Stress dos Sobreiros

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Stress dos Sobreiros

Mensagem por Vitor mango em Qui Maio 02, 2013 11:15 am

Stress dos Sobreiros

Não vou falar de golf e muito menos de política mas
sim de doenças de arvores e de ecologia como tenho
feito nestas paginas ás terças feiras
Há uns anos , os media alertaram que os sobreiros
estavam a morrer no Alentejo atacados por uma doença
desconhecida e o facto teve um impacto tal que
mandaram vir dos Estados Unidos um dos maiores
especialistas da matéria
Na altura trabalhava numa multinacional com interesses
na área de florestação em Toda a Ásia América do Sul e
até Austrália. Fiquei foi admirado de receber uma
carta do especialista americano a quem uma organização
ligada aos Sobreiros pediu ajuda.
O técnico de uma dos mais altos laboratórios de
patologia florestal informava-me que gostaria de
falar comigo antes de se enterrar no assunto
E veio ! Recebi-o em Coimbra com as pompas e
circunstancias devidas a quais e entre as conversas
se juntou a UC com conversas agradáveis falamos das
recordações dos sítios aonde tínhamos andado ,com
destaque para a China
A doença descoberta nos sobreiros tinha já um nome “
Phytophthora cinnamomi “ ( o leitor na se assuste)
todas as doenças têem um nome latino .
Se em vez de Stress lhe quiser chamar declínio acho
que o nome até fica melhor ,
Vamos começar pelo principio. O sobreiro era designado
pelos romanos como SUBER e foi essa a denominação em
latim que ficou
Voltamos de novo ao especialista americano para o
leitor perceber o que ele poderia fazer em relação ao
que os técnicos portugueses não conseguissem .
Grande parte das doenças não são doenças mas sim
causas de alterações que afectaram o crescimento da
arvore.
Essas causas podem
ficar-se a dever a secas ,

problemas com nutrição competição entre arvores ,
qualidade das sementes ou das plantas desde o inicio
ou cuidados ou falta deles que tenham tido ao longo
da vida , para já não falarmos em doenças propriamente
ditas e insectos .
Na altura tinha já feito o meu diagnostico com outros
colegas e foi aí que tive uma longa conversa sobre o
que achei que
estava o mal

Saído de uma revolução alguém politicamente forte
achou que o Alentejo deveria ser o celeiro de Portugal
e se deitou a semear trigo por todo o lado para
apresentar isso como uma bandeira de triunfo
Tractores romperam tudo o que era terreno e
espalhadores de adubo toda de espalhou-se adubos para
o trigo vir forte e carregado de espigas
Só que o tiro lhes saiu pela culatra !
Ao lavrarem a terra cortaram as raízes dos sobreiros
que ficaram com feridas abertas , depois a
incorporação de azotados provocou a morte das
micorrizas ( leiam-se cogumelos para simplificar ) e
sem micorrizas as plantas não absorvem os minerais e
enfraquecem . Sem micorrizantes e fungos de protecção
radicular o terreno entra em total desequilíbrio e a
desarmonia ecológico a
partir daí instala-se


4500 anos antes de JC quando se iniciaram as primeiras
vinhas , o corte de sobreiros era visto como pratico
para dar lugar a uma cultura rentável
O Montado só aparece em termos práticos durante o
período romano , visigodo , árabe da idade media até
aos nossos dias pelo que se reconheceu um valor
enorme na protecção destas arvores
Eu ainda me lembro que nas finanças se tinha de fazer
uma declaração do numero de oliveiras e o corte de uma
Oliveira dava prisão . Com novas técnicas de cultura
as coisas mudaram
Os sobreiros tiveram pior SORTE dado que o Alentejo
tem uma tremenda procura para o Turismo pelos
estrangeiros .
AS vastas áreas despovoadas, o silencio e a ausência
de poluição são hoje na Europa
de um valor

incalculável que levam naturalmente a acções menos
dignas para acabar com as arvores sejam elas
sobreiros ou outras
Fala-se por aí que os Japoneses se prontificavam para
“ comprar “ todo o Alentejo para pôr cá todos os seus
reformados
Vejo o sorriso incrédulo do leitor a pensar que eu
exagero .
SE ainda
se lembra do Algarve de há 30 ,40 anos veja

como uma planificação mal executada destruiu o nosso
futuro do TURISMO algarvio de qualidade .
O escândalo que envolveu ministros nada teve a ver
com sobreiros mas com um plano imparavel para destruir
todo o Alentejo .
Há muito " bago"metido no assunto capaz de dar a volta
a um nosso representante com uns papeis em cima da
mesa
Bago não de videiras , porque essa produção está
controlada , BAGO ,que há pouco tempo a gente chamava
contos – só que agora são do vigário !

_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 108123

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Stress dos Sobreiros

Mensagem por Vitor mango em Qui Maio 02, 2013 11:18 am


_________________
Só discuto o que nao sei ...O ke sei ensino ...POIZ
avatar
Vitor mango

Pontos : 108123

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum