Vagueando na Notícia


Participe do fórum, é rápido e fácil

Vagueando na Notícia
Vagueando na Notícia
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Ruanda

Ir para baixo

Ruanda Empty Ruanda

Mensagem por Joao Ruiz Seg Ago 09, 2010 5:48 am

.
Kagamé favorito às presidenciais

Hoje

Paul Kagamé parte como favorito para as eleições presidenciais de hoje no Ruanda, na ausência de uma verdadeira oposição.

A Comissão Eleitoral do país indicou ontem que está tudo a postos para a votação. 5,2 milhões de eleitores são chamados a ir às urnas para escolher um dos quatro candidatos, entre os quais o chefe do Estado cessante.

Kagamé foi eleito em 2003, com 95% dos sufrágios expressos. Agora quer novo mandato de sete anos.

In DN

Ruanda Notsure

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

Ruanda Empty Prisão perpétua para primeira mulher culpada de genocídio

Mensagem por Joao Ruiz Sex Jun 24, 2011 8:29 am

.
Prisão perpétua para primeira mulher culpada de genocídio

por Lusa
Hoje

Ruanda Ng1560697

O Tribunal Penal Internacional para o Ruanda (TPIR) condenou hoje, em Arusha, a prisão perpétua a ex-ministra ruandesa Pauline Nyiramasuhuko, a primeira mulher que um tribunal reconheceu ser culpada de genocídio.

O TPIR condenou também a prisão perpétua o filho de Nyiramasuhuko, Arsene Shalom Ntahobali.

A antiga ministra da Família e o filho eram os principais acusados de um grupo de seis pessoas, julgadas por crimes de genocídio e crimes contra a humanidade pelo papel no assassínio dos tutsi em Butare (sul do Ruanda).

Os assassinos do Ruanda

ATENÇÃO: Este vídeo não é aconselhado a menores e pessoas sensíveis



O antigo prefeito de Butare Sylvain Nsabimana foi condenado a 25 anos de prisão e o seu sucessor no cargo Alphonse Nteziryayo a 30 anos. Dois antigos presidentes de câmaras da região Joseph Kanyabashi e Elie Ndayambaje foram condenados, respetivamente, a 35 anos de prisão e a prisão perpétua.

Pauline Nyiramasuhuko, de 65 anos, foi a primeira mulher julgada por estas acusações por um tribunal internacional. Outras mulheres foram já condenadas pela participação no genocídio de 1994 mas por tribunais ruandesas.

O TPIR tem por missão julgar os principais instigadores do genocídio dos tutsi no Ruanda em 1994 pelo regime extremista hutu, então no poder, causou, de acordo com a ONU, cerca de 800.000 mortos.

Nyiramasuhuko foi reconhecida culpada em sete das 11 acusações apresentadas, nomeadamente a de genocídio, conspiração para cometer genocídio, exterminação considerada como um crime contra a humanidade e violação considerada como um crime contra a humanidade, precisou o juiz William Hussein Sekule, presidente de uma das câmaras de primeira instância do TPIR.

Sem a participação de Pauline Nyiramasuhuko e dos outros réus, «o genocídio não teria sido possível em Butare», declarou a procuradora Holo Makwaia, na abertura do processo a 20 de abril de 2009.

«Em vez de proteger as famílias como estipulava o mandato do seu Ministério, ela decidiu exterminar as famílias», acrescentou. «Shalom Ntahobali não estava longe da sua mãe, ele matou e violou», acrescentou, sobre o filho de Pauline Nyiramasuhuko.

O julgamento de Pauline Nyiramasuhuko pelo TPIR está a decorrer desde junho de 2001, com mais cinco réus.

Em abril de 1992, foi nomeada ministra da Família e da Promoção Feminina no primeiro governo multipartido, tornando-se numa das quatro primeiras mulheres no Ruanda a obter uma pasta ministerial.

Foi reconduzida nas funções em 1993 e em 1994, durante o genocídio.

Após a vitória militar da rebelião da Frente Patriótica Ruandesa (FPR, atualmente no poder), refugiou-se em Bukavu, no leste do antigo Zaire, e foi então denunciada por várias organizações internacionais de direitos humanos pelo presumível papel no genocídio.

Foi detida no Quénia em julho de 1997 e transferida para ser julgada pelo TPIR

In DN

Ruanda Smile14

_________________
Amigos?Longe! Inimigos? O mais perto possível!
Joao Ruiz
Joao Ruiz

Pontos : 32035

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos