blogue

Geoenergia.

Anastasiades terá recusado


Fonte da presidência cipriota disse, no entanto, à
Newsit, que Anastasiades pretende uma solução europeia e que teria
rejeitado a proposta russa. Na sequência da rejeição, Anatoly Aksakov,
presidente da Associação de Bancos Regionais da Rússia e membro do Banco
Central Russo incentivou os depositantes russos nos bancos cipriotas a
retirarem o seu dinheiro.

Os depósitos de não residentes de origem russa no
sistema bancário cipriota totalizam 20 mil milhões de euros num total de
69,4 mil milhões. Chipre é, ainda, um local de investimento imobiliário
por parte de russos, a tal ponto que a cidade turística de Limassol é
hoje em dia cognominada de Limassolgrado.

No entanto, o ministro das Finanças russo declarou que o
país mantém a disposição de alterar o perfil, em termos de juros e
maturidades, do empréstimo de 2,5 mil milhões de euros que concedeu ao
anterior governo cipriota há dois anos. Segundo a Reuters, os russos
aceitarão estender por mais cinco anos o vencimento do empréstimo e
descer os juros que estão, atualmente, em 4,5%.

O Parlamento cipriota decidiu cancelar a sessão de
hoje para discussão e votação do plano de resgate do Eurogrupo. A sessão
deverá realizar-se amanhã. Entretanto, os bancos cipriotas estarão
fechados toda a semana, numa decisão inédita na zona euro.

Ler mais: http://expresso.sapo.pt/gazprom-oferece-se-para-resgatar-chipre=f794344#ixzz2NyDyRzcw

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ

Vitor mango

Pontos : 106519

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum